Pedrinho vê Corinthians com mais mobilidade e lamenta chances perdidas contra América-MG

Pedrinho vê Corinthians com mais mobilidade e lamenta chances perdidas contra América-MG

Por Meu Timão

1.9 mil visualizações 35 comentários Comunicar erro

Pedrinho foi titular no meio-campo do Corinthians diante do América-MG

Pedrinho foi titular no meio-campo do Corinthians diante do América-MG

Foto: Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

Chances não faltaram, mas o Corinthians não saiu no 0 a 0 diante do América-MG no último sábado, pelo Campeonato Brasileiro. Titular no lugar do poupado Jadson, o meia-atacante Pedrinho apontou um Timão com mais mobilidade em campo e lamentou o empate. Para ele, faltou capricho no último toque ao gol.

"Estávamos com um time de muita mobilidade, conseguimos muitas finalizações, mas infelizmente não fomos eficientes. Creio que fizemos um grande jogo, mas acho que faltou caprichar na finalização para sair com os três pontos", disse Pedrinho enquanto deixava o Estádio Independência, em Belo Horizonte.

Além do camisa 10 Jadson, o técnico Jair Ventura não contou com outros três titulares: os laterais Fagner (fibrose na coxa direita) e Danilo Avelar, e o volante Douglas. Com isso, Pedrinho, Gabriel, Carlos Augusto e Ángelo Araos formaram o "mistão" alvinegro.

E a equipe sobrou diante dos mineiros nos primeiros minutos de jogo, além de ter um pênalti claro sobre Gabriel que não foi marcado pelo árbitro, já no segundo tempo. O placar zerado, contudo, se manteve.

"Realmente, sabemos do grande primeiro tempo que fizemos, muita posse de bola, triangulações, conseguimos concluir finalizações. Futebol é isso, às vezes não aproveitamos. Empate fora de casa não é ruim", completou.

Leia também:
Corinthians corre risco de perder posições na classificação do Brasileiro
Análise: Corinthians faz grande primeiro tempo, mas sente cansaço na etapa final contra o América-MG
Gabriel explica lance de pênalti não marcado para o Corinthians no Independência

Após algum tempo jogando como atacante, Pedrinho ainda analisou seu desempenho no meio-campo alvinegro, ao lado de Mateus Vital. "É uma posição que eu joguei muito na base, mas fazia muito tempo que eu não jogava, estava me adaptando ainda, no jogo mesmo. Mas é uma posição que eu gosto de jogar também, acaba tirando minha parte de marcação e eu acabo rendendo muito mais na parte ofensiva", afirmou.

Vale destacar que o Timão entrou em campo três dias após a conquista de uma vaga na final da Copa do Brasil. O time de Jair Ventura venceu o Flamengo por 2 a 1, em plena Arena Corinthians, na última quarta. O desgaste foi ressaltado por Pedrinho.

"Querendo ou não, viemos de um grande jogo, uma grande vitória. Não só fisicamente, mas a cabeça da gente reage normalmente de outra forma. Por isso que o Jair vem falando pra mantermos a cabeça firme. Acho que fizemos um grande jogo hoje (sábado) também, igual quarta-feira, mas não aproveitamos as oportunidades e não conseguimos sair com a vitória", analisou o camisa 38.

O empate deixou o Corinthians na oitava posição do Brasileiro, com 35 pontos marcados. A equipe volta a campo na próxima sexta-feira, diante do Flamengo, pela 28ª rodada do Nacional.

Veja mais em: Pedrinho e Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Pedrinho tem sido relacionado com grandes clubes da Europa

    Jornal espanhol coloca Pedrinho na mira do Real Madrid; meia seria emprestado ao time de Ronaldo

    ver detalhes
  • Equipe de Jair Ventura se afastou da zona de rebaixamento e pode respirar mais tranquila

    Chances de rebaixamento do Corinthians beiram zero após vitória decisiva contra o Vasco

    ver detalhes
  • Após cumprir suspensão, Douglas volta a ser opção para Jair no Paraná

    Dúvidas, retornos e ausências no Corinthians para o jogo contra o Atlético-PR na quarta-feira

    ver detalhes
  • Basquete do Corinthians tem jogo importante longe de seus domínios nesta semana

    Jornada dupla no Brasileirão e nas quadras: os compromissos do Corinthians na semana

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes