Cristóvão explica testes na equipe e fala sobre lesão de Vilson

Cristóvão explica testes na equipe e fala sobre lesão de Vilson

72 mil visualizações 66 comentários Comunicar erro

Cristóvão admitiu mudanças na equipe, mas preferiu 'esconder' a escalação

Cristóvão admitiu mudanças na equipe, mas preferiu 'esconder' a escalação

Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

O Timão terá mudanças na escalação para enfrentar o Santa Cruz, sábado, às 21h (de Brasília), na Arena Corinthians. Pelo menos é o que indica o técnico Cristóvão Borges, que preparou a equipe titular no treinamento desta sexta-feira à tarde, no CT Joaquim Grava, longe dos olhos da imprensa. Em entrevista coletiva, ele revelou os testes no time.

A primeira opção é utilizar Marquinhos Gabriel como meia-central. A alteração deixaria Guilherme, discreto nos últimos jogos, no banco de reservas, enquanto o atacante paraguaio Ángel Romero ocuparia a vaga na beira do campo. “Pode, pode. Temos jogadores que podem atuar em mais de uma posição. Estamos tentando encontrar uma maneira de equilibrar o time para ter uma força maior na frente”, afirmou Cristóvão Borges.

Outra possível mudança é a entrada de Luciano. Em mais de uma ocasião, Cristóvão evidenciou a necessidade de ter um time com maior “peso ofensivo”, dando indícios de que sacaria um jogador de meio de campo em troca de um finalizador. “Tudo isso experimentamos um pouco, Romero na ponta, experimentamos. Vimos os jogos do Santa Cruz, vamos ver como eles devem vir, e aí definimos”, acrescentou.

Entre outros assuntos, o comandante alvinegro falou a respeito da entorse no tornozelo de Vilson e de Guilherme – o camisa 10 não foi visto em campo durante o trabalho tático que pôde ser visto pelos repórteres. A princípio, a dupla está relacionada para medir forças com o Santa Cruz.

“Vilson torceu o tornozelo e não participou do treino por precaução. Se melhorar, joga ele. Guilherme participou do treino, quando vocês chegaram ele já tinha saído”, frisou Cristóvão. Antes de deixar a sala de imprensa do CT, ele revelou os motivos pelos quais decidiu fechar o treinamento técnico do Timão na véspera do jogo diante dos pernambucanos.

“Isso só quando for necessário. Estamos vendo a possibilidade de mudar alguma coisa. Se o treino for aberto, vocês vão ficar sabendo. Não é nenhuma vantagem muito grande, é só para os adversários não se prepararem antecipadamente”, finalizou.

Veja Mais:

  • Thiaguinho é um dos mais cotados a substituir Maycon no Corinthians

    Emprestados, contratação e opções no elenco: a 'volância' do Corinthians pós-Maycon

    ver detalhes
  • Ralf marcou o gol do Corinthians no empate de 1 a 1 contra o Deportivo Táchira

    Corinthians e Libertadores-2012 animam internautas após tropeço do Brasil na estreia da Copa

    ver detalhes
  • Maycon assinou com o clube ucraniano e já posou para fotos com a nova camisa que defenderá

    Maycon deixa Corinthians e assina contrato de cinco anos com Shakhtar Donetsk

    ver detalhes
  • Evento de Low Parking na Arena Corinthians

    Arena Corinthians volta a receber evento de carros personalizados; veja fotos

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes