Guilherme Arana exalta vitória e não vê Grêmio como principal concorrente do Corinthians

Guilherme Arana exalta vitória e não vê Grêmio como principal concorrente do Corinthians

Por Meu Timão

46 mil visualizações 64 comentários Comunicar erro

Guilherme Arana afirmou que Brasileiro segue muito 'embolado'

Guilherme Arana afirmou que Brasileiro segue muito 'embolado'

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Na tarde deste domingo, o Corinthians venceu o Fluminense por 1 a 0, no Maracanã, em partida válida pela 16º rodada do Campeonato Brasileiro. O Timão embarcou para o Rio de Janeiro envolto a uma certa desconfiança, já que vinha de dois empates diante do Atlético Paranaense e Avaí, respectivamente. Porém, com a vitória em cima dos cariocas, o cenário mudou. Guilherme Arana, titular do embate, minimizou o clima de descrença e falou sobre a importância de voltar a vencer.

''A gente fica muito feliz, isola as coisas que vem de fora e trabalha forte dentro do campo. Hoje jogamos um grande futebol e conseguimos o gol, que foi muito importante. Independente de 1 a 0, são três pontos de todo jeito. Estamos muito felizes'', contou.

Agora com 40 pontos na classificação do Nacional, os comandados do técnico Fábio Carille estão a nove pontos do vice-colocado Grêmio. Questionado se a equipe tricolor é o principal adversário a ser batido, o lateral-esquerdo foi cauteloso e lançou mão do tradicional discurso do time corinthiano, ignorando circunstâncias não pertinentes à campanha do Timão.

''Todos são adversários, está muito embolado ainda. A gente se preocupa mais com a gente, temos que fazer grande trabalho dentro de campo e as coisas de fora, que secam, que falam de fora, a gente tem que isolar e jogar por nós mesmos'', afirmou.

Leia também:
Carille, após vitória do Corinthians: 'Não tem time invencível. Tem time que trabalha muito sério'
Jô dá de ombros aos 'secadores' após vitória no Maracanã, mas projeta tropeço do Corinthians
Balbuena e Cássio são os melhores em vitória do Corinthians; Carille se destaca também

O time gaúcho vai a campo nesta segunda-feira, diante do São Paulo, de olho em diminuir a diferença para o líder e ficar a seis pontos de distância. Acerca desse assunto, o camisa 13 não demonstrou preocupação e disse onde pretende estar quando a bola rolar para os adversários.

''Eu, particularmente, vou ficar com meus amigos, tranquilo, dentro de casa. Independente do resultado lá temos que manter a cabeça no lugar e fazer o nosso. A gente está na frente e não pode deixar escapar'', finalizou.

Sem tempo para pausas, o Corinthians volta a treinar na tarde desta segunda-feira, no CT Joaquim Grava, pensando no jogo diante do Patriotas, pela Sul-Americana, na partida de volta da competição, às 21h45, na Arena de Itaquera.

Veja mais em: Guilherme Arana e Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Timão levou gol bizarro em Campinas e só empatou com Red Bull

    Defesa bate cabeça, e Corinthians tropeça diante do Red Bull em noite de gols contra

    ver detalhes
  • Renê Júnior (à dir.) fez sua estreia como titular e deixou boa impressão

    'Salva' de tropeço, dupla corinthiana empata na escolha do craque da partida

    ver detalhes
  • Atuação de Romão em derrota para Ponte Preta preocupou comissão técnica

    Após contratar Juninho, Corinthians busca novo lateral-esquerdo no mercado; Carille explica

    ver detalhes
  • Autora da obra, Katia Bagnarelli é viúva do eterno Doutor

    História de Sócrates é celebrada em lançamento de autobiografia nesta segunda-feira

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes