Afastando 'caça às bruxas', Cássio pede união e exalta maturidade de jovens no Corinthians

Afastando 'caça às bruxas', Cássio pede união e exalta maturidade de jovens no Corinthians

Por Thaina Barros e Rodrigo Vessoni, no CT Joaquim Grava

1.0 mil visualizações 15 comentários Comunicar erro

Cássio fez um balanço dos erros do Corinthians na temporada até aqui

Cássio fez um balanço dos erros do Corinthians na temporada até aqui

Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

A reta final da temporada de 2018 tem sido complicada para o Corinthians. Depois de um início vitorioso, com o título do Campeonato Paulista, a equipe perdeu peças importantes do elenco e tenta escapar de um eventual rebaixamento no Brasileiro. Entre os mais experientes do grupo, o goleiro Cássio evitou buscar culpados pelo quadro do clube no Nacional neste ano.

"Quando acontece isso, todo mundo tem uma parcela: jogadores, diretoria, comissão...Seria fácil jogar a culpa nisso ou naquilo, todos têm sua parcela e todos estão incomodados. No Brasileirão, perdemos pontos importantes em casa. Muitos jogos, se você não consegue ganhar, ao menos você não perde. E fizemos muito isso no ano passado. Acabamos fazendo um campeonato de altos e baixos, momentos bons e ruins, mas temos de seguir unidos. Se teve erros, todos tiveram uma parcelinha. Queremos subir o mais rápido possível", disse o camisa 12.

Leia também: Corinthians não cai, Cássio? Capitão se posiciona sobre declaração de Jair Ventura

Em relação ao time campeão brasileiro de 2017, o Corinthians sofreu perdas consideráveis. Além da ida do artilheiro Jô para o Japão, nomes como o lateral-esquerdo Guilherme Arana e o zagueiro Pablo também deixaram o clube. A situação se agravou ainda mais na janela de transferências do meio do ano, quando os titulares Rodriguinho, Maycon, Sidcley e Balbuena se despediram do grupo.

O desmanche também chegou a comissão técnica após a saída do técnico Fábio Carille para a Arábia Saudita, em maio. O então auxiliar Osmar Loss assumiu a equipe por um curto período, mas foi preterido pelo atual treinador Jair Ventura no mês de setembro. A diretoria do Corinthians buscou minimizar as perdas com novas contratações, que não evitaram o baixo desempenho no restante da temporada.

Hoje, o elenco do Corinthians conta com nomes como o zagueiro Léo Santos, o lateral-esquerdo Carlos Augusto, e os meias Ángelo Araos, Pedrinho e Mateus Vital, todos com menos de 22 anos de idade. Os jovens tem ganhado espaço sob comando de Jair Ventura e, segundo Cássio, não é o momento para protecionismos.

Leia também:
Cássio opina sobre protesto no CT e faz apelo à torcida do Corinthians: 'Caldeirão contra o Vasco'
'Fator Arena' pode evitar o rebaixamento do Corinthians no Campeonato Brasileiro; veja números

Para o goleiro, mesmo com pouca idade e tento o auxílio dos jogadores mais experientes, os "meninos" do Timão tem mostrado maturidade para passar pelo momento difícil vivido pelo clube. "Não pode ser só agora. Não só eu, mas todos, o ano inteiro ajudamos os meninos, que nem são mais meninos. Muitos que jogam estão há um bom tempo no profissional. Não os vejo descontrolados, tivemos expulsões, por duas faltas. Não é pelo momento. É circunstância do jogo. Mas neste momento, não podemos separar meninos de experientes, Corinthians é equipe", afirmou Cássio.

"Em muitos momentos eles que decidiram e ajudaram a equipe, vejo os meninos preparados. Para mim também é novo, nunca estive tão perto. Teve uma vez (2013), mas eu estava machucado e não participei. Temos que corrigir erros, em 15 ou 20 dias acabou o campeonato. Precisamos de todo mundo. A torcida está chateada por não termos as vitórias, mas precisamos deles, precisamos se unir e fazer um caldeirão. Temos de buscar uma vitória contra o Vasco", completou.

O Corinthians volta a campo às 19h (de Brasília) deste sábado, diante do Vasco, em plena Arena em Itaquera. A partida é válida pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro, onde o Timão se encontra na 13ª posição, com 40 pontos. São três a menos que o primeiro time na zona de rebaixamento, a Chapecoense.

Veja mais em: Cássio e Elenco do Corinthians.

Veja Mais:

  • Tem clássico! Timão e São Paulo decidem na terça vaga à semifinal da Copa RS

    Corinthians faz clássico contra São Paulo nas quartas da Copa RS

    ver detalhes
  • Rosenberg chamou Leila Pereira de 'imperadora' do Palmeiras e ironizou Allianz: 'Pneu deitado'

    Diretor do Corinthians ironiza Palmeiras e diz que 'Fiel não aceitaria imperadora'

    ver detalhes
  • Corinthians e Internacional se enfrentaram pela liderança do Grupo B da Copa RS

    Corinthians vai bem, mas cede empate para Internacional e deixa escapar liderança na Copa RS

    ver detalhes
  • 'Não sei por que fazem tanto romance em torno disso', declarou Rosenberg sobre dívida pela Arena

    Rosenberg atualiza dívida do Corinthians pela Arena: 'Na pior das hipóteses, deve R$ 650 milhões'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes