Casagrande vê Corinthians 'assustador' e projeta arquirrival campeão do Brasileirão

56 mil visualizações 369 comentários Comunicar erro

Por Meu Timão

Casagrande vê Palmeiras mais forte do que Corinthians na luta pelo título do Brasileirão

Casagrande vê Palmeiras mais forte do que Corinthians na luta pelo título do Brasileirão

Reprodução/TV

A sequência de maus resultados do Corinthians, que perdeu do Botafogo nessa segunda-feira, vem assustando tanto que já há até comentarista apostando em reviravolta na reta final do Campeonato Brasileiro. E trata-se de um ex-jogador do Timão: Walter Casagrande.

Durante participação no programa Globo Esporte desta terça-feira, da TV Globo, Casagrande credenciou o Palmeiras como favorito ao título. O time alviverde vem de vitórias sobre Atlético-GO, Ponte Preta e Grêmio. No mesmo período, o Timão perdeu de Bahia e Botafogo e empatou com os gaúchos.

Leia também:
Corinthians sofreu gols com 11 jogadores dentro da área contra cinco botafoguenses
Assistente relata troca de tapas entre Clayson e policial na súmula e revela ajuda da TV
Corinthians tem quase um time inteiro de jogadores pendurados antes do Dérbi

"O Corinthians teve um momento longo jogando bem. Agora o Palmeiras fez três jogos, três vitórias. Sem dúvida alguma, o Palmeiras é o time que pode desbancar o Corinthians. Inclusive é o melhor time do campeonato no momento. Eu acho que perde o título para o Palmeiras. Eu acho, hein!? Estou falando do momento. Depois não vão falar: 'Ah, ele falou que perdia'", discorreu o comentarista.

O principal fator de preocupação do Corinthians é a queda de rendimento no segundo turno. Os incríveis 82,5% de aproveitamento na primeira metade do campeonato se transformaram em 36% nas 11 rodadas disputadas até aqui pelo returno.

"Lógico que assusta. Assusta bastante. E começou a assustar no começo do segundo turno, quando perdeu para o Atlético-GO e o Vitória, ambos na zona do rebaixamento. Se você colocar o mesmo desempenho de returno com essas duas vitórias, são 12 pontos de diferença. Aquilo deveria acender a luz amarela, vermelha. E não acendeu", analisou Casagrande.

Arbitragem

O ex-atacante também falou sobre o conturbado fim de jogo entre Corinthians e Botafogo. Um pênalti não marcado de Igor Rabello em Jô gerou uma confusão generalizada - com direito até a condução do atacante Clayson por policiais para prestar esclarecimentos.

"Foi pênalti. Um erro, no final do jogo, o auxiliar estava bem de frente com a jogada. Mas é uma interpretação do árbitro. Foi pênalti, mas ele não deu. O Corinthians teve um turno todo invicto. Erros aconteceram em todos os jogos, não foi a primeira vez que o time foi prejudicado. Nunca nenhum jogador, ou técnico do Corinthians, reclamou. Começaram a reclamar agora porque ficaram assustados", argumentou Casagrande.

Veja mais em: Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Corinthians leva a virada e perde para o Cruzeiro por 2 a 1 em Itaquera; Carille foi expulso no segundo tempo

    Corinthians não consegue afastar crise e perde de virada para o Cruzeiro pelo Brasileirão

    ver detalhes
  • Com apenas 5,6, o volante Ralf foi eleito o melhor em campo pela Fiel

    Torcida do Corinthians poupa Ralf em noite de médias extremamente baixas; reserva é o pior em campo

    ver detalhes
  • Em meio a crise, Fábio Carille seguirá no comando do Corinthians

    Diretor do Corinthians garante permanência de Fábio Carille

    ver detalhes
  • Carille foi alvo de críticas da Fiel após a derrota para o Cruzeiro

    Fim da paciência com Carille, erros de arbitragem e Corinthians 'em queda'; veja repercussão da Fiel

    ver detalhes
  • Corinthians perdeu de virada para o Cruzeiro na noite deste sábado

    Com nova derrota, Corinthians pode terminar rodada fora do G6 do Brasileirão; veja tabela

    ver detalhes
  • Fábio Carille foi expulso por conta de reclamação para o árbitro e irá perder o próximo jogo do Corinthians

    Corinthians sofre com pendurados e expulsão de Carille e terá desfalque triplo diante do Santos

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: