Ralf afasta favoritismo do Corinthians em clássico contra São Paulo: 'Retrospecto é página virada'

Ralf afasta favoritismo do Corinthians em clássico contra São Paulo: 'Retrospecto é página virada'

Por Thaina Barros e Rodrigo Vessoni

1.8 mil visualizações 39 comentários Comunicar erro

Ralf pode estar em campo no domingo, na primeira semifinal contra São Paulo

Ralf pode estar em campo no domingo, na primeira semifinal contra São Paulo

Foto: Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

O Corinthians enfrenta um clássico contra o São Paulo, neste domingo, pelo jogo de ida das semifinais do Campeonato Paulista. A partida será uma reedição da disputa pela vaga na final do torneio em 2017, onde o Timão levou a melhor sobre o rival e acabou campeão estadual pela 28ª vez. Contudo, para o volante Ralf, o retrospecto favorável não apresenta vantagens ao time alvinegro. A partida será disputada no estádio do Morumbi, às 16h (de Brasília)

"Não vejo (favoritismo). Divide aí, 50% para cada um, mesmo com o fator casa deles. O passado é passado, temos de ir lá e construir uma nova história. Retrospecto é página virada", disse o camisa 15.

Multicampeão pelo clube do Parque São Jorge, Ralf pode encarar o seu primeiro Majestoso após o retorno ao Timão nesta temporada. Segundo volante, o clássico paulista traz boas lembranças, principalmente por conta da rivalidade entre as duas equipes.

"Tive mais boas lembranças do que más em Corinthians x São Paulo, todas que vencemos foram positivas. Todo jogo contra o São Paulo tem um algo a mais, por toda essa rivalidade. A gente respeita, vamos fazer um jogo de igual para igual, mas espero que a gente consiga um grande resultado", garantiu.

Leia também:
Fiel garante 22 mil ingressos para semifinal na Arena em menos de um dia
Clayson passa por tratamento e será reavaliado pelos médicos do Corinthians neste sábado
São-paulina vai à Arena, se encanta com Fiel e até corneta corinthiano. E fala ao Meu Timão!

Entre as recordações de Ralf, a goleada de 6 a 1 do Corinthians sobre o São Paulo, durante o Campeonato Brasileiro de 2015, não passou despercebida. "Não foi tanta facilidade, a gente que tornou o jogo mais fácil. Pegou de surpresa pelo 6 a 1, a gente já estava campeão, não desviamos o foco, o São Paulo brigava por outras coisas. Respeitamos o adversário, independente de ser clássico ou não", relembrou.

Quando o assunto é rivalidade, o volante do Timão voltou a pedir respeito, principalmente à torcida adversária. Ralf relembrou a recepção da delegação do Corinthians no último clássico disputado no Morumbi, pelo Brasileirão de 2017, que teve o ônibus apedrejado quando chegava no estádio do rival.

"Difícil falar disso, a gente não sabe o que nos espera no trajeto ao Morumbi. Difícil chegar apedrejado, espero que não tenha. Quem vem aqui, a torcida do Corinthians não corresponde à altura. Deixar fora de campo essa rivalidade, não colocar em campo. Respeitar uns aos outros", afirmou.

O tom ponderado de Ralf tomou outra forma quando questionado sobre o reencontro com o volante Jucilei, com quem atuou lado a lado pelo Corinthians e como rival na China, quando defendia o Beijing Guoan. O jogador atua pelo São Paulo desde o último ano.

"Não tenho contato (com o Jucilei), o último foi na China, não temos mais. Prefiro o contato em campo. A hora que começar o jogo não tem amizade", finalizou.

Veja mais em: Ralf, Majestoso e Campeonato Paulista.

Veja Mais:

  • Bicicleta de Bale inspira zoeira entre corinthianos na web: 'Parecia o Romero!'

    Bicicleta de Bale inspira zoeira entre corinthianos na web; confira melhores tweets

    ver detalhes
  • Maycon (à esq.) não fica após Copa; Rodriguinho e Jadson devem receber ofertas

    Andrés diz que Corinthians deve perder três titulares durante janela de transferências

    ver detalhes
  • Renan Areias comemora o gol marcado contra o São Paulo, na final da Copa do Brasil Sub-20

    Corinthians vence São Paulo na Arena e sai na frente na final da Copa do Brasil Sub-20

    ver detalhes
  • Porque o Internacional odeia o Corinthians | #53

    VÍDEO: Por que o Internacional odeia o Corinthians | #53

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes