Relembre como estava o Timão durante a reapresentação em 2015

Relembre como estava o Timão durante a reapresentação em 2015

Por Meu Timão

Tite retornou ao Corinthians, após um período sábatico

Tite retornou ao Corinthians, após um período sábatico

Foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

Mesmo com a presença de grandes nomes no elenco e o retorno do, considerado por muitos, o maior técnico da história do Corinthians, nem os torcedores mais fanáticos imaginaram o início temporada como foi o do Timão. Com a equipe em formação, e muitas baixas na sequência, Tite teve que reinventar a equipe e dar a ela um novo padrão de jogo. E conseguiu. Com partidas brilhantes, o Corinthians deu um show em campo e encantou na temporada 2015.

Confira alguns momentos decisivos da temporada campeã do Timão:

O retorno de Tite

No dia 15 de dezembro de 2014, o Corinthians anunciou o retorno do técnico mais vitorioso de sua história. Tite ficou em um período sabático, estudou e foi estagiar com técnicos da Europa. O treinador voltava para conquistar mais títulos, acabando a fama de retranqueiro que o perseguia - sendo o melhor ataque do Brasileirão.

Guerrero, Fábio Santos e Sheik no elenco

Ainda sendo os pilares do esquema corinthiano, o trio começou o ano com moral. No entanto, no meio da temporada os três foram embora do Corinthians - Fabio para o futebol mexicano, enquanto Emerson e Guerrero foram para o Flamengo.

Jadson e Elias em má fase

O ano não começou muito bem para as estrelas do meio de campo. Elias e Jadson tiveram um desempenho abaixo da média no Brasileirão de 2014 - o futebol da dupla cresceu bastante na disputa da Copa Libertadores. O auge dos meio-campistas foi na conquista do Campeonato Brasileiro, ao lado de Renato Augusto, os jogadores se destacaram no time alvinegro.

Reforços

As contratações foram bem discretas, na época chegaram Edílson, Mendoza, Cristian e Edu Dracena. O quarteto não tiveram um ano tão bom quanto o esperado, inclusive alguns já deixaram o clube.

Saída de Anderson Martins

Titular absoluto no Brasileiro de 2014, o zagueiro foi solicitado pelo clube dono de seus direitos, o Al Jaish. O Timão ainda tentou ficar com o defensor, mas os árabes não entraram em acordo.

Felipe contestado

Se o ano acabou muito bem para o defensor, não se pode dizer isso de seu inicio de temporada. O zagueiro estava começando sua quarta temporada pelo Corinthians, mas até então nunca tinha conquistado a Fiel Torcida. No restante do ano, o jogador cresceu de produção e virou peça fundamental do time titular.

Gobbi presidente e clima de eleições

O presidente campeão da Libertadores e do Mundial de Clubes estava se despedindo do alvinegro. Faltava menos de dois meses para o fim do mandato de Mario Gobbi - que foi sucedido por Roberto de Andrade.

Arrocho financeiro

O Corinthians começou o ano com algumas pendências nas dívidas. Alguns jogadores precisavam ser negociados, um dos primeiros a deixar o Parque São Jorge foi o uruguaio Nicolás Lodeiro - que não conseguiu desempenhar um bom futebol na sua passagem com a camisa alvinegra.

Veja Mais:

  • Com Balbuena e Pablo na defesa, Timão tenta derrotar arquirrival dentro de seus domínios

    Corinthians volta à Arena em primeiro teste de Carille contra Palmeiras

    ver detalhes
  • Fiel apoiou Timão no treino pré-Dérbi em Itaquera

    Fiel provoca rival na Arena: 'Você não vive sem a Série B'; assista

    ver detalhes
  • Bandeiras de mastro na Arena Corinthians

    'O melhor treino para o maior clássico do mundo', por Bruno Teixeira Rolo

    ver detalhes
  • Carille terá onze suplentes à disposição no clássico

    Jadson fica fora do Dérbi; veja lista de relacionados do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes