Corinthians 1 x 1 Racing Club - Sul-Americana 2019

Sul-Americana 2019 - Corinthians 1 x 1 Racing Club

https://www.meutimao.com.br/jogo/14-02-2019/sul-americana_2019/corinthians-1-x-1-racing_club

02:00

2019-02-14T21:30:00

Corinthians Corinthians 1 x 1 Racing Club Racing Club

Sul-Americana 2019

Sobre a Partida

Gustagol salva no fim, Corinthians arranca empate contra Racing e segue vivo na Sul-Americana

O Corinthians, por muito pouco, não saiu atrás na primeira fase da Copa Sul-Americana de 2019. Na noite desta quinta-feira, na Arena Corinthians, em Itaquera, o Timão arrancou um suado empate por 1 a 1 com o Racing, atual líder do Campeonato Argentino. Andrés Ríos, ex-Vasco da Gama, marcou para os hermanos, enquanto Gustagol (sempre ele!) salvou a parada no fim!

As equipes brasileira e argentina voltam a se enfrentar no próximo dia 27, no estádio El Cilindro, em Avellaneda, na Argentina. Em busca do primeiro título de Sul-Americana, o Timão terá de vencer para se classificar à segunda fase. Caso devolva o placar do duelo de ida, decidirá a vaga nas penalidades máximas. 0 a 0 dá Racing.

Como jogamos?!

Carille mandou a campo aquilo que considera força máxima no momento. Havia somente um desfalque: o lateral-esquerdo Danilo Avelar, suspenso pelo cartão vermelho que recebeu na queda do time na Copa Libertadores da América do ano passado.

Assim, a escalação corinthiana, distribuída no esquema 4-3-3, tinha Cássio, Fagner, Manoel, Henrique e Carlos Augusto; Ralf, Ramiro e Sornoza; Vagner Love, Jadson e Gustavo.

Escalação Corinthians x Racing

Meu Timão

Já Eduardo Coudet definiu a seguinte equipe para o embate em Itaquera: Arias, Saravia, Sigali, Domínguez e Pillud; Díaz, Solari, Cardozo e Ojeda; Rios e Cvitanich.

Ora pois!

Um dos principais treinadores do futebol mundial integrou a transmissão da partida pelo serviço de streaming DAZN Brasil: o português José Mourinho. O comandante ex-Manchester United (ING) fez comentários acerca da atuação das equipes no intervalo.

Técnico português José Mourinho comentou duelo pelo serviço de streaming DAZN Brasil

Técnico português José Mourinho comentou duelo pelo serviço de streaming DAZN Brasil

Reprodução/DAZN Brasil

Primeiro tempo

O Corinthians começou o duelo impondo forte marcação na saída de bola dos argentinos. A pressão tinha início já com Gustagol, o homem mais à frente, que não dava paz ao goleiro e à dupla de zaga do Racing.

Os comandados de Carille pareciam ter feito o dever de casa, pois não deixavam o time argentino respirar com a posse. Ainda assim, só conseguiram finalizar uma única vez com pouco mais de dez minutos de bola rolando, em chute de fora da área de Sornoza.

Mas o Racing não liderava a Superliga Argentina à toa. Em uma de suas chegadas ao ataque, viu o goleiro Cássio tentar um domínio dentro da área, se atrapalhar sozinho e por pouco não entregar de bandeja o primeiro gol. O camisa 12, porém, agiu rápido e afastou o perigo para a linha lateral.

O “momento trapalhão” de Cássio precedeu uma das melhores oportunidades do Corinthians em todo o jogo. Lançamento para o campo de ataque, Vagner Love fez bom giro sobre a marcação e disparou em direção à área argentina. Frente a frente com o goleiro Arias, bateu no meio, rasteiro, facilitando a defesa do arqueiro do Racing.

Já diz o ditado que quem não faz, toma... Sornoza errou na saída de bola, Ríos foi mais rápido, passou por Manoel e bateu no canto, superando o goleiro Cássio. O Racing, aos 22 minutos, abria o placar na Arena Corinthians...

Posicionamento da defesa corinthiana no momento do gol do Racing

Posicionamento da defesa corinthiana no momento do gol do Racing

Reprodução/DAZN Brasil

Apesar do gol sofrido, o Timão foi bem na parte ofensiva durante a etapa inicial, sobretudo quando buscava Gustagol. O centroavante era perigosíssimo no jogo aéreo e, mesmo em sua primeira aparição num torneio internacional, tinha tranquilidade suficiente para botar a bola na grama e buscar a melhor jogada.

No mais, Racing, mais time por estar em meio de temporada na Argentina, soube ser eficiente numa de suas poucas chances de gol.

Segundo tempo

Fábio Carille não fez substituição alguma no intervalo, numa tentativa de “arrumar a casa” só na base da conversa. Mas não esperou muito para mexer... Aos 13 minutos, sacou Ramiro, discreto, para a entrada de Clayson. Sornoza, então, foi deslocado para junto de Ralf, tendo a missão de também ajudar na saída de bola corinthiana.

Depois de Clayson, Sergio Díaz foi chamado. O atacante paraguaio, de apenas 20 anos de idade, fazia sua estreia na temporada. Enquanto isso, o Racing gastava o tempo à sua maneira e tentava encaixar o contra-ataque perfeito para anotar o segundo.

O Corinthians avançou sua linha defensiva e passou a trocar passes no campo de ataque, empurrando a equipe argentina para trás. Carille, disposto a arrancar um empate na Arena, ainda lançou Pedrinho no confronto, aberto pela direita.

No fim das contas, no apagar das luzes, Gustagol decidiu! Bola na área dos argentinos, o camisa 19 do Corinthians subiu mais alto e testou firme para empatar o confronto em Itaquera. Valeu, Gusta!

Ficha técnica de Corinthians 1 x 1 Racing Club

Competição: Copa Sul-Americana
Local: Arena Corinthians, São Paulo, SP
Data: 14 de fevereiro de 2019 (quinta-feira)
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Victor Hugo Carrillo
Assistentes: Víctor Raez e Michael Orue
Gols: Gustavo (Corinthians); Rios (Racing Club)
Cartões amarelos: Ramiro e Vagner Love (Corinthians); Saravia, Sigali, Solari e Cardozo (Racing Club)
Público: 23.941 pagantes (público total: 24.237)
Renda: R$ 935.243,00

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Manoel, Henrique e Carlos Augusto; Ralf, Ramiro (Clayson) e Sornoza; Vagner Love (Sergio Díaz), Jadson (Pedrinho) e Gustavo.
Técnico: Fábio Carille

RACING CLUB: Arias; Saravia, Sigali, Domínguez e Pillud; Díaz, Solari, Cardozo e Ojeda; Rios (Guillermo Fernández) e Cvitanich (Cristaldo).
Técnico: Eduardo Coudet

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Comente a partida: Corinthians 1 x 1 Racing Club

  • 1000 caracteres restantes