Goiás x Corinthians

Pelo Campeonato Brasileiro, o Corinthians vai vencendo o Goiás

Acompanhe ao vivo

Corinthians trava no goleiro rival, perde da Ponte Preta e vê liderança do Brasileirão em xeque

38 mil visualizações 959 comentários Comunicar erro

Por Meu Timão

Artilheiro Jô não conseguiu balançar as redes neste domingo

Artilheiro Jô não conseguiu balançar as redes neste domingo

Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

Ponte Preta 1 X 0 Corinthians

Brasileirão 2017
29 de outubro de 2017, 17:00
Ponte Preta 1 x 0 Corinthians
Moisés Lucarelli

O Corinthians sofreu um resultado para lá de negativo no fim de tarde deste domingo, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro. A equipe comandada por Fábio Carille perdeu por 1 a 0 para a Ponte Preta, com direito a gol do atacante emprestado Lucca e grande atuação do goleiro Aranha.

Com o resultado (terceira derrota seguida como visitante), o Corinthians coloca mais do que nunca a liderança do Brasileirão em xeque. Isso porque o Timão segue estacionado nos 59 pontos e vê a possibilidade de o vice-líder Palmeiras, que enfrenta o Cruzeiro nesta segunda, diminuir a diferença para três pontos - e tem Dérbi marcado para a semana que vem!

Em tempo: o Corinthians foi escalado neste domingo com aqueles 11 jogadores considerados ideais por Carille. Com direito até mesmo a recorde de equipe mais vezes utilizada na história centenária do clube, entraram em campo: Cássio, Fagner, Balbuena, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel, Maycon, Jadson, Rodriguinho e Romero; Jô.

Vale ainda lembrar que o Corinthians volta a campo na tarde do próximo domingo, também às 17h, na Arena, em Itaquera, em clássico contra o Palmeiras. O confronto direto pela liderança do Brasileirão será válido pela 32ª rodada.

Primeiro tempo

Os 45 minutos iniciais da partida foram marcados por bastante equilíbrio. Se Corinthians e Ponte Preta não exibiram o melhor futebol possível, ao menos podem se gabar de ter construído algumas chances de gol. E melhor para os mandantes...

No lado do Corinthians, os nomes que mais assustaram Aranha foram Jô e Gabriel. O centroavante recebeu cruzamento de Fagner e, na hora do cabeceio, acabou atrapalhado pelo colega Pablo; o volante, após dois rebotes dados pelo goleiro ponte-pretano, acertou um carrinho na bola e carimbou o travessão.

Lá atrás, o protagonista do Corinthians se desenhava Cássio, que fez grande defesa em cabeceio de Rodrigo - o zagueiro estava em condição de impedimento, mas viu a arbitragem validar o lance. Pouco tempo depois, porém, não deu para o camisa 12: Jeferson cruzou pela esquerda, Guilherme Arana bobeou na marcação e Lucca acertou testada firme abrindo o placar.

No fim das contas, vantagem parcial da Ponte Preta ao término do primeiro tempo.

Segundo tempo

Ciente da necessidade de mudar o panorama do jogo, Carille decidiu trocar o volante Gabriel pelo atacante Clayson. Em menos de cinco minutos de jogo pós-intervalo, a substituição surtiu efeito: o camisa 25 fez bela jogada individual pela esquerda e encontrou Jô na grande área. O camisa 7 rolou para Rodriguinho, que finalizou com perigo, obrigando Aranha a fazer grande defesa.

A Ponte Preta, que de boba não tem nada, também assustou o Corinthians na etapa final. Lucca ganhou de Pablo na disputa individual e cruzou para Emerson Sheik. O veterano se atrapalhou na hora de finalizar e por muito pouco não aumentou a vantagem campineira no marcador.

Vendo o relógio avançar e o placar não se modificar, Carille promoveu outra substituição: colocou Pedrinho na vaga de Romero. Pouco depois, mais uma mexida: Kazim no lugar de Maycon.

Logo em sua primeira participação, o "gringo da favela" fez bom pivô para Jadson, que chutou de fora da área levando perigo ao gol de Aranha. No lance seguinte, foi a vez de Pedrinho "rabiscar" pela direita e assustar a defesa ponte-pretana.

Com foco total no ataque, o Corinthians até seguiu apertando a Ponte Preta. Rodriguinho, por exemplo, acertou belo chute de longe, obrigando Aranha a fazer grande defesa. Em cabeceio de Pablo, um verdadeiro milagre foi feito pelo goleiro rival. Na sequência, em nova jogada área, o arqueiro fez outra defesa sensacional.

E a equipe corinthiana, no fim das contas, mostrou-se incapaz de vencer Aranha e ao menos empatar a partida.

Veja mais em: Campeonato Brasileiro.

Quem Atuou

Títulares

Reservas

  • Clayson Henrique da Silva Vieira

    >Craque da partida

    >Cartão amarelo

    Clayson

    nota média: 6.5

    1353 votos

  • Pedro Victor Delmino da Silva

    Pedrinho

    nota média: 4.4

    1312 votos

  • Colin Kazim-Richards

    Kazim

    nota média: 3.1

    1304 votos

Técnico

Árbitro

Comente a partida entre Corinthians e Ponte Preta