Inspiração zero, arbitragem e Globo

Walter Falceta

Walter Falceta Jr. é paulistano, jornalista, neto de Michelle Antonio Falcetta, pintor e músico do Bom Retiro que aderiu ao Time do Povo em 1910. É membro do Núcleo de Estudos do Corinthians (NECO).

ver detalhes

Inspiração zero, arbitragem e Globo

Coluna do Walter Falceta

Opinião de Walter Falceta

9.6 mil visualizações 84 comentários Comunicar erro

Inspiração zero, arbitragem e Globo

Giovanni Augusto: uma substituição inócua

Foto: Agência Corinthians

1) Seguiu-se o roteiro tradicional. O Corinthians foi à Argentina e mais uma vez não conseguiu vencer o time da casa. Já foram 10 duelos de mata-mata, com sete eliminações e nenhuma vitória contra os anfitriões.

2) Mais uma vez, o futebol não apareceu. Especialmente no primeiro tempo, disputou-se um renhido MMA no meio de campo, com farta distribuição de bicudas, caneladas, empurrões e trombadas.

3) O Racing, como previsto, jogou com o regulamento debaixo do braço, aventurando-se no ataque com máxima cautela. Atuou a maior parte do tempo com uma trinca de zagueiros, protegida por uma parede de cinco meio-campistas, aqui e ali congestionada também por Lisandro López e Triverio.

4) O time argentino poderia ter poupado o goleiro Gómez e ter escalado em seu lugar um cone, considerada a espetacular inoperância do ataque corinthiano.

5) Sem criatividade e valores individuais, a esquadra comandada por Carille arrebentou-se em um jogo truncado de meia cancha e praticamente não levou perigo à meta adversária. A melhor chance talvez tenha sido a falta (mal) cobrada por Jadson.

6) Marquinhos Gabriel seguiu sua sina. Depois de um bom jogo, contra o Vasco, recolheu-se à prática convencional do futebol burocrático.

7) Rodriguinho, que ainda não retornou da Seleção Brasileira, entrou no lugar do sonolento Jadson. Não parou minutos em campo e foi expulso, com razão, pelo árbitro uruguaio. Ali, matou as pretensões do Corinthians. Está devendo, e muito. E cobre-se de razão quem questiona sua titularidade.

8) É triste que o Corinthians, depois de tantos malogros em canchas argentinas, ainda não tenha amadurecido para compreender a particular natureza do desafio. Eles vão catimbar, fingir, provocar e, quase sempre, vão contar com uma arbitragem favorável. No caso de profissionais e de uma comissão técnica bem paga, há limite para a ingenuidade.

9) É igualmente espantoso que a direção corinthiana não tenha preparado os atletas para a postura arrogante e frequentemente parcial do árbitro uruguaio Leodan González. Este ano mesmo, ele não expulsou Rodrigo Aguirre, do Nacional uruguaio, em um lance também típico das artes marciais. O atleta, em seguida, empatou o jogo contra o Peñarol. Dias depois, ele inventou a expulsão de Carlitos Benavídez, do Defensor Sporting, em partida contra o Liverpool. Há inúmeros registros de "equívocos" do árbitro, como na contestada vitória do Peñarol contra o River Plate uruguaio, por 1 a 0, em 2012. O River teve um gol legítimo anulado e um pênalti claríssimo ignorado.

10) O Corinthians não fez por merecer a vitória, mas é certo que a arbitragem foi implacável com os brasileiros e complacente com os argentinos. Lisandro López bateu, empurrou e provocou sob o olhar condescendente do árbitro. Romero foi atingido, sim, e seu agressor merecia punição exemplar, o que não ocorreu. Pillud também mandou o cotovelo em Gabriel, sem receber a devida admoestação.

11) A Rede Globo, esta mesma que demonizou Jô, da fanfarronice do Fantástico ao jornalismo de ficção de Fátima Bernardes, brigou com as imagens e não percebeu nada disso, mergulhada que está em seu vergonhoso padrão de indignação seletiva.

Veja mais em: Copa Sul-Americana.

Coluna do Walter Falceta

Por Walter Falceta

Walter Falceta Jr. é paulistano, jornalista, neto de Michelle Antonio Falcetta, pintor e músico do Bom Retiro que aderiu ao Time do Povo em 1910. É membro do Núcleo de Estudos do Corinthians (NECO).

O que você achou do post do Walter Falceta?

  • Comentários mais curtidos

    Foto do perfil de Douglas

    Ranking: 1337º

    Douglas 892 comentários

    por @douglas.sabino1

    A globo a cada dia mais me enoja. Ridícula.

  • Foto do perfil de Tiago

    Ranking: 853º

    Tiago 1277 comentários

    por @tiholiveira

    Até hoje eu não entendo essas expulsões, é sempre a mesma coisa, uma "inocência" do bem pago jogador de futebol, o Carille com certeza conversou com ele, passando orientações e confiando que ele mudaria o jogo, e fez, contra a própria equipe, assim como tantos outros fizeram na história, tá na hora do Corinthians começar a ter saco roxo em jogos decisivos na América do Sul, muitas eliminações, um absurdo de eliminações em oitavas de final de competições sul-americanas, o Racing jogou o jogo inteiro sem alterar sua tática, os jogadores brasileiros sempre cometem erros táticos, não são obedientes, se tornam quando vão jogar na Europa, veja o Barcelona-EQU, um time horrível que se esforça absurdamente taticamente, e vence jogos, times brasileiros em algum momento do jogo vão abrir a porteira e relaxar, como de costume, assim como no segundo tempo do jogo contra o Racing na Arena Corinthians, enfim, mais uma dolorosa eliminação.

  • Últimos comentários

    Foto do perfil de Thiago

    Ranking: 446º

    Thiago 2100 comentários

    84º. por @thithi11

    Jogou muito mal! Não deu um chute ao gol! O goleiro do Racing não fez uma defesa! O Rodriguinho foi péssimo! O time não tem jogado nada é o Carille foi muito mal, também! Faltou experiência e o banco que ele levou não tinha opções para mudar o jogo! Nota zero para todos! Ao continuar desse jeito, o campeonato brasileiro que era uma baba, vai ser um sofrimento daqueles!

  • Foto do perfil de Thiago

    Ranking: 446º

    Thiago 2100 comentários

    83º. por @thithi11

    O Carille errou feio em sua estratégia de se defender sendo que o time precisava da Vitória. Tinha que ir pra cima desde o começo do jogo não no final pra ir no desespero. Os argentinos mesmo jogando em casa não precisavam atacar, só o Carille que não percebeu isso.

  • Foto do perfil de UILDEMBERGUE

    Ranking: 1250º

    Uildembergue 942 comentários

    82º. por @uildo

    Walter concordo em Quase tudo, menos em termo de arbitragem! Não vi em momento algum o juiz interferir na eliminação. O Corinthians mais uma vez que foi minúsculo. O time foi eliminado sem o goleiro adversário pegar na bola. Eu acho até que e5 algo inédito.

  • Foto do perfil de Ramon

    Ranking: 17º

    Ramon 22771 comentários

    81º. por @ramon.felipe1

    Eu nem assisto mais nada dessa emissora.

  • Foto do perfil de Ciro

    Ranking: 3º

    Ciro 39344 comentários

    80º. por @ciro.hey

    Temos que fazer uma campanha para Globo mudar essa equipe de transmissão

  • Foto do perfil de Edson

    Ranking: 3256º

    Edson 381 comentários

    79º. por @edsonrodrigues

    O elenco está pilhado faz algum tempo. Salários. Independente da violência o time do Racing é muito fraco e com um ambiente mais favorável ganharíamos esse jogo, aliás já os teríamos eliminado na primeira. Quanto à globo, só assiste quem é bobo.

  • Foto do perfil de Rogerio

    Ranking: 58º

    Rogerio 8388 comentários

    78º. por @rsavio

    Enquanto isso nossa diretoria dorme.

  • Foto do perfil de Cesar

    Ranking: 9129º

    Cesar 96 comentários

    77º. por @cesar.augusto45

    O Corinthians criou exatamente 0 (zero) oportunidades de gol. O Racing poderia ter usado um cone no lugar do goleiro sem problema nenhum. Nossos jogadores chegavam perto da área e voltavam a bola para o campo de defesa.

    Sou Corinthiano desde que nasci, tenho 25 anos, me recordo de jogos a partir de 2002, e nunca vi o Corinthians virar um placar de mata-mata que saiu em desvantagem do primeiro jogo. A única certeza que eu tenho é que, o time ao perceber que vai fracassar, alguns jogadores, no mínimo 2, vão fazer faltas feias para mostrar para a torcida "insatisfação" e vão tomar cartão vermelho...

    Em fim, esperava eu que pelo menos cruzamentos para a área tivesse...lembro de um mal feito pelo Marquinhos Gabriel...não entendi a tática de ontem! Claramente os jogadores chegavam até a área, levantavam a cabeça e desistiam do lance...lamentável.

  • Foto do perfil de Rogério

    Rogério 1 comentário

    76º. por @rogerio.oliveira22

    Vencemos o San Lorenzo em 2015 na Argentina. A diferença é que o time de hoje é limitado tecnicamente.

  • Foto do perfil de Carlos

    Ranking: 14º

    Carlos 25778 comentários

    75º. por @carlao.67

    Os cartolas do Timão tiveram chance de sair da globo, ESPN, record, EI e até rede TV fizeram propostas a algum tempo pelos direitos de transmissão e dizem (não quero falar o que não tenho certeza) com valores maiores e depois a globo só empatou... No mínimo estranho... Rabo preso?