Tribunal arquiva inquérito que apurava possível interferência externa em Corinthians x Palmeiras

Tribunal arquiva inquérito que apurava possível interferência externa em Corinthians x Palmeiras

Por Meu Timão

97 mil visualizações 353 comentários Comunicar erro

Juiz voltou atrás após marcar pênalti de Ralf, que tocou só bola

Juiz voltou atrás após marcar pênalti de Ralf, que tocou só bola

Foto: Reprodução/TV

O Corinthians segue como campeão legítimo do Campeonato Paulista de 2018. Em audiência realizada na noite desta segunda-feira, o Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo (TJD-SP) decidiu pelo arquivamento do inquérito que apurava possível interferência externa no segundo jogo das finais do Estadual, vencido pela equipe de Fábio Carille no tempo normal e nos pênaltis. A informação é do site Uol.

O caso teve início após o Palmeiras, derrotado dentro de campo, procurar os tribunais e, assim, tentar reverter o resultado. Na avaliação de parte de torcida, equipe e direção do clube rival, o árbitro Marcelo Aparecido de Souza errou ao voltar atrás e não assinalar pênalti do volante Ralf, do Corinthians, sobre o atacante Dudu. Após oito minutos de bate-bocas no gramado, Aparecido corrigiu a falha e marcou escanteio a favor dos donos da casa.

Segundo o Palmeiras, Dionísio Roberto Domingos, diretor de arbitragem da Federação Paulista de Futebol (FPF), interferiu no julgamento do juiz. Imagens de câmeras de segurança do Allianz Parque mostravam o indivíduo próximo a demais integrantes da equipe de arbitragem e ao técnico Fábio Carille.

O relatório final do TJD foi anunciado por Marcelo Monteiro, relator. De acordo com ele, “a tese (do Palmeiras) de influência externa não ficou minimamente demonstrada”. Também pontuou que “não há qualquer indício mínimo de materialidade ou autoria”.

Leia também:
Ameaça de sequestro da mãe abalou Carille antes de final contra Palmeiras
Palmeirenses insinuam até espião ao reclamar de adesivos corinthianos no Allianz Parque

Na semana passada, a diretoria do Palmeiras fechou contrato com a Kroll, multinacional norte-americana de investigação particular, para auxiliar na ação. A empresa chegou a reunir imagens em que Marcio Verri Brandão, membro da FPF, supostamente utilizava um celular à beira do campo ao longo das discussões entre jogadores, juiz e assistentes. O material não foi mencionado na audiência.

Como cabe recurso, o departamento jurídico do Palmeiras promete recorrer às últimas instâncias para solicitar a impugnação da partida, ocorrida no dia 8 de abril.

O Corinthians superou o Palmeiras no tempo normal com gol de Rodriguinho. Já nas penalidades máximas, Cássio defendeu os arremates de Dudu e Lucas Lima, enquanto Danilo, Romero, Lucca e Maycon converteram suas cobranças, dando o título paulista da temporada ao Timão, que já vencera a edição anterior.

Veja mais em: Dérbi, Campeonato Paulista e STJD.

Veja Mais:

  • Corinthians jogou bem, mas não conseguiu sair vitorioso neste domingo

    Corinthians sofre gol impedido, reage no segundo tempo e fica no empate com o Internacional

    ver detalhes
  • Corinthians de Jair Ventura está em oitavo lugar no Brasileirão

    Corinthians 'volta uma casa' na classificação do Brasileirão, mas diminui distância para o G6

    ver detalhes
  • Danilo Avelar foi eleito o pior corinthiano em campo pela Fiel

    Novidade de Jair Ventura é enaltecida pela Fiel; lateral rouba cena e é eleito pior em campo

    ver detalhes
  • Mateus Vital fez bom jogo diante do Internacional neste domingo

    Análise: Corinthians reage após gol impedido e consegue empate contra o Internacional

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes