Oswaldo, Marcelo Oliveira ou Carille? Gabriel diz qual técnico fez seu futebol evoluir

Oswaldo, Marcelo Oliveira ou Carille? Gabriel diz qual técnico fez seu futebol evoluir

Por Meu Timão

4.3 mil visualizações 30 comentários Comunicar erro

Para Gabriel, Carille tem influência direta em seu bom momento profissional

Para Gabriel, Carille tem influência direta em seu bom momento profissional

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Titular absoluto do Corinthians, o volante Gabriel pode se gabar do fato de ter aprendido com alguns dos principais técnicos do futebol brasileiro. Afinal, antes de chegar ao Timão, o jogador trabalhou com Oswaldo de Oliveira, Marcelo de Oliveira e Cuca, treinadores que passaram recentemente por Botafogo e Palmeiras. Em entrevista à ESPN Brasil, o camisa 5 alvinegro citou as principais diferenças entre os comandantes e destacou qual teve influência direta na evolução de seu futebol.

É difícil de falar, são estilos diferentes. Não só de lidar com o grupo, mas trabalho de campo também. O Oswaldo (de Oliveira), tive uma passagem no Botafogo e no Palmeiras, onde ele foi o meu primeiro treinador da época de base para o profissional. Cresci muito com ele, tenho um carinho muito grande, é um cara que me ajudou muito”, contou Gabriel.

“Aprendi muito, ele me deu confiança, depois eu trabalhei com o Marcelo Oliveira, também um cara sensacional. Um cara que gosta de motivar bastante, uma preleção que faz o time ir para cima”, acrescentou o volante.

Leia também:
Mais gols do que faltas? Jogadores do Corinthians ainda repercutem marca: 'Louvável'
Após 'troca não muito tranquila', Gabriel quer engatar tríplice coroa alternativa no Corinthians

Sobre Carille, porém, Gabriel foi além. De acordo com o jogador, o ex-auxiliar de Tite é responsável por seu crescimento profissional, já que o corrigiu quando necessário e o fez enxergar futebol de outra maneira.

“E o Carille, que é esse cara que está todo mundo vendo. Transparência e competência, ele estuda muito. Ele não fala que você está errado, ele fala e depois te dá a solução. O Carille consegue dizer isso, é diferenciado. Estou muito feliz e me sinto honrado de trabalhar com ele também”, enalteceu Gabriel, elencando fatores positivos em relação à maneira do técnico corinthiano de pensar futebol.

“O trabalho do Carille é diferenciado, até o próprio trabalho de campo, ele posiciona muito bem as nossas linhas. Ele treina também quem não vem jogando para, quando entrar, já saber o que fazer. A gente não tem jogado muito na marcação individual, e sim mais por zona, posicionado. Faz com que se corra menos e corra certo. Meu futebol evoluiu e a minha visão também a partir do momento que eu cheguei no Corinthians”.

Antes de dar fim à conversa, Gabriel – ainda que de forma indireta – comprovou que o clima entre jogadores e membros da comissão técnica do Corinthians, líder invicto do Campeonato Brasileiro, é o melhor possível: “Vou levar para a minha vida toda porque eu acho que esse é o jeito que se joga futebol”, concluiu.

Veja mais em: Gabriel, Fábio Carille e Oswaldo de Oliveira.

Veja Mais:

  • Clayson, Luan, Sornoza, Marciel e Matheus Matias: confira o vaivém no Corinthians neste fim de 2018

    Corinthians no mercado da bola: veja quem chega e quem sai do clube para 2019

    ver detalhes
  • Ramiro possui contrato com Grêmio até 2021; Timão contatou pai do atleta

    Corinthians consulta pai de Ramiro, do Grêmio, e mostra interesse no meia

    ver detalhes
  • Reunião do Conselho do Corinthians aconteceu no Parque São Jorge

    Conselho do Corinthians se reúne e aprova previsão orçamentária de 2019; Rosenberg causa irritação

    ver detalhes
  • Corinthians e São Paulo se enfrentaram pelas quartas de final da Copa RS

    Corinthians é derrotado pelo São Paulo nos pênaltis e dá adeus à Copa RS de 2018

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes