Perto de se tornar técnico, Sylvinho vê Carille e Arana com perfis para brilharem na Europa

4.0 mil visualizações 43 comentários Comunicar erro

Por Meu Timão

Sylvinho e Carille conversam durante treino do Corinthians em 2014

Sylvinho e Carille conversam durante treino do Corinthians em 2014

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Sylvinho conhece como poucos a trajetória do técnico do Corinthians, Fábio Carille. Entre 2013 e 2014, ambos desempenharam a função de auxiliar de Tite, então comandante do clube. Aos 43 anos, o assistente técnico da Seleção Brasileira, hoje também conduzida por Adenor, se sente à vontade para falar de seu antigo colega de trabalho.

Em entrevista ao site Goal.com, Sylvinho, revelado nas categorias de base do Timão, projetou o sucesso de Carille no futebol europeu, onde ele, como lateral-esquerdo, defendeu nada menos que Arsenal, Barcelona e Manchester City.

Leia também:
Choque de multicampeões pelo Corinthians: Carille anuncia amistoso contra Tite em Chapecó
Carille confirma conversas por contratações e vê com otimismo planejamento do Corinthians para 2018

“Carille é um treinador muito organizado e capaz. Tem nível para trabalhar na Europa se surgir a oportunidade. É muito trabalhador e está ganhando experiência. Trabalhei com ele e posso dizer que é um grande treinador. Me sinto sortudo por ter trabalhado com ele”, exaltou Sylvinho.

Multicampeão pelo Corinthians (um Brasileirão, uma Copa do Brasil e três campeonatos Paulista), Sylvinho retornou ao time em julho de 2013, desta vez não como jogador, mas auxiliar. Foi nessa época inclusive que o ex-camisa 16 do Barcelona conheceu Guilherme Arana, um jovem lateral-esquerdo formado no terrão corinthiano.

“Eu o conheci (Arana) no Corinthians, em 2013. Era um garoto muito jovem e lembro que já me impressionei porque ele já era fisicamente maduro, muito forte e capaz de jogar bem na equipe profissional. Desde aquela época já era muito focado. Sabia que seu trabalho iria melhorar e crescer ainda mais porque assim é a vida de um futebolista. Um atleta de elite sabe que não pode relaxar, que tem que melhorar todos os dias e ele é muito consciente disso. Sabe o que quer e é muito sério”, declarou.

Leia também:
Promovido aos 16 anos, Arana se despede do Corinthians domingo; relembre trajetória
Corinthians estabelece condição para vender Arana ao Sevilla; entenda os valores

Sylvinho pendurou as chuteiras na temporada de 2010 e vem trabalhando como assistente técnico desde então. Questionado sobre a possibilidade de assumir uma equipe profissional, ele é franco:

“É inevitável, carrego isso comigo. Comecei no Corinthians com o Tite, depois o Mancini me chamou na Internazionale, onde aprendi muitos movimentos defensivos e organização tática, e agora voltei a trabalhar com o Tite na Seleção Brasileira. Estou terminando o curso da Uefa e não sei se vou chegar a ser um grande treinador, mas vou tentar".

O potencial para ter sucesso como treinador e a antiga relação com o Corinthians fizeram com que Sylvinho fosse procurado pela diretoria alvinegra em 2016, logo após a saída de Tite para a Seleção. Na ocasião, o ex-lateral, sob o argumento de que precisava terminar a graduação no Velho Continente, recusou o convite.

Veja mais em: Ex-jogadores do Corinthians, Fábio Carille e Guilherme Arana.

Veja Mais:

  • Corinthians enfrenta o Goiás na noite desta quarta-feira

    Corinthians visita o Goiás para voltar a vencer e se manter no G4 do Brasileiro

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians costuma levar bons públicos à Arena

    Para onde vai o dinheiro que a Fiel gasta com segundo ingresso mais caro do Brasil

    ver detalhes
  • Ralf volta ao plantel do Timão para o jogo desta quarta-feira

    Com três retornos, Corinthians confirma lista de relacionados contra o Goiás; veja provável time

    ver detalhes
  • Corinthians não tomou conhecimento do adversário e garantiu mais um título estadual

    Corinthians goleia Magnus fora de casa e garante título do Campeonato Paulista de Futsal

    ver detalhes
  • Treinador português corre risco de demissão no Monaco

    Possível interesse do Corinthians em técnico do Monaco repercute na Europa

    ver detalhes
  • Casagrande rebateu as entrevistas concedidas pelo treinador

    Casagrande culpa Carille por deficiências do elenco citadas pelo técnico: 'Má escolha dele'

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: