Com ação até no uniforme, Corinthians abraça campanha de doação de órgãos

Com ação até no uniforme, Corinthians abraça campanha de doação de órgãos

Por Meu Timão

2.3 mil visualizações 22 comentários Comunicar erro

Bruna Damasceno é uma das modelos da exposição que será inaugurada na Arena Corinthians

Bruna Damasceno é uma das modelos da exposição que será inaugurada na Arena Corinthians

Foto: Lincoln Chessa/Divulgação

Antes mesmo de a bola rolar para o jogo desta quarta-feira à noite, o Corinthians já marcou um golaço. O clube do Parque São Jorge aproveitará a partida contra o Flamengo, pela Copa do Brasil, para levar à Arena conscientização sobre a Semana Nacional de Doação de Órgãos, em parceria com a Associação Brasileira de Transplante de Órgãos (ABTO).

Talvez a mais chamativa ação prometida pelo Corinthians seja a personalização das camisetas com as quais os jogadores entrarão em campo. Tais uniformes terão nomes de pessoas que estão precisando de doação de órgãos e o número da posição em que estão na fila de espera - hoje no Brasil há mais de 30 mil pessoas aguardando transplante.

Haverá também, no Átrio da Arena Corinthians, a inauguração da exposição #JUNTOS - Marcas de Uma Vida. A obra tem como objetivo mostrar, por meio de fotos, a superação de diferentes perfis de pessoas pós-transplante. O destaque fica por conta das cicatrizes, que simbolizam a vitória daqueles que um dia correram sérios riscos de morte.

A exposição ficará na Arena até o dia 3 de outubro.

"O futebol é um meio excepcional para levar informações sobre doação de órgãos às pessoas. A Fiel sempre responde positivamente a toda causa humanitária. Está no DNA do Timão", sintetizou Luis Paulo Rosenberg, diretor de marketing do Corinthians.

Para reforçar a ação, criada pela agência Leo Burnett Tailor Made em parceria com o coletivo #JUNTOS, 11 personalidades corinthianas conduzirão pessoas transplantadas e familiares em uma volta olímpica no gramado da Arena durante o intervalo do jogo.

Doação de órgãos no Brasil

Números obtidos pelo mais recente relatório anual da ABTO apontam, no Brasil:

  • Mais de 30 mil pessoas na fila de espera por transplante;
  • Aumento de 3,5% nas doações de 2015 a 2016;
  • 14,6 pessoas são doadoras a cada um milhão da população;
  • 43% das famílias entrevistas não autorizam a doação de órgãos.

"A doação de órgão ainda é preocupante e relativamente pequena perto das reais necessidades do Brasil. A principal dificuldade para o aumento do número de doadores é, exatamente, o baixo nível de informação sobre o assunto. Ter as pessoas disseminando essa ideia através de uma das maiores e mais importantes torcidas do Brasil, como o Corinthians, nos ajuda significativamente a impactar, através de um ato tão simples, sobre a importância da doação de órgãos. Apostamos na adesão da sociedade para tornar essa espera por um órgão menos longa e dolorosa", afirmou Paulo Pêgo, presidente da ABTO.

Veja mais em: Arena Corinthians, Ações de marketing e Ações sociais do Corinthians.

Veja Mais:

  • Andrés Sanchez posou ao lado de Ronaldo, Kia Joorabchian e familiares de Marquinhos

    Presidente do Corinthians se encontra com Ronaldo, Kia e família de Marquinhos em Londres

    ver detalhes
  • Vitória no jogo deste sábado aproximaria Corinthians da permanência na Série A

    Corinthians pode deixar rival direto para trás e se aproximar de permanência na Séria A; veja

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians tem opção para assistir ao jogo deste sábado ao vivo na televisão

    Confira como assistir ao jogo entre Corinthians e Vasco ao vivo na televisão

    ver detalhes
  • Destaque no Majestoso de sábado passado, Thiaguinho será titular diante do Vasco

    Com desfalques e dúvida na escalação, Corinthians recebe Vasco para 'jogo de seis pontos'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes