Hoje tive o prazer de receber esse cara

Fórum do Corinthians
Tópico Lendário Entenda as regras

Felipe #5.001 @felipe.moreira14 em 04/10/2018 às 15:29

Trabalho num estúdio com gravação de institucionais. Hoje o cliente do dia foi o nosso ex-goleiro Júlio César. Muito feliz em receber um cara que teve uma história marcante no Timão.

Queria compartilhar com vocês. Valeu!

Vai Corinthians!

7.125 visualizações e 132 respostas neste tópico

Avaliação do tópico:

Responder tópico

Melhores respostas

Fernando Silva Teixeira #348 @fst141910 em 04/10/2018 às 15:32

Na primeira olhada que eu sei pensei que era o Roger kkkkkkkkkkkkk

Mais ele foi [email protected] no Corinthians, honrou bem o manto.

Parsa #10.992 @vinicius.ramos10 em 04/10/2018 às 19:15

Conheci ele em 2011, cara muito humilde e trabalhador, pena que em partidas decisivas ele não teve a frieza do Dida ou do Cássio, mas à maneira dele deu seu melhor debaixo das traves do Timão

Últimas respostas

Robson Pacheco #215 @robsonpacheco em 15/10/2018 às 13:11

Quantos como titular? Essa foi a pergunta.

Mas vamos lá...desses quase 350 jogos pelo Corinthians, mais da metade foram pela base.

Copa São Paulo de Futebol Júnior (2): 2004,2005... X
Campeonato Brasileiro (2): 2005 (reserva do Fábio Costa), 2011 OK
Campeonato Brasileiro Série B (1): 2008 (reserva do Felipe)
Campeonato Paulista (2): 2009 (reserva do Felipe), 2013 (reserva do Cássio)
Copa do Brasil (1): 2009 (reserva do Felipe)
Copa Libertadores da América (1): 2012 (reserva do Cássio)
Copa do Mundo de Clubes da FIFA (1): 2012 (reserva do Cássio)
Recopa Sul-Americana (1): 2013 (reserva do Cássio)

Ídolo? Pra mim, não. Acho que galera banalizou demais a palavra 'ídolo'.

Fábio Costa é seu ídolo? Foi campeão em 2005 e jogou bem mais que o Júlio Cesar em 2011. O Nei foi campeão em 1998, é seu ídolo também?

Merece respeito sim e em nenhum momento eu o desrespeitei, só entendo que supervalorizam ele por ser corintiano.

Bruno #4511 @bruno1801 em 15/10/2018 às 11:27

" "

Segue currículo do cara.

Quase 350 jogos com a camisa do Corinthians!

Corinthians
Copa São Paulo de Futebol Júnior (2): 2004,2005
Campeonato Brasileiro (2): 2005,2011
Campeonato Brasileiro Série B (1): 2008
Campeonato Paulista (2): 2009,2013
Copa do Brasil (1): 2009
Copa Libertadores da América (1): 2012
Copa do Mundo de Clubes da FIFA (1): 2012
Recopa Sul-Americana (1): 2013

É ídolo? Não? Merece respeito? Muito.

Publicidade

Bruno Gonçalves Dos Santos #4.511 @bruno1801 em 15/10/2018 às 11:27

Segue currículo do cara.

Quase 350 jogos com a camisa do Corinthians!

Corinthians
Copa São Paulo de Futebol Júnior (2): 2004,2005
Campeonato Brasileiro (2): 2005,2011
Campeonato Brasileiro Série B (1): 2008
Campeonato Paulista (2): 2009,2013
Copa do Brasil (1): 2009
Copa Libertadores da América (1): 2012
Copa do Mundo de Clubes da FIFA (1): 2012
Recopa Sul-Americana (1): 2013

É ídolo? Não? Merece respeito? Muito.

Robson #215 @robsonpacheco em 10/10/2018 às 12:00

" "

Quantos títulos como titular?

Robson Pacheco #215 @robsonpacheco em 10/10/2018 às 12:01

Quando o Marcelinho pipocou?

Rodrigo #3378 @rudrigow em 04/10/2018 às 16:27

" "

Até Marcelinho já pipocou, mas o que ele honrou é muito maior e merece ser lembrado

Robson Pacheco #215 @robsonpacheco em 10/10/2018 às 12:00

Quantos títulos como titular?

Bruno #4511 @bruno1801 em 04/10/2018 às 16:39

" "

Você precisa aprender a valorizar mais os caras que passaram por aqui. O cara foi importante pra caramba no título brasileiro de 2011, depois foi para o banco por falhar, não tumultuou o ambiente. É um dos goleiros com mais títulos com a nossa camisa. Respeita o cara

Robson Pacheco #215 @robsonpacheco em 10/10/2018 às 11:38

Ok, é a banalização da palavra ídolo, mas Júlio Cesar e o paraguaio têm o mesmo nível de mediocridade na história do Corinthians.

Cássio é indiscutível, sem ele e com Júlio Cesar no gol NUNCA teríamos sido campeões da Libertadores e consequentemente Bi mundiais, aliás, as falhas do Júlio conta a Ponte Preta foram as grandes contribuições dele para esses títulos. Da mesma forma, com o paraguaio, sem ele ou apesar dele teríamos ganho os 2 brasileiros e os 2 paulistas.

E cara, eu imagino mesmo alguém se sentido muito representado pelo paraguaio na 6ª feira, quando ele perdeu MAIS uma bola de domínio fácil e deu MAIS um contra-ataque pra sair o 3º gol do Flamengo.

ANDRE #5646 @almeida1 em 10/10/2018 às 11:20

" "

Ok, amigao cada um tem sua opiniao.

Romero é ídolo e me representa em campo

Cássio também.

Andre Henrique De Almeida #5.646 @almeida1 em 10/10/2018 às 11:20

Ok, amigao cada um tem sua opiniao.

Romero é ídolo e me representa em campo

Cássio também.

Robson #215 @robsonpacheco em 10/10/2018 às 11:04

" "

Véio, o médico pôs o dedo dele no lugar e imobilizou, ele nem sentiu nada nos longos 5 minutos que ficou em campo sem nem tocar na bola.

Outro dia eu cheguei em casa e peguei os minutos finais de um jogo da bicharada e com uns 42,43 minutos do 2º tempo o Liziero caiu com câimbras, entrou a maca, tirou o cara, a bicharada já tinha feito as 3 substituições e aí ele voltou ficou em campo 'heroicamente' por uns 5 minutos sem tocar na bola, na lateral perto do meio de campo, zona morta mesmo, o narrador faltou chupar o 'herói' são paulino, o cara que ficou em campo 'no sacríficio' pra ajudar o time dele, foi exatamente a mesma coisa que o Júlio César.

Mas ok, lambem e idolatram tanto jogador medíocre por aqui, tem quem ache que o paraguaio grosso é ídolo. Só não aceito que ele nos 'deu' o campeonato de 2011, quando na verdade, não 'deu'. Cássio nos deu a Libertadores e o Mundial, foi decisivo nos 2, Júlio Cesar foi um coadjuvante ok, nada além disso.

Goleiro regular, absolutamente normal, que saiu e não deixou saudade em ninguém, que nunca teve uma atuação de destaque num jogo decisivo, nunca foi O cara do jogo num mata-mata, muito pelo contrário, né? ! E que se voltasse hoje seria 4ª opção, atrás do Cássio, Valter e Caique.

Lucas Henrique #472 @lucas.2012 em 10/10/2018 às 11:20

Mostra a parte aonde eu disse que ele nos deu o título? Citei a sua importância, apareceu em jogos grandes, mas não atribui o título a ele. Melhore a interpretação.

Robson #215 @robsonpacheco em 08/10/2018 às 15:10

" "

Ok, continuo achando ele bom moço, educadinho e corintiano, daí a dizer que ele nos 'deu' o título de 2011 é o mesmo absurdo que dizer que o paraguaio nos deu o BR 2017, foram no máximo coadjuvantes.

Robson Pacheco #215 @robsonpacheco em 10/10/2018 às 11:04

Véio, o médico pôs o dedo dele no lugar e imobilizou, ele nem sentiu nada nos longos 5 minutos que ficou em campo sem nem tocar na bola.

Outro dia eu cheguei em casa e peguei os minutos finais de um jogo da bicharada e com uns 42,43 minutos do 2º tempo o Liziero caiu com câimbras, entrou a maca, tirou o cara, a bicharada já tinha feito as 3 substituições e aí ele voltou ficou em campo 'heroicamente' por uns 5 minutos sem tocar na bola, na lateral perto do meio de campo, zona morta mesmo, o narrador faltou chupar o 'herói' são paulino, o cara que ficou em campo 'no sacríficio' pra ajudar o time dele, foi exatamente a mesma coisa que o Júlio César.

Mas ok, lambem e idolatram tanto jogador medíocre por aqui, tem quem ache que o paraguaio grosso é ídolo. Só não aceito que ele nos 'deu' o campeonato de 2011, quando na verdade, não 'deu'. Cássio nos deu a Libertadores e o Mundial, foi decisivo nos 2, Júlio Cesar foi um coadjuvante ok, nada além disso.

Goleiro regular, absolutamente normal, que saiu e não deixou saudade em ninguém, que nunca teve uma atuação de destaque num jogo decisivo, nunca foi O cara do jogo num mata-mata, muito pelo contrário, né? ! E que se voltasse hoje seria 4ª opção, atrás do Cássio, Valter e Caique.

ANDRE #5646 @almeida1 em 10/10/2018 às 10:44

" "

Quebra seu dedo e vai jogar no gol...

Andre Henrique De Almeida #5.646 @almeida1 em 10/10/2018 às 10:44

Quebra seu dedo e vai jogar no gol...

Robson #215 @robsonpacheco em 05/10/2018 às 11:21

" "

Exagero, né? ! Ele se machucou nos últimos minutos e depois disso não foi nenhuma bola no gol.

Robson Pacheco #215 @robsonpacheco em 08/10/2018 às 15:10

Ok, continuo achando ele bom moço, educadinho e corintiano, daí a dizer que ele nos 'deu' o título de 2011 é o mesmo absurdo que dizer que o paraguaio nos deu o BR 2017, foram no máximo coadjuvantes.

lucas #472 @lucas.2012 em 08/10/2018 às 14:59

" "

Agora em 2018 é fácil até pra mim dizer, Ainda bem que aconteceu tudo isso... Entendo a critica mas citei o br 2011 e só.