Comentário de Isabela em "[Isabela Abrantes] Contando mentiras..."

Exatamente. Neste caso, o jornalismo tradicional atua através da repetição: repetem tanto que de repente não precisam mais de fatos ou provas. Trabalham em cima do consenso criado.

Escrevi um pouco sobre isso na minha coluna anterior, chamada "Quem tem medo do bando de loucos? ". Um abraço!

em Post > [Isabela Abrantes] Contando mentiras dizendo só a verdade

Em resposta ao comentário:

Belíssimo Texto, perfeito. Infelizmente o anti-corintianismo que tem imperado na imprensa, desde o final dos anos 1990, com a ascensão do Milton Neves, tem feito escola. Essa raiva que alguns jornalistas sentem pelo Timão, muitas vezes cegae impede análises mais profundas sobre o momento esportivo do clube.

Sinceramente, perdi o gosto por assistir programas esportivos pois o futebol, de fato, ficou em segundo plano. Proliferou-se o papo (irritante) sobre arbitragem, lances comuns polemizados a exaustão e as mirabolantes teorias conspiratórias onde o vilão, é sempre o Corinthians.

Dias atrás, em um grupo de zap com familiares, debati com alguns torcedores do galo mineiro que, viviam nos chamando de "Time do Roubo". Pedi a esses torcedores que comprovassem as suas acusações com fatos reais mas, infelizmente, deixe-os sem argumento. A imprensa nefasta criou uma fama inexistente ao Corinthians e, no final, apenas nós, torcedores fieis, que realmente nos preocupamos em defender o Timão.

Responda o comentário da Isabela

  • 1000 caracteres restantes