Tranquilo, Guerrero diz não ter prazo para renovação

Tranquilo, Guerrero diz não ter prazo para renovação

Guerrero disse estar tranquilo em relação ao seu contrato com o Timão

Guerrero disse estar tranquilo em relação ao seu contrato com o Timão

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Após se recuperar de dengue, o atacante Paolo Guerrero voltou aos treinamentos e já falou com a imprensa do CT do Corinthians nesta sexta-feira. Entre os questões, a novela da renovação do jogador não ficou de fora.

Com praticamente mais três meses de contrato com o Timão, o atacante garante que não tem um prazo para resolver a situação.

"Não tenho nenhum prazo. Estou deixando para as mãos dos empresários. Eles falam que preciso ficar tranquilo e tudo vai se resolver. Deixo nas mãos deles. Não quero pensar naquilo", declarou.

Mais uma vez o jogador voltou a dizer que o Corinthians irá quitar primeiro as dívidas com os outros jogadores para depois conversar sobre o seu contrato.

"Estou tranquilo, porque meu empresário falou para ficar tranquilo. O Corinthians quer ficar sem dívida com os jogadores e depois vamos falar sobre a renovação. Minha cabeça está focada nas oitavas", disse.

O Timão está com os direitos de imagem de sete atletas atrasados. Renato Augusto disse, também em coletiva, que Andrés Sanchez garantiu que esse assunto será resolvido até a próxima semana.

Veja Mais:

  • Balbuena subiu mais alto do que todo mundo para marcar o gol do Corinthians

    Balbuena faz golaço de cabeça, e líder Corinthians vence Fluminense pelo Brasileirão

    ver detalhes
  • Corinthians 'botou Fluminense na roda'

    Abel Braga distribui elogios ao futebol do Corinthians após vitória: 'Motivos de ser líder'

    ver detalhes
  • Balbuena marcou o gol da vitória do Corinthians

    Balbuena e Cássio são os melhores em vitória do Corinthians; Carille se destaca também

    ver detalhes
  • Lucca vem se destacando com a camisa da Ponte Preta

    Emprestado pelo Corinthians, Lucca ultrapassa Jô e se torna artilheiro do Brasileirão

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes