Maior virada do Corinthians foi em cima do Vasco

Pergunte ao almanaque

Celso Dario Unzelte, jornalista e pesquisador, é comentarista das televisões por assinatura ESPN/ESPN Brasil, do programa Cartão Verde (TV Cultura) e professor de Jornalismo na Faculdade Cásper Líbero

ver detalhes

Maior virada do Corinthians foi em cima do Vasco

3.6 mil visualizações 33 comentários Comunicar erro

Maior virada do Corinthians foi em cima do Vasco

O jornal A Gazeta do dia seguinte destaca a maior virada da história corinthiana

Foto: Reprodução/Arquivo Celso Unzelte

“Aproveitando o tema das viradas” — como ele mesmo escreveu —, o Arthur Tonon, de Piraju (SP), quer saber se alguma vez o Corinthians já conseguiu vencer uma partida depois de estar perdendo por três gols de diferença.

Faça como ele! Nós, aqui, vamos continuar esclarecendo as dúvidas dos internautas do site Meu Timão sobre história, estatísticas ou qualquer outro tipo de curiosidade ligada ao Corinthians, como essa. A base para as respostas será sempre o Almanaque do Timão, trabalho que desenvolvo há mais de 20 anos sobre todos os jogos, jogadores e técnicos do nosso time desde 1910. Ele virou livro em 2000, foi reeditado em 2005 e agora existe na forma do APLICATIVO ALMANAQUE DO TIMÃO, para smartphones e tablets, que pode ser baixado (de graça!!!) via Apple Store ou Google Play. Nos dias (e noites) de jogos, esse aplicativo oficial do Corinthians continua sendo atualizado on line.

O APLICATIVO ALMANAQUE DO TIMÃO também traz o GAME DO TIMÃO, uma plataforma de questões de múltipla escolha em que acertos e velocidade de resposta somarão pontos para um ranking geral de usuários cadastrados. Os mais bem ranqueados receberão prêmios periódicos (semanais, mensais, semestrais e anual), como réplicas de camisas antigas, camisas oficiais, camisetas, relógios, bijuterias, bonés e livros, além de visitas acompanhadas ao Memorial do Clube, no Parque São Jorge, e até ingressos de cortesia para jogos na Arena Corinthians.

CELSO UNZELTE

Celso, aproveitando o tema de viradas, o Corinthians alguma vez virou uma partida depois de estar perdendo por três gols de diferença?

Arthur Tonon

Piraju, SP

@arthurcorinthiano

Virou, sim, Arthur. Aquela foi a maior de todas as muitas viradas da história corinthiana.

O jogo foi contra o Vasco, e fechava uma melhor de três amistosos entre os dois times, todos disputados em 1935.

No dia 1º de setembro, no Parque São Jorge, houve empate (0 a 0). Em 7 de setembro, também no Parque São Jorge, mais um empate: 1 a 1.

Em 20 de outubro daquele mesmo ano eles voltaram a se enfrentar, dessa vez no Rio de Janeiro, em São Januário.

O primeiro tempo terminou com o Vasco ganhando fácil, por 3 a 0, com dois gols do gaúcho Luiz Carvalho, aos 10 e aos 18, e um de Gradim aos 38 minutos.

Na segunda etapa, logo aos 6 minutos, Tedesco descontou para o Corinthians. Teleco, em tempo não determinado pelos jornais da época e depois aos 15 minutos, fez o segundo e o terceiro gols corinthianos, empatando o jogo em 3 a 3.

Aos 30, o ponta-esquerda De Maria marcou o quarto. Final: Vasco 3, Corinthians 4, na maior virada corinthiana de todos os tempos.

Naquela tarde de domingo, o Timão entrou em campo com José, Jaú e Carlos; Brito, Brandão e Munhoz; Teixeira, Tedesco, Teleco, Rato e De Maria. O técnico era José Foquer. O Vasco jogou com Rey, Osvaldo e Itália; Oscarino, Zarzur e Gringo; Orlando (depois Baianinho), Luiz Carvalho, Gradim, Kuko e Luna. O técnico era Harry Welfare. O juiz foi Atílio Grimaldi.

Veja mais em: Jogos Históricos e História do Corinthians.

Game do Timão

Coluna do Celso Dario Unzelte

Por Celso Dario Unzelte

Celso Dario Unzelte, jornalista e pesquisador, é comentarista das televisões por assinatura ESPN/ESPN Brasil, do programa Cartão Verde (TV Cultura) e professor de Jornalismo na Faculdade Cásper Líbero

O que você achou do post do Celso Unzelte?