Treinador do Corinthians rechaça tropeço, comemora desempenho e agradece à torcida

Treinador do Corinthians rechaça tropeço, comemora desempenho e agradece à torcida

Por Meu Timão

Carille concedeu entrevista coletiva após o empate com o Atlético-PR

Carille concedeu entrevista coletiva após o empate com o Atlético-PR

Foto: Reprodução/TV

Enquanto os adversários viram o empate do Corinthians com o Atlético-PR como um tropeço, Fábio Carille comemorou o empate conquistado na Arena diante de um bom futebol. Em entrevista coletiva após o duelo com os paranaenses, o treinador do Timão rechaçou que sua equipe tropeçou na noite deste sábado.

"Sabíamos da dificuldade do jogo, criamos oportunidades, várias, mas campeonato é assim, mais um ponto conquistado, tem que valorizar esse ponto. Gostei do volume, pela semana que foi achei que seria menor, mas conseguimos imprimir um volume legal", afirmou.

Leia também:

Jô fala em 'infelicidade' e garante equipe com a cabeça tranquila
Empate não tira 'soberania' do Corinthians no Brasileirão; veja tabela e projeções
Torcida do Corinthians reconhece e aplaude o elenco após empate; jogadores agradecem
Fagner não vê desempenho abaixo em empate, mas admite chances desperdiçadas

Na sequência, questionado por um repórter sobre uma suposta maneira exposta de atuar da defesa, o treinador devolveu com outra pergunta antes de responder:

"Exposta? Não. Cássio praticamente não trabalhou, tomamos o segundo gol num chute desviado no Balbuena. Primeiro gol, do Jonathan, um gol de qualidade", lembrou o comandante alvinegro, ainda completou:

"Criamos, principalmente no segundo tempo. Tivemos uma bela jogada do Fagner pela direita, ele tinha a oportunidade de finalizar e tocar para o Romero, escolheu finalizar. Criamos sim, criamos para vencer o jogo e fomos infelizes nesse gol desviado", ponderou.

Fábio Carille ainda falou sobre o desempenho do Corinthians no Brasileiro. Mas sem antes voltar a deixar claro que ficou bastante satisfeito com o que seus comandados apresentaram diante do Atlético-PR.

"Vamos falar de resultado ou rendimento? Rendimento já falei que foi bom. Resultado acontece. Se formos buscar vários jogos, vamos nos surpreender. Campeonato é assim, encostado. Claro que disparamos. Hoje se estivéssemos com 26 pontos estaríamos todos felizes. Estamos com 36. Cria aquela sensação de que vai pegar o Atlético-PR em casa e passar, não é assim. Fiquei muito preocupado porque quando se ganha um clássico como o de quarta, o relaxamento é natural. Não foi o que ocorreu", disse.

Por fim, o treinador agradeceu à Fiel por ter aplaudido a equipe após o jogo mesmo tendo apenas empatado em casa.

"Desde o jogo contra o Palmeiras (na primeira fase do Paulista) eles estão vindo juntos. Aquele 1 a 0 como foi, não temos nada para falar, só agradecer esse apoio que vem a todo momento", finalizou.

Veja mais em: Fábio Carille e Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Zé Rafael, de 24 anos, tem contrato com o Bahia até 2020

    Corinthians reforça interesse em Zé Rafael, mas tem de esperar até 9 de dezembro; entenda

    ver detalhes
  • Romero não jogará contra o Atlético-MG, mas estará na Arena Corinthians

    Mesmo suspenso, Romero tem duas metas para jogo da festa contra o Atlético-MG no domingo

    ver detalhes
  • Carille quer contar com seu reserva imediato em 2018

    Permanência de Walter é desejo de Carille, mas técnico já tem plano B em caso de saída

    ver detalhes
  • Na Série B do Brasileirão pelo Internacional, Leandro Damião entrou na mira do Timão

    Corinthians inicia sondagem sobre centroavante do Internacional

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes