O craque estrangeiro

Fórum do Corinthians
Tópico popular Entenda as regras

José #5.983 @zethomaz em 16/07/2016 às 14:43

Então ele chega. Nunca despertou o interesse de grandes clubes europeus, mas já passou pelas seleções de base de seu país e brilhou em algum Apertura por aí, deu umas assistências, fez uns golaços. O suficiente para chegar com status de salvador ao seu clube. Ele, o gringo craque que ninguém nunca viu jogar.

É um cara que joga no terço final do campo. Supostamente, é ofensivo, veloz, tem um bom passe, bons dribles… Falta não é sua especialidade, mas ele é gringo e é craque, provavelmente consegue guardar uma ou outra cobrança.

Logo que as especulações sobre sua chegada começaram a pipocar, você já foi procurar seu nome no Google. Os números não empolgam: ele não fez nem cinco gols no Campeonato Argentino passado, e as assistências também não são nada demais. Hora de ir para o Youtube. Fiel a seu clube, você faz o esforço de tentar ignorar a música ruim de fundo e se empolga com uma corrida aqui, um drible ali e aquele golaço, na gaveta. Parece que é craque mesmo.

Então o gringo craque é relacionado pela primeira vez para um jogo. Mais um empate chato sem gols vai se desenhando, a partida já passou da metade do segundo tempo, e todo o mundo começa a cantar o nome do recém-contratado. Ele entra, toca uma ou duas vezes na bola, mas não faz nada. No jogo seguinte, mais uma vez é pedido pelos torcedores, sai do banco e não altera o jogo.

O torcedor então argumenta: “É que ele está tendo pouco tempo em campo, precisa jogar os 90 minutos”. A chance no time titular chega, de fato o gringo craque apresenta um futebol um pouco melhor, mas nada que justifique o apelido de “Novo Fulano” que recebeu.

Os primeiros jogos ruins são sempre relevados. Ele precisa se acostumar ao futebol brasileiro, se encaixar melhor no esquema do treinador. Não, o problema é o treinador! O time está bagunçado, como é que o futebol do cara vai deslanchar?

O tempo passou, o gringo craque ainda está longe de render o que dele se esperava, e a torcida começa a perder a paciência. E é justamente quando ela está a ponto de se desiludir completamente que ele vai lá e anota aquele golaço marcante. Confiança renovada para mais alguns meses de decepção.Ele nunca deslancha, afinal não era craque coisa alguma. Havia um motivo pelo qual ninguém o havia visto antes. Com a paciência de comissão técnica, torcedores, dirigentes e imprensa esgotada, o gringo craque vai jogar na Série B ou encontra outro time em algum outro país na América do Sul. E não é que é capaz de ele aprontar contra o seu time em uma fase de grupos da Libertadores?

Fonte: http://trivela.uol.com.br/entidades-misticas-do-futebol-brasileiro-o-craque-estrangeiro/ Entidades místicas do futebol brasileiro: o craque estrangeiro - Trivela Entidades místicas do futebol brasileiro: o craque estrangeiro - Trivela Ele nunca despertou o interesse de grandes clubes europeus, mas já brilhou em algum Apertura por aí. O suficiente para chegar com status de salvador trivela.uol.com.br

1.306 visualizações e 20 respostas neste tópico

Avaliação do tópico:

Responder tópico

Melhor resposta

Pádua Alves #272 @paduaalves em 16/07/2016 às 14:47

Texto perfeito. Serve muito bem para os olheiros aqui do fórum que vivem pedindo qualquer sulamericano meio boca que acerta um ou dois bons passes.

Últimas respostas

Ricardo Gomes #28 @ricardo.gomes3 em 16/07/2016 às 22:03

Dvdefrederico

Publicidade

Felipe De Moraes #129 @felipemoraes em 16/07/2016 às 21:51

O que precisa é prestar mais atenção e não contratar um jogador só por um campeonato.

Mercado Sulamericano é como o brasileiro, tem opões boas e ruins. É só saber avaliar os jogadores.

Corinthians mesmo, contratou de graça o Mendoza, fraquíssimo, hoje tem um baita zagueiro que é o Balbuena, e sem gastar muito para os padrões atuais do futebol.

Em 2014, ninguém no Brasil e na Europa se interessou pelo Edwin Cardona, que era do Atlético Nacional, que estava voando. Monterrey o contratou, e hoje o Bayern Munich está interessado nele, e o seu atual clube, pode faturar uma bolada.

Lyppe Rodrigues Netto #440 @lyppe.rodrigues.nett em 16/07/2016 às 20:47

E mais pura verdade!

Gustavo Rebouças #107 @gustavo.reboucas em 16/07/2016 às 19:33

Ele se queimou, não foi queimado. Quem passava a noite jogando pôquer online e ia treinar sem dormir não era o técnico...

Roger Bruno Leodoro Samuel #3.306 @roger.bruno.leodoro. em 16/07/2016 às 17:00

Sebá, Arce, Herrera, Acosta, Defederico...

Mds, da pra fazer um belo time de série C, só com os 'cucarachas' que chegaram no Timão como craques kkkkkkkk

Lucas Alfredo Issa #3.890 @lucas.alfredo1 em 16/07/2016 às 16:31

Exatamente, esse texto serve para vários 'craques' sulamericanos que chegam ao Brasil, como Defederico, Romero e Santiago 'el Tanque'(Corinthians), Centurión e Cañete (SPFW), Botinelli, Maxi Biancucchi, Lucas Mugni (Flamerda), por exemplo.

José #5983 @zethomaz em 16/07/2016 às 15:41

" "

Não, não é uma crítica direta ao Corinthians, é uma crítica a todos os times e torcedores que possuem essa mentalidade de vira-lata, escolhi a foto do Defederico porque bem me lembro na época ele recebia a alcunha de 'Novo Messi'.

José Marcos #5.983 @zethomaz em 16/07/2016 às 15:41

Não, não é uma crítica direta ao Corinthians, é uma crítica a todos os times e torcedores que possuem essa mentalidade de vira-lata, escolhi a foto do Defederico porque bem me lembro na época ele recebia a alcunha de 'Novo Messi'.

Alexandre Kina #7.160 @alekina em 16/07/2016 às 15:13

É mas as vezes da certo ne, como Montillo, conca, pratto, aranguiz...

Marlon Monteiro #2.501 @ccezar em 16/07/2016 às 15:09

Eis a razão do apelido

José #5983 @zethomaz em 16/07/2016 às 14:54

" "

Me identifiquei muito com o texto também, por isso resolvi postar ele aqui. Eu gostava bastante do estilo de jogo do Burrito Martinez, eu o achava um 'craque'. Uma pena que ele resolveu falar mais do que a boca. Haha

Elias Dos Santos #527 @eliasbb em 16/07/2016 às 15:06

O cara se perdeu na nigth, jogatina, bebidas e mulheres...perdeu a grande chance da sua vida, que hoje desandou de vez. Uma pena.

1 a 10 de 19 respostas