Saída de 'encostados' poupará mais de R$1 milhão por mês e viabiliza Guerrero

Saída de 'encostados' poupará mais de R$1 milhão por mês e viabiliza Guerrero

Por Meu Timão

43 mil visualizações 156 comentários Comunicar erro

Fim do contrato de jogadores irá aliviar cofres do Corinthians

Fim do contrato de jogadores irá aliviar cofres do Corinthians

O Corinthians achou outra maneira de manter Guerrero - com pedida salarial e luvas pedidas pelos jogadores, seus rendimentos chegariam próximos ao R$1 milhão por mês. Isso se os valores pedidos pelo peruano hoje fossem aceitos pelo clube.

No Parque São Jorge, a diretoria já reclamou que a manutenção do atacante é a prioridade número 1 da gestão de Mário Gobbi. O presidente deixa o cargo em fevereiro, mas a ideia é assinar a renovação até o final deste mês.

Isso porque o contrato de Paolo, apesar de ir até julho/2015, permitiria um pré-contrato com outras equipes a partir de janeiro. E como não faltam interessados, o Corinthians acredita valer a pena aumentar os investimentos para contar com o craque.

Uma das saídas pode sair exatamente da própria folha de pagamento do Timão. Somente em dezembro, 6 contratos de jogadores vencem, e dão um respiro maior que o R$1 milhão pedido pelo peruano, segundo um levantamento feito pela Fox, nessa quarta-feira.

Dos jogadores que encerram seu vínculo em dezembro, apenas um atua no elenco de Mano Menezes - o goleiro reserva Danilo Fernandes. Embora tenha sido relacionado, o jogador só atuou em uma partida e viu seu espaço ser conquistado por Walter. Danilo já teria sido avisado pela diretoria que não há planos de renovação.

Além dele, os emprestados Jocinei, Júlio César, Ramirez, Nenê Bonilha - que ainda tem grande parte do salário bancado pelo Corinthians - encerram seu contrato. O sexto jogador da equação é o meia Douglas, atualmente no Vasco.

O contrato de Douglas com o Corinthians tem validadade até o fim de janeiro, mas não deve se apresentar. É de Douglas o maior salário entre os dispensados - o jogador recebe cerca de R$300 mil por mês, integralmente pagos pelo Corinthians.

Além desses jogadores, os emprestados Yago (Bragantino), Paulinho (América-RN), Willian Arão (Atlético-GO) e Antônio Carlos (Avaí) encerram seus contratos nos clubes no final do ano, e a diretoria deve decidir quem permanece no time.

Veja Mais:

  • Estudioso, Loss começa sua trajetória como treinador do Corinthians nesta quinta-feira

    Títulos na base e evolução como auxiliar: conheça Osmar Loss, o novo técnico do Corinthians

    ver detalhes
  • Andrés Sanchez exaltou força da estrutura montada no Corinthians há dez anos

    Andrés Sanchez manda recado à Fiel após saída de Carille: 'Vamos comprovar nossa estrutura'

    ver detalhes
  • Carlos Alberto Silva, em 1991, o último a trocar o Corinthians por outro clube

    Corinthians não perdia treinador para outro clube há 27 anos; dezenas trabalharam desde então

    ver detalhes
  • Fábio Carille exibe a taça de heptacampeão brasileiro; treinador seguirá carreira na Ásia

    Fábio Carille deixa Corinthians e acerta com Al-Wehda, da Arábia Saudita

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes