3 Verdades sobre o Clássico

Fórum do Corinthians
Tópico Lendário Entenda as regras

Renan #5.847 @renanfree em 17/07/2016 às 21:11

Direto ao assunto, tem muito torcedor mimimi hoje em dia, que reclama de jogadores como se quem entrasse fosse fazer milagres.

1) Pessoal cobra muito o Rodriguinho, reclama, sempre dão notas baixas, mas ele é um MEIA jogando de VOLANTE, ele ajuda muito na marcação, não compromete, não tem características de infiltração como segundo volante, mas distribui o jogo lá atrás, as vezes também consegue dar bons passes e arremates, pessoal reclama, reclama reclama. Aí você vê o Elias, reflexo de um jogador, que tem empresário forte, tá na seleção sem jogar futebol desde o ano passado, no Corinthians entrou e fez um péssimo jogo na Libertadores, agora voltou e entrou em mais um jogo que tá mais preocupado em bater e fazer cara feia do que jogar bola.

2) Com Luciano ruim, pior sem ele. Danilão é o cara que a gente poem aos 30 do segundo tempo, titular já e difícil, ainda mais se tentar fazer o cara aguentar o jogo todo... Não tem mais movimentação, perde disputa de bola, não arremata, já não é mais eficiente no pivô, não tem velocidade nenhuma pra puxar marcação.

3) A realidade que muitos aqui acham Balbuena bom por ser paraguaio, não é, ele e o Yago são lentos e não dão segurança, pra mim, o Pedro Henrique é rápido, prático e bastante eficiente, titular absoluto, e acho que pós contusão, deve voltar a ser a 4ª opção, Vilson, apesar de também não ser uma excelência, joga muito mais que Balbuena e Yago (minha opnião). Yago e Balbuena colecionam falhas jogo sim, jogo não, Vilson até hoje sempre manteve uma média positiva, e o P.H. Tirando a falha contra o galo, foi o melhor zagueiro em todos os jogos que vimos.

Então a verdade é, aposta Cristóvão, vê o que tá rolando, não liga pra grife de jogador, nome de peso, põem quem tá jogando muito, punho firme. Hoje colocou o Guilherme e tirou o Marquinhos também, o Guilherme ficou isolado pra montar jogadas e sem ter com quem tabelar e criar, tendo um centroavante lerdo no ataque, e dois atacantes de lado que são bons pra contra-ataque, mas pra criar não tem o mesmo efeito.

12.414 visualizações e 250 respostas neste tópico

Avaliação do tópico:

Responder tópico

Melhores respostas

Rogério Cardoso #52 @rogerackbar em 17/07/2016 às 21:36

O Balbuena é muito melhor que o Yago. Acho meio descabida essa comparação.

No mais, concordo.

Renato Magalhaes #9 @rmagalhaes em 17/07/2016 às 21:41

Elias sem ritmo para jogar e o Rodriguinho não poderia sair e sim o Giovanne.

Sacar o Danilo(pelo físico) e por o Guilherme.

Centralizaria o Romero e deixava o Marquinhos e Guilherme para jogar livre e os volantes(Elias e Rodriguinho saindo para o jogo).

Daria segurança para Uendel ou Fagner sair com mais confiança.

Últimas respostas

Fábio Chamusca De Carvalho #477 @fabiomcbaltz em 25/07/2016 às 13:30

Mas a gente teve chances claríssimas de gol. O goleiro deles estava numa tarde feliz também. E sem contar que jogaram 90 minutos atrás da linha da bola, dando pancada e fazendo cera.

Marcelo #7242 @fielmc7 em 25/07/2016 às 12:52

" "

Pois é, mas não foi uma jogada trabalhada ou algo do tipo, e sim na base do abafa. Foi um gol que o Balbuena poderia ter feito. Além disso, o time estava precisando de volume de jogo e até o gol, o Danilo errou tudo. A qualidade do futebol jogado me preocupa.. Preocupa mais ainda o Cristóvão dizer que o rendimento não foi abaixo do esperado..

Publicidade

Marcelo Pereira Surcin #7.242 @fielmc7 em 25/07/2016 às 12:52

Pois é, mas não foi uma jogada trabalhada ou algo do tipo, e sim na base do abafa. Foi um gol que o Balbuena poderia ter feito. Além disso, o time estava precisando de volume de jogo e até o gol, o Danilo errou tudo. A qualidade do futebol jogado me preocupa.. Preocupa mais ainda o Cristóvão dizer que o rendimento não foi abaixo do esperado..

Fábio #477 @fabiomcbaltz em 25/07/2016 às 06:26

" "

Aham. Se bem que foi um jogador que ele pôs em campo que mudou bastante o ritmo ofensivo e ainda fez o gol. Hehehehe

Fábio Chamusca De Carvalho #477 @fabiomcbaltz em 25/07/2016 às 06:26

Aham. Se bem que foi um jogador que ele pôs em campo que mudou bastante o ritmo ofensivo e ainda fez o gol. Hehehehe

Marcelo #7242 @fielmc7 em 24/07/2016 às 21:21

" "

Vacilou mesmo... Mas a culpa maior dessa 'derrota' é do Cristóvão. Duas semanas só treinando e o time não consegue triangular. Fora as substituiçõees... Achava o Tite ruim de substituição, porque sempre fazia as mesmas: Danilo na do Love; Lucca na do Malcom, por exemplo. Mas o Cristóvão mexe muito mal.. às vezes penso que ele não tá assistindo a partida.

Marcelo Pereira Surcin #7.242 @fielmc7 em 24/07/2016 às 21:21

Vacilou mesmo... Mas a culpa maior dessa 'derrota' é do Cristóvão. Duas semanas só treinando e o time não consegue triangular. Fora as substituiçõees... Achava o Tite ruim de substituição, porque sempre fazia as mesmas: Danilo na do Love; Lucca na do Malcom, por exemplo. Mas o Cristóvão mexe muito mal.. às vezes penso que ele não tá assistindo a partida.

Fábio #477 @fabiomcbaltz em 23/07/2016 às 18:07

" "

Pior que a gente comenta isso antes do jogo de hoje, e olha lá no que dá. Rsrs...

Não vou dizer que Bruno foi horrível nem nada como vivem falando aqui(eu mesmo já critiquei bastante), mas pô, se driblar sozinho é sacanagem... Pra onde ele achou que Dodô ia no lance que originou o gol dos caras? Rsrsrs O sujeito é destro, tá mais pra esquerda do gol, é óbvio que ele vai puxar pra direita e sentar a paulada para o gol, véio...rsrsrs

Fábio Chamusca De Carvalho #477 @fabiomcbaltz em 23/07/2016 às 18:07

Pior que a gente comenta isso antes do jogo de hoje, e olha lá no que dá. Rsrs...

Não vou dizer que Bruno foi horrível nem nada como vivem falando aqui(eu mesmo já critiquei bastante), mas pô, se driblar sozinho é sacanagem... Pra onde ele achou que Dodô ia no lance que originou o gol dos caras? Rsrsrs O sujeito é destro, tá mais pra esquerda do gol, é óbvio que ele vai puxar pra direita e sentar a paulada para o gol, véio...rsrsrs

Marcelo #7242 @fielmc7 em 23/07/2016 às 13:12

" "

Primeiro post seu que curti integralmente, mano! Kkkk aquele jogo contra o Vitória me dá raiva só de lembrar. O Bruno tá jogando uma bola redonda e o pessoal do Meu Timão ainda pega no pé dele... é o cara que mais desarma no campeonato e não tá mais errando passes infantis. Quanto ao André, torço muito pra ele encaixar... é certo que foi mal quando titular, mas também no 4-1-4-1 do Tite havia um espaço imenso entre ele e a linha de 4. Ele quase não recebia bola perto do gol e é ali que tem que receber. Ele é empurrador de bola, não tem a técnica de outros.

Marcelo Pereira Surcin #7.242 @fielmc7 em 23/07/2016 às 13:12

Primeiro post seu que curti integralmente, mano! Kkkk aquele jogo contra o Vitória me dá raiva só de lembrar. O Bruno tá jogando uma bola redonda e o pessoal do Meu Timão ainda pega no pé dele... é o cara que mais desarma no campeonato e não tá mais errando passes infantis. Quanto ao André, torço muito pra ele encaixar... é certo que foi mal quando titular, mas também no 4-1-4-1 do Tite havia um espaço imenso entre ele e a linha de 4. Ele quase não recebia bola perto do gol e é ali que tem que receber. Ele é empurrador de bola, não tem a técnica de outros.

Fábio #477 @fabiomcbaltz em 22/07/2016 às 21:46

" "

Eu gosto do estilo de jogo de Guilherme. O que não gosto é da vibração de Guilherme. Hehe. Na década de 90 chamaríamos ele de 'sono'. Só não chamo de fato porque também não é pra taaanto. Ele não dorme o suficiente pra ganhar a alcunha. Hehehehe
Esse jogo contra o Vitória nos custou a liderança que hoje esta com as peppas. Aquele primeiro tempo era pra ter terminado uns 5x1 facilmente. Elias, André, Marquinhos Gabriel foram os que perderam os gols mais feitos. Marlone só entrou no segundo tempo. Assim como Luciano e Romero. Era aquela época em que as substituições de Tite eram sempre as mesmas. Hehehe

Verdade o lance da condição física de Cristian. Mas acho até que Bruno Henrique estabilizou as atuações em um bom nível justamente depois que jogou com Cristian. Aquele foi o meio de campo ideal no ano, na minha opinião. Mas de fato há a dificuldade em repetir essa escalação.

Fábio Chamusca De Carvalho #477 @fabiomcbaltz em 22/07/2016 às 21:46

Eu gosto do estilo de jogo de Guilherme. O que não gosto é da vibração de Guilherme. Hehe. Na década de 90 chamaríamos ele de 'sono'. Só não chamo de fato porque também não é pra taaanto. Ele não dorme o suficiente pra ganhar a alcunha. Hehehehe
Esse jogo contra o Vitória nos custou a liderança que hoje esta com as peppas. Aquele primeiro tempo era pra ter terminado uns 5x1 facilmente. Elias, André, Marquinhos Gabriel foram os que perderam os gols mais feitos. Marlone só entrou no segundo tempo. Assim como Luciano e Romero. Era aquela época em que as substituições de Tite eram sempre as mesmas. Hehehe

Verdade o lance da condição física de Cristian. Mas acho até que Bruno Henrique estabilizou as atuações em um bom nível justamente depois que jogou com Cristian. Aquele foi o meio de campo ideal no ano, na minha opinião. Mas de fato há a dificuldade em repetir essa escalação.

Marcelo #7242 @fielmc7 em 22/07/2016 às 20:43

" "

De fato, dei uma exagerada no termo 'excelenteS' kkk. Mas contra o Vitória ele gastou a bola, dando assistência para o gol do Uendel, abrindo a jogada para o gol do Fagner e sem contar os lançamentos para o próprio Fagner, Luciano e Marlone perderem gols literalmente sozinhos com o goleiro. Contra o Sport ele deu um passe para o gol do Marquinhos e deixou este mais 2 vezes na cara; contra o Flu também. Esse é o jogo do Guilherme: ele tenta um passe diferente que ninguém espera, por isso está suscetível a errar mais. Porém, quando acerta, deixa um companheiro em condições de marcar. Se tivéssemos um Guerrero (no auge do segundo semestre de 2014), o Guilherme seria líder de assistências e o peruano artilheiro isolado do campeonato!

Gostei da sua escalação, mas eu tiraria o Cristian, que pra mim é um ex-jogador, infelizmente. O Brasileiro tem jogo de 3 em 3 dias e na primeira sequência que teve ele se lesionou. A segunda lesão muscular séria no ano, sendo que quase não joga. O Elias está com uma tiriça imensa em 2016, mas se resolver jogar tem que ser titular... Caso contrário, eu testaria o Camacho, que foi o melhor passador do Paulista e me parece mais técnico. O Rodriguinho eu me recuso a comentar.. é uma pena o Maycon não estar mais no grupo.

Marcelo Pereira Surcin #7.242 @fielmc7 em 22/07/2016 às 20:43

De fato, dei uma exagerada no termo 'excelenteS' kkk. Mas contra o Vitória ele gastou a bola, dando assistência para o gol do Uendel, abrindo a jogada para o gol do Fagner e sem contar os lançamentos para o próprio Fagner, Luciano e Marlone perderem gols literalmente sozinhos com o goleiro. Contra o Sport ele deu um passe para o gol do Marquinhos e deixou este mais 2 vezes na cara; contra o Flu também. Esse é o jogo do Guilherme: ele tenta um passe diferente que ninguém espera, por isso está suscetível a errar mais. Porém, quando acerta, deixa um companheiro em condições de marcar. Se tivéssemos um Guerrero (no auge do segundo semestre de 2014), o Guilherme seria líder de assistências e o peruano artilheiro isolado do campeonato!

Gostei da sua escalação, mas eu tiraria o Cristian, que pra mim é um ex-jogador, infelizmente. O Brasileiro tem jogo de 3 em 3 dias e na primeira sequência que teve ele se lesionou. A segunda lesão muscular séria no ano, sendo que quase não joga. O Elias está com uma tiriça imensa em 2016, mas se resolver jogar tem que ser titular... Caso contrário, eu testaria o Camacho, que foi o melhor passador do Paulista e me parece mais técnico. O Rodriguinho eu me recuso a comentar.. é uma pena o Maycon não estar mais no grupo.

Fábio #477 @fabiomcbaltz em 22/07/2016 às 00:34

" "

Não, cara. Craque é a exceção. O normal são os jogadores medianos, que se dividem entre esforçados e acomodados. Sendo que o primeiro grupo consegue se destacar quando o coletivo está sob bom comando. É o caso do nosso elenco. Não tem nenhum jogador nota 8 ali. Ou melhor, tem Fagner e Cássio, e os que já foram nota 8, como Elias, Cristian e Danilo. O resto é de 7,5 pra baixo. E quando falo de ser raçudo, passo bem longe dessa onda aí que você disse de dar bico pra cima. Falo é de disputar as jogadas, por o pezinho pra dividir, saca? Não pipocar... Quando perde a bola, agredir o adversário pra retomar a posse dela. É sanha de vencer e de ser melhor. Guilherme muitas vezes não faz nada disso.
Lembra do clássico contra as peppas neste primeiro turno, que perdemos pela primeira vez lá no estádio delas? Foi isso. O time dos caras jogou com essa raça a qual me refiro.
Eu discordo do uso da palavra 'excelente' quando você se refere a Guilherme. Ele não fez várias partidas excelentes. Ele fez uma ou outra, e deu entrevistas admitindo que estava mal e com dificuldade de fazer a função de meia armador, e melhorou quando virou um quase ponta-de-lança. Ou seja, quando foi posicionado corretamente em campo. E é o mesmo caso de Romero. Você mesmo admite que nosso meio está improdutivo, mas ainda assim diz que a culpa é do cara que joga lá na frente. Romero não é armador e nem articulador. Ele é definidor de bom posicionamento e fundamento de finalização. Observe que nos gols ele sempre executa os movimentos com propriedade bastante satisfatória. É o que digo sempre: ele é o 7 antigo. E não o 9 ou o 11.
E tem mais, Pato tem um aproveitamento bem ruim nas finalizações durante o jogo. Desde a época do Milan que ele perde muito gol pra fazer um. Até hoje não esqueço da partida em 2013 contra o Goias, quando Douglas colocou ele de cara para o gol 800 vezes e o cara só vacilando.
Vou torcer pra que ele se esforce, sabendo que estarei esperando algo que vai de encontro a natureza dele, bom que se diga.

Por mim escalava o time com Cássio; Fagner, Balbuena, Pedro Henrique, Uendel; Cristian, Bruno Henrique, Giovanni Augusto e Marquinhos Gabriel; Guilherme e Romero. Pra mim André é reserva do paraguaio. Assim como Luciano, Lucca e Rildo. Se, e esse é um 'se' bem grande, Pato resolver jogar bola, aí ele toma a vaga de Romero. Do contrário prefiro essa escalação que te dei aí.

Fábio Chamusca De Carvalho #477 @fabiomcbaltz em 22/07/2016 às 00:34

Não, cara. Craque é a exceção. O normal são os jogadores medianos, que se dividem entre esforçados e acomodados. Sendo que o primeiro grupo consegue se destacar quando o coletivo está sob bom comando. É o caso do nosso elenco. Não tem nenhum jogador nota 8 ali. Ou melhor, tem Fagner e Cássio, e os que já foram nota 8, como Elias, Cristian e Danilo. O resto é de 7,5 pra baixo. E quando falo de ser raçudo, passo bem longe dessa onda aí que você disse de dar bico pra cima. Falo é de disputar as jogadas, por o pezinho pra dividir, saca? Não pipocar... Quando perde a bola, agredir o adversário pra retomar a posse dela. É sanha de vencer e de ser melhor. Guilherme muitas vezes não faz nada disso.
Lembra do clássico contra as peppas neste primeiro turno, que perdemos pela primeira vez lá no estádio delas? Foi isso. O time dos caras jogou com essa raça a qual me refiro.
Eu discordo do uso da palavra 'excelente' quando você se refere a Guilherme. Ele não fez várias partidas excelentes. Ele fez uma ou outra, e deu entrevistas admitindo que estava mal e com dificuldade de fazer a função de meia armador, e melhorou quando virou um quase ponta-de-lança. Ou seja, quando foi posicionado corretamente em campo. E é o mesmo caso de Romero. Você mesmo admite que nosso meio está improdutivo, mas ainda assim diz que a culpa é do cara que joga lá na frente. Romero não é armador e nem articulador. Ele é definidor de bom posicionamento e fundamento de finalização. Observe que nos gols ele sempre executa os movimentos com propriedade bastante satisfatória. É o que digo sempre: ele é o 7 antigo. E não o 9 ou o 11.
E tem mais, Pato tem um aproveitamento bem ruim nas finalizações durante o jogo. Desde a época do Milan que ele perde muito gol pra fazer um. Até hoje não esqueço da partida em 2013 contra o Goias, quando Douglas colocou ele de cara para o gol 800 vezes e o cara só vacilando.
Vou torcer pra que ele se esforce, sabendo que estarei esperando algo que vai de encontro a natureza dele, bom que se diga.

Por mim escalava o time com Cássio; Fagner, Balbuena, Pedro Henrique, Uendel; Cristian, Bruno Henrique, Giovanni Augusto e Marquinhos Gabriel; Guilherme e Romero. Pra mim André é reserva do paraguaio. Assim como Luciano, Lucca e Rildo. Se, e esse é um 'se' bem grande, Pato resolver jogar bola, aí ele toma a vaga de Romero. Do contrário prefiro essa escalação que te dei aí.

Marcelo #7242 @fielmc7 em 21/07/2016 às 19:13

" "

Sim, de fato muitos caneludos deram certo na história, mas isso não pode ser tido como regra, e sim como exceção. Principalmente no Corinthians atual que tem tão poucos jogadores que façam a diferença do meio pra frente (pra mim só Marquinhos Gabriel, Giovanni e Guilherme), você não pode se dar ao luxo de deixar um deles no banco para o Romero. Tem que fazer o feijão com arroz e botar quem sabe mesmo pra jogar!

Quanto ao Guilherme não ser 'raçudo', o pessoal confunde as coisas...Danilo e Jádson nunca precisaram dar um carrinho pra se consagrar no Corinthians, porque essa não é a característica deles. O jogador não pode ficar querendo fazer média pra torcida..já foi o tempo que se dava bicão pra arquibancada e virava ídolo. O Guilherme em nenhum momento mostrou falta de disposição e muito menos falta de qualidade pra ser sacado do time. A impressão que dá é que o Cristóvão não vinha acompanhando muito o Corinthians antes de assumir...o Guilherme fez jogos excelentes esse campeonato, deixando todo mundo na cara do gol inúmeras vezes. Contra o Vitória foi um absurdo! Aquele jogo era pra ter sido 6x2 se tivéssemos um 9 de qualidade. Contra o Fluminense ele quis consagrar 2 vezes o Marquinhos no primeiro tempo e este perdeu 2 gols feitos. Hoje, o nosso meio campo inexiste! A bola bate e volta...o Rodriguinho não tem saída de jogo, Giovanni está MUITO mal pelo centro e o Romero é incapaz de reter a bola. Pode notar que o Romero só se destaca pertinho do gol, porque se tiver que dominar e construir a jogada, ele se embanana todo. É constrangedor o esforço supremo que ele faz pra jogar bola, quando caras como Giovanni e Guilherme fazem parecer fácil. Temos que privilegiar o talento, meu caro! O time pode melhorar muito se Giovanni for pra direita potencializar o Fagner e Guilherme para o meio lançar o André (ou o Pato) na cara do gol. Até a posse de bola aumentaria jogando 2 meias armadores.

Também acho o Romero um ótimo profissional e um cara respeitador. Torço tanto por ele que espero que ele seja convocado pela seleção paraguaia e quem sabe até vendido para o Real Madrid! Kkkk

Marcelo Pereira Surcin #7.242 @fielmc7 em 21/07/2016 às 19:13

Sim, de fato muitos caneludos deram certo na história, mas isso não pode ser tido como regra, e sim como exceção. Principalmente no Corinthians atual que tem tão poucos jogadores que façam a diferença do meio pra frente (pra mim só Marquinhos Gabriel, Giovanni e Guilherme), você não pode se dar ao luxo de deixar um deles no banco para o Romero. Tem que fazer o feijão com arroz e botar quem sabe mesmo pra jogar!

Quanto ao Guilherme não ser 'raçudo', o pessoal confunde as coisas...Danilo e Jádson nunca precisaram dar um carrinho pra se consagrar no Corinthians, porque essa não é a característica deles. O jogador não pode ficar querendo fazer média pra torcida..já foi o tempo que se dava bicão pra arquibancada e virava ídolo. O Guilherme em nenhum momento mostrou falta de disposição e muito menos falta de qualidade pra ser sacado do time. A impressão que dá é que o Cristóvão não vinha acompanhando muito o Corinthians antes de assumir...o Guilherme fez jogos excelentes esse campeonato, deixando todo mundo na cara do gol inúmeras vezes. Contra o Vitória foi um absurdo! Aquele jogo era pra ter sido 6x2 se tivéssemos um 9 de qualidade. Contra o Fluminense ele quis consagrar 2 vezes o Marquinhos no primeiro tempo e este perdeu 2 gols feitos. Hoje, o nosso meio campo inexiste! A bola bate e volta...o Rodriguinho não tem saída de jogo, Giovanni está MUITO mal pelo centro e o Romero é incapaz de reter a bola. Pode notar que o Romero só se destaca pertinho do gol, porque se tiver que dominar e construir a jogada, ele se embanana todo. É constrangedor o esforço supremo que ele faz pra jogar bola, quando caras como Giovanni e Guilherme fazem parecer fácil. Temos que privilegiar o talento, meu caro! O time pode melhorar muito se Giovanni for pra direita potencializar o Fagner e Guilherme para o meio lançar o André (ou o Pato) na cara do gol. Até a posse de bola aumentaria jogando 2 meias armadores.

Também acho o Romero um ótimo profissional e um cara respeitador. Torço tanto por ele que espero que ele seja convocado pela seleção paraguaia e quem sabe até vendido para o Real Madrid! Kkkk

Fábio #477 @fabiomcbaltz em 21/07/2016 às 18:44

" "

Luciano já estava no time em 2015 uai. E precisou ir pra Seleção Brasileira Sub-20, meter gol pra caramba lá para o Tite coloca-lo pra jogar. Love perdeu a posição e só reconquistou por sorte, pois Luciano se machucou. E lembre-se que trouxeram Love em cima do processo de renovação de Guerrero. A lista de atacantes ano passado era grande. Fomos liberando muitos. Sem contar uns moleques da base que sequer tiveram chance quando Vagner Love estava pior que peladeiro de final de semana...


Realmente o que você apontou sobre a conta de 2014 esta certo. O time fez aquela quantidade de jogos mas somente depois do Paulista é que Romero chegou. Me passei ali. E de toda forma, se eu me der esse tempo, posso pesquisar e checar em quantas partidas ele entrou como titular. Minha memoria diz que foram poucas...


Quanto ao Henrique, as peppas não dispensaram ele. Não tiveram foi grana pra adquiri-lo em definitivo. E perto do vencimento do empréstimo, ele acabou saindo. Era aquela época em que eles ficavam perdendo jogador. Antes de Henrique, tinha sido Kardec. E antes de Kardec, Barcos. Eles queriam ter ficado com o cara.
Ele não deu certo no Cruzeiro, mas em Portugal sim. Acho que agora assinou com o Flu... http://espn.uol.com.br/noticia/598087_ex-palmeiras-ouviu-que-nao-servia-nem-para-4-divisao-hoje-e-o-degolador-na-europa Ex-Palmeiras ouviu que não servia nem para 4ª divisão. Hoje, é Ex-Palmeiras ouviu que não servia nem para 4ª divisão. Hoje, é 'O Degolador' na Europa - ESPN José Henrique da Silva Dourado é uma das grandes sensações do atual Campeonato Português, tendo anotado 13 gols pelo Vitória de Guimarães.Se você não... espn.uol.com.br


Eu respondi a pergunta capciosa que você me fez. Hehehe. Ele JÁ ESTA em um time do atual G4. É o artilheiro do vice-lider do campeonato, com o segundo melhor ataque. Hehe. Mas se você quer outro time além do nosso, acho que ele poderia jogar no Grêmio e no Santos tranquilamente. No Palmeiras não porque Jesus vive grande fase e Dudu o alimenta. Fora esses dois, não vejo nada naquele ataque das peppas.
Neto hoje no Donos da Bola falou algo que eu sempre digo. Ano passado nós vibramos com Jadson e Renato Augusto jogando pra caramba. Fomos campeões com larga folga. Jadson fez 18 gols na temporada inteira, e Renato Augusto fez 11. Romero já tem 14 e estamos em julho. Dá pra comparar o futebol deles dois com o do gringo? Evidentemente que não. Mas o que ganha jogo é gol. O objetivo do jogo é fazer gol. Nosso time ano passado teve um jogo coletivo que potencializou as individualidades. E é disso que eu falo. Esse ano não estamos tão bem porque não temos um MEIO DE CAMPO CRIATIVO. E não exatamente um ataque problemático. O time tá meio empacando. E a culpa não é do artilheiro do time. Isso não faz NENHUM sentido.

Você tem na história do futebol mundial INÚMEROS fazedores de gols que eram caneludos, como você disse a respeito de Henrique Ceifador(eu acho esse apelido bacana pra caramba. Hehe) Veja a lista dos bambis. Entre os três MAIORES deles, tem dois caneludos, Serginho Chulapa e Luis Fabiano. E na Seleção de Telê em 82, o caneludo sãopaulino colocou Roberto Dinamite no banco. Veja bem, Roberto Dinamite... Você imagina o motivo? Hehehe
A gente pode aumentar a lista... Vieri, Totó Schilaci, Nistelrooy, Lukaku, André Balada, Dadá Maravilha, Souza, Mirandinha... Todos eles artilheiros em ao menos um momento de suas vidas... Rsrs...

Meu ponto em relação a Romero diz respeito a alma do que é ser corintiano. Fomos campeões brasileiros pela primeira vez com um time que era inferior aos outros. E isso aconteceu diversas vezes. A diferença do Corinthians para as outras equipes e suas escolas de futebol está na raça, na entrega, na continuidade do esforço e na superação. Romero tem limitações técnicas visíveis. Mas tem qualidades também. É rápido, tem boa colocação na área, fundamento de finalização e excelente impulsão e cabeceio, mesmo não sendo alto. Não tem toque refinado e muitas vezes se embola pra dominar a bola. Mas nunca deixa de brigar. Não fica caguetando erro dos outros em campo. Nunca se mete em confusão. Dificilmente leva cartão. Não se esconde do jogo, como Elias cansa de fazer. O espirito do moleque é forte. Quero cinco mil Romeros mas não quero um Pato. Ainda que esteja torcendo pra aquela desgraça ajudar a gente agora que foi reintegrado, e que não temos outro jeito a dar naquele merda. Imagine aí se Guilherme tivesse a alma de Romero a bola que não estaria jogando...