Mesmo visado, Ralf quer ficar no Timão até 2015

Mesmo visado, Ralf quer ficar no Timão até 2015

Ralf aprimora bola aérea nos treinos. Feliz, volante não pensa em sair do Timão

Ralf aprimora bola aérea nos treinos. Feliz, volante não pensa em sair do Timão

Foto: Marcello Palhais/Diário SP

O bom futebol de Ralf chamou a atenção de clubes da Europa. O volante recebeu algumas sondagens recentes, mas não se empolgou muito. Com moral de sobra no Corinthians, ele garante: quer cumprir todo o contrato, que vai até dezembro de 2015.

'Chegaram algumas sondagens da Alemanha e da Rússia, mas nada que possa me tirar daqui. Eu gosto de cumprir meus contratos até o fim. Sei da importância que tenho para o clube e ainda tenho vontade de ganhar mais títulos com a camisa do Corinthians', disse o camisa 5 do Timão.

Titular absoluto, Ralf é considerado pela maioria dos corintianos o melhor volante de marcação do país. Boa parte das pessoas esperava que ele tivesse mais chances na seleção brasileira, mas isso não aconteceu. Fora do grupo, ele não costuma acompanhar muito os jogos do Brasil.

'Assisti pouco ao jogo da seleção. É claro que fiquei chateado, porque eu queria estar lá. Mas o grupo está bem servido com os volantes escolhidos pelo Felipão, o Fernando e o Luiz Gustavo. Fico feliz, também, pelo Paulinho, que é meu amigo e representa o Corinthians lá', falou. 

Evolução/ Ralf melhorou bastante desde que chegou ao Corinthians, em 2010. No começo, tinha dificuldade para dar até um passe de dois metros. Agora, arrisca chutes de fora da área e lançamentos longos sem medo de errar.

A evolução deixou o camisa 5 mais ousado até fora de campo. Antes tímido, Ralf brincou com a chance de alçar voos mais altos no time titular.

'Eu brinco dizendo que faço dois gols por ano e, em 2013, não marquei ainda. Eu me cobro por isso, mas sei que minha primeira função é defender. Se precisar, avanço um pouco, mas não com a mesma qualidade do Paulinho', falou o cão de guarda alvinegro.

Fonte: Diário de São Paulo

Veja Mais:

  • Em vídeo, Gabriel reitera desculpas por gesto obsceno: 'Não faz parte do meu caráter'

    Em vídeo, Gabriel reitera desculpas por gesto obsceno: 'Não faz parte do meu caráter'

    ver detalhes
  • Clayson comemora gol sobre o São Paulo, o primeiro dele pelo Timão

    Na raça! Clayson decide, Corinthians empata no Morumbi e mantém invencibilidade contra rival

    ver detalhes
  • Clayson assegurou empate fora de casa ao Timão

    Cássio brilha, mas reserva é eleito o melhor do Corinthians no clássico; Jadson destoa

    ver detalhes
  • São Paulo e Corinthians empataram por 1 a 1 no Morumbi

    Comentarista de rádio chama jogadores do Corinthians de delinquentes; clube responde

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes