Cássio nega atrito com Walter e esclarece 'mal-entendido' com preparador de goleiros

67 mil visualizações 53 comentários

Por Meu Timão

Cássio e Walter disputam posto de titular do Timão desde 2013

Cássio e Walter disputam posto de titular do Timão desde 2013

Daniel Augusto Jr./Ag.Corinthians

Goleiro da defesa menos vazada do Campeonato Paulista (ao lado do Palmeiras), Cássio está de bem com a vida. Mas não foi assim no primeiro semestre de 2016, quando viu seu principal concorrente de posição, Walter, ganhar o status de titular do Corinthians durante um período ruim de sua vida.

Em maio, Cássio se ausentou dos treinamentos da véspera da estreia do Timão no Brasileirão para acompanhar o funeral de sua avó, no Sul. Ao retornar ao clube, soube que havia perdido a titularidade para Walter. Passado quase um ano do episódio, o camisa 12 nega haver qualquer rusga com o amigo e companheiro de profissão.

“Muita gente fala muita besteira sobre isso, a gente se dá super bem. Não só o Walter, o Caique, o Matheus. Quando o Walter estava jogando eu até me afastei da imprensa, porque muita gente foi oportunista, falaram besteira, coisas que me chatearam. Muitas vezes faziam coisas para botar eu contra o Walter ou me forçavam a falar coisas que o atingissem. Isso me chateou pelo respeito que sempre tive por ele. Nunca tive problema com ele, a gente se dá bem. É claro que em campo a gente vai buscar nosso espaço, queremos ser titulares. Tem um treinador para decidir quem joga ou não. O mesmo respeito que tinha pelo Walter quando ele chegou, eu tenho agora”, disse Cássio em entrevista ao site Lance!.

A situação ficou ainda mais chata quando Cássio, depois da vitória do Corinthians por 3 a 0 sobre a Ponte Preta, usou os microfones para evidenciar seu descontentamento. Na ocasião, pediu para que Mauri Lima, preparador de goleiros da equipe, o cobrasse “olho no olho”. Hoje, o arqueiro número um do Timão reconhece seu erro.

“Teve um mal-entendido. Faltou o que teve depois, sentar e conversar. Dei uma entrevista na qual fui mal. Falei coisas, deveria ter conversado com ele, depois pedi desculpas e falei os pontos nos quais tinha que melhorar. Faltou diálogo das duas partes, mas serviu de aprendizado. Hoje não tem nada, essa é a sexta temporada que vou trabalhar com ele. A cada ano que passa ele vem trabalhando melhor, me cobrando mais, o que faz com que eu atinja um nível maior. São coisas que acontecem, do dia a dia da profissão”, esclareceu o camisa 12.

“Me arrependo daquela entrevista que dei depois do jogo, mas acontece. Ouço também muita gente falando que o Tite não me convoca porque ficou uma coisa das entrevistas dele, ficaram meio brigados, mas de maneira alguma. A gente sentou, conversou, ele me mostrou por que eu perdi minha posição e eu concordei. Ele foi uma das pessoas que fez eu dar virada, não colocar a culpa nos outros”, finalizou.

Após o ocorrido, Cássio permaneceu no Corinthians e Tite assumiu a Seleção Brasileira, sendo sucedido por Cristóvão Borges. O treinador baiano, por sua vez, bancou o herói do Mundial de 2012 no time e sacou Walter. Atualmente, o camisa 27 se recupera de lesão na região do tórax.

Veja mais em: Cássio, Walter e Tite.

Veja Mais:

  • Paulo Roberto atuou em 27 jogos pelo Corinthians, marcou um gol e ganhou dois títulos (Paulista e Brasileiro 2017)

    Paulo Roberto entra na Justiça contra o Corinthians e pede R$ 1,2 milhão

    ver detalhes
  • Corinthians enfrenta Palmeiras na próxima quarta-feira, às 21h30

    Duelo entre Corinthians e Palmeiras pelo Paulistão tem horário definido; veja detalhes

    ver detalhes
  • Invadimos a Arena Corinthians de carro e tomamos blitz do Marcelinho Carioca

    VÍDEO: Invadimos a Arena Corinthians de carro e tomamos blitz do Marcelinho Carioca

    ver detalhes
  • Atacante Yony González não jogará mais pelo Corinthians

    Corinthians anuncia devolução de Yony González ao Benfica; veja nota oficial

    ver detalhes
  • Corinthians tem, neste momento, 19 volantes sob contrato

    Corinthians chega a 19 volantes sob contrato profissional com promoção de Xavier; veja lista

    ver detalhes
  • Corinthians vai ter apenas dois dias para realizar o procedimento e deixar Jô apto para a estreia do Paulistão

    O que o Corinthians precisa fazer para contar com Jô no Dérbi? Entenda o procedimento

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: