Roberto de Andrade se esquiva sobre Valdívia, mas manda recado ao Internacional

Roberto de Andrade se esquiva sobre Valdívia, mas manda recado ao Internacional

Por Meu Timão

6.6 mil visualizações 51 comentários Comunicar erro

Roberto evitou criar mais polêmica sobre 'caso Valdívia' e pôs panos quentes no assunto

Roberto evitou criar mais polêmica sobre 'caso Valdívia' e pôs panos quentes no assunto

Foto: Divulgação

O presidente do Corinthians, Roberto de Andrade, falou pela primeira vez sobre a negociação com o Internacional pelo meia-atacante Valdívia, que teve fim na última quarta-feira sem final feliz. Chamado de “mentiroso” pelo vice de futebol colorado Roberto Melo e pelo técnico Antônio Carlos Zago, o dirigente alvinegro evitou rebater as declarações, mas manteve a versão de que o atleta fora oferecido ao Timão.

“Eu acho que eles falam o que querem como eu falo o que quero. Não quero criar polêmica nenhuma. Na hora exata, vou mostrar pra vocês quem está mentindo. Estamos querendo entrar em campo”, disse Roberto de Andrade em entrevista após evento na sede da Federação Paulista de Futebol (FPF), nesta terça-feira, em São Paulo.

“Não vou entrar em polêmica com ninguém eles falam o que querem e eu falo o que eu quero”, prosseguiu o presidente corinthiano. “Ele acha que sou mentiroso, não é todo mundo, ele acha. É uma opinião dele”, frisou.

Corinthians e Internacional chegaram a encaminhar a troca por empréstimo de Giovanni Augusto por Valdívia. A negociação, entretanto, estacionou no momento em que o meia do Timão não aceitou atuar pelo clube gaúcho até dezembro. Dias depois, pessoas importantes ligadas ao time do Rio Grande do Sul criticaram a maneira como o Corinthians conduziu as tratativas.

“Houve essa especulação da ida do Valdívia para o Corinthians. Depois disseram que o Inter o ofereceu. Isso foi mentira. Terei que mostrar as mensagens que tenho no celular”, bradou Zago. “Procuraram o Valdívia desde o início do ano. Não só o Corinthians, como Palmeiras, Santos. O São Paulo também tem interesse”, justificou.

Curiosamente, as duas equipes se enfrentam nesta quarta, às 21h45 (de Brasília), no Beira-Rio, pela abertura da quarta fase da Copa do Brasil. Para Andrade, o fato de apontarem o Timão como “quarta força do estado” não chega a ser ruim. “Eu também concordo, sou a quarta força, não tem problema nenhum. Estamos entre os quatro (semifinalistas do Paulistão) e somos a quarta força”, ironizou.

Veja mais em: Roberto de Andrade, Diretoria do Corinthians e Mercado da bola.

Veja Mais:

  • Corinthians jogou bem, mas não conseguiu sair vitorioso neste domingo

    Corinthians sofre gol impedido, reage no segundo tempo e fica no empate com o Internacional

    ver detalhes
  • Time comandado por Jair Ventura segue distante dos grupo de classificados para a próxima Libertadores

    Corinthians ganha posição após empate, mas já sabe que termina rodada em oitavo; entenda

    ver detalhes
  • Henrique deixou a Arena muito insatisfeito com arbitragem

    Henrique elogia atuação do Corinthians e lamenta influência da arbitragem em empate na Arena

    ver detalhes
  • Nova loja da Poderoso Timão da Arena Corinthians

    Nova loja Poderoso Timão é inaugurada na Arena Corinthians neste domingo

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes