Corinthians sobra no último quarto, bate São José e é campeão da Liga Ouro; time vai ao NBB

35 mil visualizações 110 comentários

Com grande atuação de Pastor & cia., Corinthians conquistou Liga Ouro e estará no NBB

Com grande atuação de Pastor & cia., Corinthians conquistou Liga Ouro e estará no NBB

Rodrigo Coca/Ag. Corinthians

São José Basketball 63 X 74 Corinthians

Liga Ouro 2018
22 de junho de 2018, 20:00
São José Basketball 63 x 74 Corinthians
Ginásio Lineu de Moura

Ninguém ainda confirmou que foi neste jogo.

Seja o primeio a marcar presença e faça novas amizades com quem também esteve por lá.

Pode soltar o grito, Fiel: o Corinthians é o grande campeão da Liga Ouro de Basquete 2017/18! Na noite desta sexta-feira, em duelo disputado no Ginásio Lineu de Moura, no interior de São Paulo, o Timão bateu o São José dos Campos pelo placar de 74 a 63, abrindo 3 a 1 na série final do torneio.

O jogo quatro entre os times ficou marcado pelo equilíbrio técnico, sendo decidido pela parte física. Mais “inteiro”, o Corinthians sobrou nos minutos finais, ampliou a vantagem para onze pontos e conquistou assim o título inédito da Liga Ouro.

Trata-se do primeiro troféu do Timão desde a reativação de modalidade, em novembro de 2017. E o corinthiano tem outro motivo especial para celebrar: a conquista faz o time de Bruno Savignani garantir vaga na próxima edição do Novo Basquete Brasil (NBB), elite do basquetebol brasileiro.

O jogo

Se o Corinthians havia sobrado no primeiro quarto do terceiro jogo – abriu 13 pontos antes mesmo de o São José anotar sua primeira cesta –, demorou a despertar nesta sexta-feira. A equipe da casa, também pela necessidade de vencer para então forçar o jogo cinco, se impôs logo nos primeiros minutos, controlou o ataque alvinegro e abriu 11 pontos sobre os visitantes ao longo do período inicial.

A equipe de Bruno Savignani voltaria mais concentrada para o segundo quarto. Com Pastor inspirado, o Corinthians passou a girar a bola com velocidade e pegar a marcação do São José desprevenida, voltando para o jogo. Já o camisa 9 marcaria oito pontos somente neste período, passando confiança ao técnico alvinegro e aos demais companheiros de time. A essa altura, o Timão perdia pelo placar de 34 a 30.

O jogo abaixo do Corinthians em São José dos Campos passava, principalmente, pelo aproveitamento aquém de sua dupla norte-americana. Reggie, destaque no confronto da última quarta-feira, só marcara seis pontos antes do intervalo; Brandon, dois.

Os donos da casa apostavam em seu camisa 24, Douglas Nunes, que esbanjava qualidade individual. No fim do terceiro quarto, o ala-pivô ostentava a marca de 25 pontos, de longe o principal cestinha do embate; Reggie era o corinthiano com mais pontos, dez.

O penúltimo tempo marcou a reação alvinegra: vitória por 21 a 18 e desvantagem tirada para um ponto. Em outras palavras: o último período incendiaria o Ginásio Lineu de Moura, onde a Fiel também marcava presença e cantava em alto e bom som nas arquibancadas.

A noite, caro leitor, pertencia ao Corinthians – ao Corinthians não, ao torcedor corinthiano. Gustavinho & cia. trataram de se impor no fim da partida, não deixaram a desejar nos arremessos e levaram o esquadrão do Parque São Jorge ao título inédito.

Agora? Rumo ao NBB, porque é só o começo!

Equipe do Corinthians

Titulares: Gustavinho, Humberto, Brandon, Reggie e Abner
Reservas que atuaram: Wagner, Pastor, Bruno, Schneider e Gemadinha
Técnico: Bruno Savignani

Resultados da série final

Veja mais em: Basquete.

Quem Atuou

Jogadores

  • Brandon Rashad Davis

    Davis

    Pontos: 12
    Rebotes: 2
    Assistências: 2
    Tempo em quadra: 31m09s

  • Humberto Luis Gomes da Silva

    Humberto

    Pontos: 8
    Rebotes: 6
    Assistências: 5
    Tempo em quadra: 27m09s

  • Abner Davi de Novais Moreira

    Abner

    Pontos: 6
    Rebotes: 12
    Assistências: 1
    Tempo em quadra: 26m06s

  • Reginald Andrew Larry

    Reggie

    Pontos: 12
    Rebotes: 7
    Assistências: 1
    Tempo em quadra: 24m05s

  • Gustavo Santos Pereira Lima

    Gustavinho

    Pontos: 0
    Rebotes: 1
    Assistências: 2
    Tempo em quadra: 18m05s

  • Vinicius de Oliveira Cornelio Pastor

    Pastor

    Pontos: 11
    Rebotes: 2
    Assistências: 0
    Tempo em quadra: 18m00s

  • Bruno José Macedo Ferreira

    Bruno José

    Pontos: 9
    Rebotes: 3
    Assistências: 0
    Tempo em quadra: 15m05s

  • Luis Fernando Lopes Sacco

    Gemadinha

    Pontos: 7
    Rebotes: 2
    Assistências: 2
    Tempo em quadra: 15m03s

  • Wagner Carvalho França Mattos

    Wagner

    Pontos: 3
    Rebotes: 4
    Assistências: 0
    Tempo em quadra: 13m00s

  • Guilherme Schneider

    Guilherme Schneider

    Pontos: 6
    Rebotes: 1
    Assistências: 0
    Tempo em quadra: 8m08s

Comente a notícia: