Tite 'veta' André e volta a pedir paciência com reformulação

Mesmo com a possibilidade de escalar Giovanni Augusto e André, Tite manteve a equipe a qual treinou na terça-feira. Nesta quarta, o técnico concedeu entrevista e explicou por que não optou pela dupla.
Regularizado, André não enfrenta o Capivariano; Tite pediu para torcida 'não criar expectativas' com equipe neste início de temporada

Regularizado, André não enfrenta o Capivariano; Tite pediu para torcida 'não criar expectativas' com equipe neste início de temporada

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Mesmo com a possibilidade de escalar Giovanni Augusto e André, Tite manteve a equipe a qual treinou na terça-feira. Após comandar o último trabalho tático do Corinthians antes do jogo com o Capivariano, o técnico concedeu entrevista coletiva e explicou por que não optou pela dupla de reforços.

“Essa sequência de três jogos nenhum atleta consegue manter o nível de desempenho, vai abaixar 20% seu desempenho se trabalhar em menos de 72 horas. Não sou eu que falo, são os médicos e fisiologistas. Eu só leio e trago para o meu trabalho. O que tem dessa equipe é que o Giovanni está liberado, então ele vai para o jogo. O André precisa ainda de um trabalho físico”, disse Tite.

Ao contrário de André, Giovanni Augusto foi relacionado e estará entre os reservas na partida desta quinta. Com seis mudanças, o time titular será formado por: Cássio, Edílson, Felipe, Yago e Uendel; Willians; Romero, Maycon, Guilherme e Marlone; Danilo. A ideia do treinador é mesclar o time, já que a estreia na Copa Libertadores da América acontece na semana que vem.

“Não poupo ninguém, já falei isso. São três jogos em seis dias. Se eu colocar a mesma equipe, peçam para o técnico ir embora, porque ele é irresponsável”, explicou. “Minha vontade era repetir (a escalação) e brigar pela titularidade. Não faço porque corre o risco da saúde. Pagar o preço eu não pago, arrebentar um jogador, ele ficar seis meses parado...”, acrescentou.

Ciente das dificuldades das quais o Corinthians encontrará, Tite voltou pedir paciência à torcida alvinegra e aos próprios atletas. “Não tenho três ou quatro meses, que é o mínimo de trabalho, com Willians, Guilherme, Maycon, e os três juntos tendo participado de quatro trabalhos táticos. Vai ter dificuldade. Mas temos compreensão. É inevitável esse processo de ajuste”.

“Digo a eles: tenham paciência com vocês mesmos, o técnico tem. Sei que vocês vão errar, que o processo criativo será difícil. Mas tentar não ter erros sem bola, para que estejamos organizados. Vai aparecer o talento de Marlone, Danilo, a profundidade do Romero. Torcedor, não crie uma grande expectativa. Precisa de tempo para eles darem o seu melhor”, completou.

O Corinthians entra em campo nesta quinta-feira, contra o Capivariano, às 21h (de Brasília), na Arena Corinthians. O duelo, válido pela terceira rodada do Campeonato Paulista, antecede o clássico contra o São Paulo, marcado para domingo, também em Itaquera. Depois, na quarta, o Timão encara o Cobresal (CHL), no Chile, pela competição continental.

Tite 'veta' André e volta a pedir paciência com reformulação Tite 'veta' André e volta a pedir paciência com reformulação 109
2016-02-11T10:40:21-03:00

Veja Mais:

  • Após decisão na Copa do Brasil, Corinthians e Fluminense se reencontram neste domingo

    Após decisão na Copa do Brasil, Corinthians e Fluminense se reencontram pelo Brasileirão

    ver detalhes
  • Léo Jabá sendo 'batizado' no elenco

    Promovidos da base recebem 'trote' dos veteranos do Corinthians

    ver detalhes
  • Aílton Graça, Juan Paiva e Hélio De La Peña participaram das gravações na Arena

    Após gravação em Itaquera, Helio De La Peña rasga elogios à Arena Corinthians

    ver detalhes
  • Marciel voltou ao Corinthians com a camisa 22

    Com novidades no elenco, Timão atualiza numeração das camisas; número tradicional segue vago

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes