Casagrande recorda goleada em clássico e diz quem é favorito no Dérbi na Arena

Casagrande recorda goleada em clássico e diz quem é favorito no Dérbi na Arena

Por Meu Timão

4.3 mil visualizações 86 comentários Comunicar erro

Casagrande vê Palmeiras favorito a levar Dérbi em Itaquera

Casagrande vê Palmeiras favorito a levar Dérbi em Itaquera

Meu Timão

Walter Casagrande disputou seu primeiro Dérbi em 1º de agosto de 1982. Então contestado por parte da Fiel, o jovem centroavante sabia da necessidade em marcar seu nome na história de um dos maiores clássicos do futebol. Na véspera do Corinthians x Palmeiras de número um em 2017, o hoje comentarista da TV Globo falou da grandeza do confronto e até recordou sua “primeira vez”, com direito a hat-trick.

“Primeiro clássico do ano Corinthians e Palmeiras, no ano do centésimo aniversário do clássico. Pode determinar o futuro de jogadores, determinar futuro de treinadores, determinar ambiente, o humor que ficará para frente, se vai ter pressão para um lado ou para outro. Esse clássico define muitas coisas”, afirmou Casagrande em entrevista ao site Globoesporte.com.

“Por exemplo, no meu caso, em 1982 eu tinha 19 anos só, Campeonato Paulista, primeiro Corinthians e Palmeiras, o pessoal meio em dúvida se eu seria o centroavante titular do Corinthians. Chegou esse clássico, eu fiz três gols no jogo, foi 5 a 1 para o Corinthians e daí em diante ninguém mais contestou minha posição de titular do Corinthians”, contou o ex-centroavante.

O jogo a que Casão se refere foi válido pelo primeiro turno do Campeonato Paulista. De acordo com o aplicativo Almanaque do Timão, exatos 40.542 pagantes compareceram ao estádio do Pacaembu naquela tarde de 1º de agosto. Melhor para o Timão, que venceu seu arquirrival com três gols de Casagrande, um de Biro-Biro e outro de Sócrates, de pênalti.

“Não é 'mais um jogo'. Se fosse 'mais um jogo', não ia acontecer tudo isso. É um jogo sério, importante para os dois times, e acho o Palmeiras favorito. O Corinthians está muito acuado, não se sabe o que vai acontecer, a torcida está numa expectativa para saber se o time é bom ou é ruim”, analisou o comentarista, que ressaltou o início de trabalho conduzido pelo técnico Fábio Carille.

“O Carille mesmo ainda não está firme no cargo, não sabe se é ele mesmo que deve ser o treinador do Corinthians. Os maiores riscos de resultados negativos são para o lado do Corinthians”, concluiu.

Corinthians e Palmeiras se enfrentam nesta quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), na Arena em Itaquera, pela quinta rodada do Paulistão. Como o Meu Timão antecipou, a equipe alvinegra terá ao menos uma mudança em relação à vitória sobre o Osasco Audax.

Veja mais em: Ídolos do Corinthians, Derbi e Jogos Históricos.

Veja Mais:

  • Corinthians jogou bem, mas não conseguiu sair vitorioso neste domingo

    Corinthians sofre gol impedido, reage no segundo tempo e fica no empate com o Internacional

    ver detalhes
  • Corinthians de Jair Ventura está em oitavo lugar no Brasileirão

    Corinthians 'volta uma casa' na classificação do Brasileirão, mas diminui distância para o G6

    ver detalhes
  • Danilo Avelar foi eleito o pior corinthiano em campo pela Fiel

    Novidade de Jair Ventura é enaltecida pela Fiel; lateral rouba cena e é eleito pior em campo

    ver detalhes
  • Mateus Vital fez bom jogo diante do Internacional neste domingo

    Análise: Corinthians reage após gol impedido e consegue empate contra o Internacional

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes