Após tirar Ralf e Renato Augusto do Corinthians, clube chinês mira Marlone

Após tirar Ralf e Renato Augusto do Corinthians, clube chinês mira Marlone

Por Meu Timão

8.7 mil visualizações 140 comentários Comunicar erro

Alvo de clubes do Brasil e da China, Marlone pode não permanecer no Corinthians

Alvo de clubes do Brasil e da China, Marlone pode não permanecer no Corinthians

Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

De todas as possíveis saídas de jogadores do Corinthians, a que mais gera críticas da torcida é a de Marlone, alvo do Atlético-MG desde o fim de dezembro. O meia-atacante, xodó da Fiel e finalista do Prêmio Puskás, porém, já avisou que não pretende deixar o Timão no momento. O problema é que o clube paulista deve ganhar concorrência de peso pelo atleta: o futebol chinês.

Marlone é desejado pelo Beijing Guoan, time que tirou ninguém menos que Ralf e Renato Augusto do Corinthians após a conquista do hexacampeonato brasileiro de 2015. A informação foi revelada por Genivaldo Santos, empresário do jovem cruzeirense Caíque Valdívia, que havia acertado as bases salariais da joia com os chineses, mas viu o negócio declinar porque Marlone passou a ser prioridade.

“O negócio estava adiantado, o Caíque tinha uma ótima proposta da China. Mas agora o Corinthians parece que facilitou o negócio pelo Marlone (com o Beijing Guoan) e as coisas pararam. Mas parece que ainda não está completamente descartado”, afirmou Santos ao Superesportes. Não há maiores detalhes da possível transação.

O primeiro a ser interessar por Marlone foi o Atlético-MG. A proposta enviada ao Corinthians pelo jogador foi de 3 milhões de euros (R$ 10,2 milhões) por 100% de direitos econômicos. O Timão, que comprou o armador há cerca de um ano, detém 50% dos direitos, enquanto o restante pertence ao Penapolense, clube utilizado para registro do atleta pela empresa Elenko Sports, cujo principal sócio é Fernando Garcia, de bom trânsito no Parque São Jorge.

Vale lembrar que a investida do Atlético-MG pelo camisa 8 corinthiano não avançou em razão da forma de pagamento – o clube do Parque São Jorge bateu o pé e solicitou parte da quantia à vista, como antecipado pelo repórter Marco Bello, colunista do Meu Timão. Marlone não possui multa rescisória para o mercado internacional.

Mais problema – O Corinthians vive uma situação delicadíssima nos bastidores. O clube pode parar na Justiça por conta de um calote que foi dado no Penapolense referente à compra de Marlone.

Veja mais em: Marlone, Mercado da bola e Ídolos do Corinthians.

Veja Mais:

  • Resta apenas o acerto dos jogadores com seus novos clubes para selar o negócio

    Corinthians e Atlético-MG se acertam por troca de atacantes; jogadores aceitam conversar

    ver detalhes
  • Uendel pode acertar retorno para o Corinthians em breve

    Empresário confirma que Corinthians deve acertar retorno de Uendel em janeiro

    ver detalhes
  • Carille se despediu do Al-Wehda nesta quinta-feira, quando embarca de volta para o Brasil

    Carille se despede do Al-Wehda em rede social e volta a adiantar retorno ao Brasil

    ver detalhes
  • Jogadores comemoram gol de Avelar marcado diante do Flamengo, na segunda semifinal

    Corinthians pega campeão da Série D em estreia na Copa do Brasil 2019

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes