Cusparadas a Tite rendem punição leve ao Atlético-MG

Cusparadas a Tite rendem punição leve ao Atlético-MG

Por Meu Timão

Durante a partida contra o Atlético-MG, Tite foi alvo de cusparadas de alguns torcedores atleticanos

Durante a partida contra o Atlético-MG, Tite foi alvo de cusparadas de alguns torcedores atleticanos

Foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

Denunciado pelas cusparadas de parte de sua torcida ao técnico Tite, na derrota por 3 a 0 para o Corinthians, o Atlético-MG escapou de sofrer uma punição rigorosa do STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva). Ao contrário do esperado, o clube de Belo Horizonte não perderá mandos de campo.

O julgamento, marcado para esta sexta-feira na Quinta Comissão Disciplinar, terminou com apenas uma multa de R$ 35 mil ao Atlético – uma pena leve, já que a equipe mineira poderia ser obrigada a realizar o pagamento de R$ 100 mil, além da perda do mando de dez jogos.

Nos minutos iniciais do confronto no Independência, disputado no último dia 1º, atleticanos começaram a cuspir em Tite, ato flagrado pelas câmeras de televisão e relatado em súmula pelo árbitro Héber Roberto Lopes.

“(...) foi solicitado ao policiamento dentro do estádio que reforçasse o contingente de policiais atrás do banco de suplentes da equipe do Corinthians em virtude dos torcedores do Atlético-MG, localizados atrás deste banco, estarem cuspindo no treinador do Corinthians”, escreveu o juiz.

O Atlético-MG foi enquadrado no artigo 213 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva por “deixar de tomar providências capazes de prevenir e reprimir desordens na praça de desporto, invasão do campo ou local da disputa do evento desportivo, e lançamento de objetos no campo ou local da disputa do evento desportivo”.

Veja Mais:

  • Arbitragem tem sido assunto recorrente no dia-a-dia do Corinthians

    Levantamento: todos os erros contra e favor do Corinthians no Brasileirão 2017

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians fez festa no estádio do Racing

    Fotógrafo registra vídeo sensacional no meio da torcida do Corinthians no estádio do Racing

    ver detalhes
  • Esporte é praticado nas dependências do Corinthians desde a década de 50

    Saem as chuteiras, entra o pandeiro: conheça o Tamboréu, modalidade tradicional do Corinthians

    ver detalhes
  • Homero transformou bandeira invertida em taça da Libertadores nas costas de Edinho

    21 anos após erro de tatuador, corinthiano fecha costas com lembranças épicas da Libertadores

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes