Danilo, sobre título da Libertadores: 'Quantos jogadores passaram aqui e não conseguiram?'

Danilo, sobre título da Libertadores: 'Quantos jogadores passaram aqui e não conseguiram?'

Por Meu Timão

Fundamental na Libertadores de 2012, Danilo segue atuando pelo Timão

Fundamental na Libertadores de 2012, Danilo segue atuando pelo Timão

Foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

O Corinthians comemora nesta terça-feira cinco anos do título da Libertadores de 2012. E um dos titulares daquela conquista inédita que seguem no Timão até os dias de hoje é o meia Danilo. Em entrevista concedida à Corinthians TV, o veterano de 38 anos falou sobre o significado da data especial:

"Título inédito do clube, todo ano será lembrado. Agradeço a Deus por ter feito parte disso tudo (...) Um título desse na história do Corinthians é muito importante, só tenho a agradecer por ter feito parte. Quantos jogadores passaram aqui e não conseguiram? Essa data será história até (o clube) ganhar mais um (título da Libertadores)", analisou o camisa 20 alvinegro.

Leia também:
Alessandro revela o momento da certeza do título e fala do sofrimento após o lance de Diego Souza
De Wallace a Adriano: confira onde estão os 'campeões esquecidos' do Corinthians
Pressão da torcida, Diego Souza, Romarinho 'avoado', Tite... Cássio lembra conquista da Libertadores
Do hexa à nova direção: o que mudou no Corinthians desde a Libertadores de 2012
Chicão, Seu Messias e a história do 'campeão secreto' da Libertadores de 2012 pelo Corinthians
Relembre jogo a jogo a trajetória do Corinthians na conquista invicta da Libertadores da América

Danilo foi um dos personagens mais importantes daquele trajetória corinthiana até as finais contra o Boca Juniors. No jogo de volta das semifinais, contra o Santos, foi ele o responsável pelo gol do Timão no empate em 1 a 1, no Pacaembu, que selou a classificação alvinegra. Na finalíssima, de calcanhar, deu assistência para o primeiro gol de Emerson Sheik.

"A partir do momento em que o árbitro encerrou o jogo, passam muitas coisas. Todo mundo chorando ali. O que a gente passou naquela Libertadores... Ver o que vi aquele dia não tem preço", resumiu Danilo.

Ao ser questionado sobre o tempo que levou para assimilar a conquista, Danilo admitiu que as primeiras horas após o apito final foram de emoções exacerbadas.

"Na hora, a pressão do jogo... É tudo muito rápido, você não vê. Você só vai cair na real no outro dia, quando acorda e fala 'nossa, título inédito do clube'. Loucura não só dos torcedores, mas do clube todo, funcionários, jogadores, diretoria...", contou.

Veja mais em: Danilo, Libertadores da América e Ídolos do Corinthians.

Veja Mais:

  • Na Série B do Brasileirão pelo Internacional, Leandro Damião entrou na mira do Timão

    Corinthians inicia sondagem sobre centroavante do Internacional

    ver detalhes
  • Timão monitorava situação de Roger, em fim de contrato no Botafogo

    Alvo do Corinthians, centroavante Roger fecha com clube gaúcho

    ver detalhes
  • Vilson só deve retornar aos treinos em fevereiro do ano que vem

    Vilson passa por nova cirurgia no joelho e deve perder pré-temporada do Corinthians; veja foto

    ver detalhes
  • Assim como no Paulistão, Cássio será o escolhido para levantar a taça do Brasileiro

    Carille define qual jogador do Corinthians vai levantar a taça do Campeonato Brasileiro de 2017

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes