Paulista 2018 - Santo André 2 x 1 Corinthians

Paulista 2018 - Santo André 2 x 1 Corinthians

https://www.meutimao.com.br/jogo/09-02-2018/paulista_2018/santo_andre-2-x-1-corinthians

02:00

2018-02-09T19:00:00

Corinthians Corinthians 1 x 2 Santo André Santo André

Paulista 2018

Sobre a Partida

Corinthians 'some' no segundo tempo, leva virada do Santo André e finda sequência de vitórias

O Corinthians bem que tentou, mas não conseguiu se impor diante do Santo André e conquistar aquela que seria sua quinta vitória consecutiva em 2018. O time de Fábio Carille perdeu, de virada, da equipe do ABC Paulista por 2 a 1 na noite desta sexta-feira, véspera de Carnaval, no estádio Bruno José Daniel, em Santo André. O único gol alvinegro foi marcado pelo meia Rodriguinho.

O confronto, válido pela sexta rodada do Campeonato Paulista, teve como protagonistas Rodriguinho, pelo lado corinthiano, e Tinga e Lincom, pelo lado do Santo André. O segundo, aliás, participou da campanha do hexacampeonato brasileiro do Corinthians, em 2015.

Com relação à escalação, o Corinthians foi o mesmo da vitória sobre o Grêmio Novorizontino, na quinta rodada: Cássio, Fagner, Balbuena, Pedro Henrique e Juninho Capixaba; Gabriel; Ángel Romero, Rodriguinho, Jadson (capitão) e Clayson; Júnior Dutra.

Os 11 do Carille

Os 11 do Carille

Meu Timão

As novidades estavam no banco de reservas. O zagueiro Henrique e o volante Renê Júnior eram opções para Fábio Carille pela primeira vez no Paulistão. Nenhum atuou.

Ainda líder isolada do Grupo A, com 12 pontos, a equipe do Parque São Jorge volta a campo na quarta-feira (de Cinzas), diante do São Bento, às 21h45, na Arena Corinthians. O duelo marca a estreia do Timão no estádio na atual temporada.

O jogo

O Corinthians não demorou a levar perigo ao gol defendido por Neneca, embora a primeira grande oportunidade, aos 17 minutos, tenha sido definida não por Romero ou Júnior Dutra, mas pelo zagueiro Domingos. Após cruzamento da esquerda, o defensor do Santo André tentou o corte, mas acabou desviando contra a própria meta e exigindo baita defesa de Neneca.

Só que o lance acendeu o time da casa, que passou a controlar a bola no campo de ataque e não deixar o Corinthians dominar a partida como queria. Sem a posse, a equipe de Fábio Carille tinha compactação e fechava espaços, mas pouco contra-atacava.

Para piorar, o zagueiro Pedro Henrique, companheiro de Balbuena, levou cartão amarelo por certa ingenuidade, ao derrubar Tinga. O defensor ainda não havia cometido uma falta sequer ao longo do Campeonato Paulista.

O Timão só mostrou a que veio aos 38 minutos da primeira etapa. Clayson recebeu no lado esquerdo, avançou até a linha de fundo e cruzou de perna esquerda para a grande área. Rodriguinho, também de canhota, bateu de primeira, sem chances para Neneca. O Corinthians abria o placar do Bruno José Daniel para a alegria da Fiel!

Leia também: Hexa pelo Corinthians, atacante do Santo André faz forte desabafo após lance com Balbuena

Desatento. Foi dessa maneira que o Corinthians (ou alguns jogadores dele) voltou do vestiário. Um sonolento Timão viu os donos da casa empatarem a partida logo aos oito minutos, quando Tinga, camisa 10, acertou belo arremate de fora da área, sem qualquer possibilidade de defesa para Cássio.

O gol do Santo André obrigou Carille a mexer na escalação. Primeiro, sacou Clayson para a entrada de Marquinhos Gabriel. Na sequência, colocou Lucca no lugar Ángel Romero, discreto em campo. Com fôlego novo nas pontas, o Corinthians partia para cima dos mandantes atrás do segundo gol.

As mudanças de Carille não surtiram efeito. Pelo contrário, apenas chamaram o Santo André para o campo de ataque. Tanto é que os mandantes logo trataram de virar o placar do Bruno José Daniel: aos 35 minutos, Lincom, ex-Corinthians, aproveitou cruzamento e cabeceou dentro da pequena área, anotando o segundo do time do ABC.

Como uma última carta na manga, Carille deu chance a Emerson Sheik nos minutos finais da partida, a fim de buscar o empate e evitar a segunda derrota do Timão no campeonato estadual.

O Corinthians errou inúmeros passes, sobretudo durante a segunda etapa. Um problema que Carille já havia identificado na rodada anterior, no triunfo sobre o Novorizontino. Um problema para o técnico alvinegro corrigir o quanto antes, de preferência antes do início da Copa Libertadores da América...

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Comente a partida: Santo André 2 x 1 Corinthians

  • 1000 caracteres restantes