Corinthians vai atrás de Gil para evitar reforço ao Palmeiras; Guerrero é oferecido ao rival

Corinthians vai atrás de Gil para evitar reforço ao Palmeiras; Guerrero é oferecido ao rival

Por Vinícius Souza e Rodrigo Vessoni, no CT Joaquim Grava

148 mil visualizações 451 comentários Comunicar erro

Campeão brasileiro em 2015, Gil pode voltar ao Corinthians, segundo Andrés Sanchez

Campeão brasileiro em 2015, Gil pode voltar ao Corinthians, segundo Andrés Sanchez

Foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

A tarde desta sexta-feira foi quente no Corinthians. Tudo por conta de uma entrevista coletiva concedida pelo presidente do clube, Andrés Sanchez. Entre outros assuntos polêmicos, como o banimento do ex-presidente da CBF Marco Polo Del Nero, o dirigente assegurou que o Timão pode entrar na disputa com o Palmeiras pelo zagueiro Gil, ex-Corinthians e atualmente no Shandong Luneng, da China.

De acordo com Andrés, Gil está na mira do clube rival. Também por este motivo, o Timão não descarta enviar oferta aos chineses para repatriar o defensor de 30 anos de idade, que defendeu o clube de 2013 e 2015 e conquistou três títulos: Paulista (2013), Recopa Sul-Americana (2013) e Brasileirão (2015).

“Estamos bem de zagueiro, mas não é só querer, você tem que enfraquecer adversário. Se o Gil estiver disposto a voltar para o Brasil, o Palmeiras terá que aumentar a oferta. E bastante”, declarou Sanchez, enfático.

Leia também: Sanchez diz que Corinthians não procura volantes e vibra com renovação de Balbuena

Além disso, Andrés revelou que o centroavante Paolo Guerrero, também ex-atleta do Timão, foi oferecido ao mesmo Palmeiras. Irônico, o mandatário alvinegro disse que, pelos números de bastidores, dificilmente a equipe da Barra Funda terá sucesso na contratação do peruano, campeão mundial pelo Corinthians em 2012, hoje pertencente ao Flamengo.

“Eu não posso pagar R$ 100 mil por jogo. Tem jogador (do Palmeiras) ganhando 25, ofereceram 50. Pro Guerrero, que jogou em time grande, tem que ganhar 100, fora o salário”, opinou.

Sanchez não só revelou estratégias de bastidores do Palmeiras com relação ao mercado da bola como criticou duramente o presidente rival, Maurício Galiotte, pela intenção de impugnar a final do Campeonato Paulista, vencida por Carille & cia no tempo normal e nos pênaltis.

Veja mais em: Mercado da bola, Andrés Sanchez, Ex-jogadores do Corinthians e Diretoria do Corinthians.

Veja Mais:

  • Corinthians vem de derrota para o Santos na última partida disputada pelo Brasileirão

    Corinthians é ultrapassado, vê Z4 embolar e fica a cinco pontos da vice-lanterna; veja classificação

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians terá duas opções para assistir ao jogo contra o Vitória

    Dois canais de TV transmitem jogo entre Corinthians e Vitória neste domingo

    ver detalhes
  • Adriana marcou gol da vitória do Corinthians na primeira final do Brasileirão Feminino

    Corinthians vence final fora de casa e fica a um empate de título inédito do Brasileiro Feminino

    ver detalhes
  • Corinthians realizou treinamento com portões fechados para a imprensa neste sábado

    Escalação segue indefinida, e Corinthians tem 22 relacionados para jogo contra Vitória

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes