Lucca fala sobre saída do time titular e garante que não se acomodou

Lucca fala sobre saída do time titular e garante que não se acomodou

Por Meu Timão

Lucca balançou as redes na última partida do Corinthians, contra o Nacional

Lucca balançou as redes na última partida do Corinthians, contra o Nacional

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

O Corinthians segue em ritmo intenso de preparação visando a estreia no Campeonato Brasileiro, contra o Grêmio. No treinamento na manhã desta quarta-feira, o técnico Tite promoveu uma mudança na equipe titular e optou pela entrada de Romero no lugar de Lucca, criando expectativas sobre uma possível mudança na escalação.

Lucca, que ao final das atividades participou da entrevista coletiva, falou sobre a vaga em aberto e ressaltou o comprometimento do trabalho de Romero, principal concorrente pela vaga. Com sete gols marcados em 2016, o paraguaio é o artilheiro do Corinthians na temporada.

“Primeiramente, fico feliz pelo momento do Romero. Está com um uma confiança boa. Isso me deixa feliz. É uma briga sadia. Somos amigos. Independente de quem jogar, vai haver respeito. Ele me respeitou enquanto eu jogava. Se ele vai ter a oportunidade, o professor vai definir, mas vou respeitar. É um cara que trabalha bastante e merece a oportunidade”, declarou.

Em relação à uma possível acomodação após assinar seu contrato com o clube, o camisa 30 garantiu comprometimento no trabalho e a busca pela evolução. “O torcedor é fanático. Às vezes vai falar da boca para fora. Ele é fanático, tem que respeitar. Em nenhum momento me acomodei. Venho trabalhando bastante no dia a dia. Às vezes as coisas não saem como a gente quer, então temos que ter sabedoria para lidar com essas situações. Tem que pegar as críticas construtivas para tentar melhorar. O torcedor pensa o que quer, mas às vezes tem que olhar o treinamento”, acrescentou Lucca.

Questionado sobre a necessidade de modificações na equipe depois das duas eliminações em sequência, o atacante analisou a possibilidade, mas pediu cautela quanto à cobrança excessiva de alguns torcedores.

“Eu entendo, mas se você vir os grandes times, quase todos tem a permanência, a sequência. Entendo, mas às vezes o torcedor fala mais da boca para fora porque acaba não acompanhando o dia a dia. Nos grandes times tem a sequência e o time acaba encaixando. Nosso time está indo bem e todo mundo tentando fazer o máximo independente do que aconteceu. Estamos cientes que precisamos melhorar para o Campeonato Brasileiro”, finalizou.

Corinthians e Grêmio se enfrentam neste domingo, às 16h, em Itaquera. O duelo é válido pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Guilherme Arana é um dos principais jogadores do país em 2017

    Time espanhol trata Arana como prioridade e deve apresentar nova oferta para o Corinthians

    ver detalhes
  • Romero e Balbuena foram convocados pelo técnico Arce

    Lesão não impede convocação de Balbuena; Paraguai libera lista com os jogadores do Corinthians

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians não vê jogo da equipe na TV aberta há quase um mês

    Fiel só tem uma opção para assistir na TV ao jogo do Corinthians contra Chapecoense

    ver detalhes
  • Elias deixou o Corinthians há um ano para reforçar o Sporting, de Portugal

    Por momento ruim do Atlético-MG, Elias cogita retorno ao Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes