Dupla campeã da Libertadores pelo Corinthians reencontra goleiro ex-Boca, hoje no Colo-Colo

Dupla campeã da Libertadores pelo Corinthians reencontra goleiro ex-Boca, hoje no Colo-Colo

4.7 mil visualizações 20 comentários Comunicar erro

Emerson Sheik reencontrará Orión, ex-goleiro do Boca Jrs, hoje no Colo-Colo

Emerson Sheik reencontrará Orión, ex-goleiro do Boca Jrs, hoje no Colo-Colo

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Relacionados para o duelo com o Colo-Colo, nesta quarta-feira, pelas oitavas de final da Copa Libertadores, o goleiro Cássio e o atacante Emerson Sheik terão a chance de reencontrar um goleiro que faz parte da história da dupla no Corinthians.

Trata-se de Agustín Orión, hoje com 37 anos. O arqueiro titular da equipe chilena era o dono da posição no Boca Juniors (ARG) na decisão da competição sul-americana de 2012, vencida pelo Timão.

Foi Orión quem levou o gol de Romarinho na Bombonera. Na volta, no Pacaembu, a decisão para ele durou apenas 16 minutos. Após se chocar com Leandro Somoza, o goleiro saiu lesionado. Detalhe: a jogada individual que fez os dois jogadores do Boca Juniors se trombarem foi de Emerson Sheik.

Momento em que Orión sentiu a lesão no Pacaembu; aquela decisão para ele, hoje no Colo-Colo, durou apenas 16 minutos

Orión sentiu lesão no Pacaembu com apenas 16 minutos; goleiro, hoje, defende o Colo-Colo-CHI

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Coube, então, ao reserva Sebastián Sosa levar os dois gols do Corinthians no segundo tempo. O uruguaio não pôde com Sheik, que se tornou o heroi da inédita e invicta conquista do Timão diante do Boca Juniors.

Orión chegou ao Colo-Colo em julho de 2017, após uma passagem de dois anos pelo Racing Club-ARG, clube que o contratou do Boca.

Ralf e Danilo não foram relacionados

Outros dois campeões em 2012 poderiam reencontrar Orión, mas não foram relacionados. O volante Ralf, que teve uma lesão muscular na panturrilha esquerda, não viajará a Santiago e, com isso, perderá a chance de reencontrar o goleiro que perdeu a histórica decisão da Libertadores. Assim como Danilo, que ficou no Brasil por opção do técnico Osmar Loss.

Ralf já não está mais sob cuidados dos médicos. Neste momento, trabalha a parte física com os preparadores físicos e fisioterapeutas no CT Joaquim Grava. O volante, hoje com 34 anos, segue sem confiança para voltar devido à pequenas dores no local.

Veja mais em: Libertadores da América, Cássio, Emerson Sheik, Ralf e Danilo.

Veja Mais:

  • Thiaguinho deve ser titular do Corinthians neste sábado

    Sem Jadson, provável escalação do Corinthians tem três mudanças para encarar Vasco

    ver detalhes
  • Cerca de 300 torcedores na porta do CT Joaquim Grava na tarde desta sexta-feira

    Organizada do Corinthians grita contra Andrés e se reúne com jogadores, diretoria e Jair

    ver detalhes
  • Jadson está relacionado para o jogo deste sábado contra o Vasco

    Corinthians relaciona Jadson e outros 22 jogadores contra o Vasco; veja a lista

    ver detalhes
  • Teu passado é uma bandeira. Não aprenderam a lição?

    [Lucas Faraldo] Teu passado é uma bandeira. Não aprenderam a lição?

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes