Imprensa insiste em Seleção, mas Tite rebate: 'Estou muito feliz no Corinthians'

Imprensa insiste em Seleção, mas Tite rebate: 'Estou muito feliz no Corinthians'

Por Meu Timão

Multicampeão pelo Corinthians, Tite é visto como principal técnico para suceder Dunga na Seleção

Multicampeão pelo Corinthians, Tite é visto como principal técnico para suceder Dunga na Seleção

Foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

Como esperado, o assunto “Seleção Brasileira” se fez presente na entrevista coletiva desta quarta-feira do técnico Tite, que viu o Corinthians somar sua 10ª vitória pelo Campeonato Paulista, diante da Ponte Preta, na Arena em Itaquera. Apontado como principal nome para suceder Dunga no comando do Brasil, o treinador alvinegro surpreendeu.

“Eu aceito, fico orgulhoso pelo reconhecimento de vocês todos (imprensa). Sempre vou buscar meu aprimoramento. Não concordo que tem só eu, tem outros técnicos capacitados ao cargo. Agora é tempo de apoio a quem está lá. Mais do que nome, é uma ideia que eu busco”, explicou Tite, com um sorriso sincero.

Pentacampeã mundial, a Seleção Brasileira ocupa a sexta colocação das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018 e corre risco de sequer garantir vaga na repescagem. Caso a competição terminasse hoje, por exemplo, Uruguai, Equador, Argentina e Chile representariam a América do Sul no Mundial da Rússia. Já a Colômbia disputaria a classificação com seleções de outros continentes.

Questionado sobre a possibilidade de assumir o time canarinho, ou quem sabe até dirigir a Seleção Olímpica nos Jogos do Rio de Janeiro, marcados para agosto, o técnico corinthiano admitiu que “seu momento já passou” – no fim de 2012, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) demitiu Mano Menezes do cargo de treinador do Brasil às vésperas da Copa. No entanto, em vez de dar lugar a Tite, então campeão mundial pelo Corinthians, contratou Luiz Felipe Scolari, tido como principal responsável pela goleada por 7 a 1 para a Alemanha.

“Assim como antes me perguntava se eu estava me preparando para receber um convite e eu disse que sim. Não tenho meias palavras. Mas agora estou muito feliz no Corinthians, muito mesmo. Confesso que estou surpreso com o momento. Mas fico feliz sim, ainda mais em procurar evoluir e crescer, vendo a equipe mudar nomes e manter o padrão”, comemorou.

Depois do empate por 2 a 2 do Brasil com o Paraguai, na última terça-feira, em Assunção, o nome do corinthiano ganhou força na mídia esportiva e nos bastidores da Seleção. Cientes da possibilidade de perderem o professor para a equipe nacional, milhares de torcedores alvinegros utilizaram as redes sociais para pedir a permanência de Tite no Parque São Jorge.

“É um outro momento. Estou muito feliz no Corinthians. Não imaginava que a equipe pudesse crescer dessa forma, pegou uma equipe da Ponte muito boa. Fico contente, a equipe muda nomes e continua com o padrão. Para uma equipe entrar em campo e produzir o que está produzindo tem que estar em uma ótima sintonia”, finalizou.

Veja Mais:

  • Corinthians volta a jogar nesta segunda pela Liga Nacional

    Corinthians encara 'reforçado' Sorocaba na primeira final da Liga Nacional

    ver detalhes
  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes