Régis é apresentado e detalha papel de Carille em sua transferência ao Corinthians

Régis é apresentado e detalha papel de Carille em sua transferência ao Corinthians

Por Lucas Faraldo e Rodrigo Vessoni, no CT Joaquim Grava

14 mil visualizações 190 comentários Comunicar erro

Régis foi apresentado nesta quinta-feira como reforço do Corinthians para 2019

Régis foi apresentado nesta quinta-feira como reforço do Corinthians para 2019

Rodrigo Vessoni/Meu Timão

O Corinthians apresentou nesta quinta-feira o meia Régis, de 26 anos. O jogador concedeu sua primeira entrevista como jogador do Timão, no CT Joaquim Grava. Ele assinou semana passada contrato de empréstimo pelo Bahia até o fim de 2019.

Quem entregou a camisa do Corinthians para Régis e posou ao lado do meia para fotos foi a dupla de ex-jogadores e atuais dirigentes Emerson Sheik e Vilson Menezes. Tal papel é tradicionalmente desempenhado pelo diretor Duílio Monteiro Alves, que se encontra na Espanha para negociar com o Sevilla a contratação de Guilherme Arana.

Leia também: Passado em rivais, destaque no Bahia e apelido diferente: conheça o 12º reforço do Timão para 2019

Régis tem direitos econômicos ligados ao Bahia. Ele estava emprestado pelo clube de Salvador ao Al-Wehda, da Arábia Saudita. E foi justamente por lá onde conquistou Fábio Carille. "Quero agradecer a Deus por esse momento. Já havia um desejo de trabalhar com o professor há um tempo. No ano passado consegui me transferir para o Al-Wehda, mas não deu tempo de ser inscrito no campeonato e fiquei só treinando. O professor veio para cá e falou comigo sobre o desejo de contar comigo. Não pensei duas vezes em voltar para o Brasil e trabalhar com ele", descreveu o jogador em sua primeira entrevista no CT do Timão.

Após duas temporadas de destaque com a camisa do Bahia, Régis foi para o futebol saudita justamente como aposta de Carille. Por lá, agradou o hoje treinador do Corinthians.

"Quando você é contratado pelo treinador, ele sabe do seu potencial. Eu acredito no meu potencial, sei o que posso construir, mas não posso trazer isso como uma pressão. Tenho que sempre melhorar para dar a resposta em campo", declarou Régis. "Pelas atuações que tive nos últimos clubes, como foi na Chapecoense, Sport, Bahia, onde fui muito feliz. Acredito que isso possa ter deixado ele animado com a minha chegada", acrescentou.

O meia, assim, chega ao Corinthians sob indicação e aprovação de Carille. No elenco, ele terá concorrência de Jadson, Sornoza e Fabricio Oya como meia de criação. Cabe destacar, porém, que ele é relativamente versátil e também pode atuar pelas beiradas do campo.

Régis já treina no CT Joaquim Grava desde o início da semana passada e por ora não está inscrito nem no Campeonato Paulista nem na Copa Sul-Americana.

Veja mais em: Régis, Mercado da bola, Contratações do Corinthians, Emerson Sheik e Vilson.

Veja Mais:

  • Gustagol salvou o Corinthians de um revés em Araraquara

    Gustagol sai do banco, marca no fim, e Corinthians respira nas quartas de final contra Ferroviária

    ver detalhes
  • Gustagol e Clayson foram os corinthianos donos das melhores notas das torcida

    Gustagol é disparado o craque do Corinthians no empate com a Ferroviária; veja outros destaques

    ver detalhes
  • Walter entrou no lugar de Cássio, que sentiu dores e foi substituído ainda no intervalo

    Diretor do Corinthians explica decisão sobre Walter: 'Uma conversa de amigo'

    ver detalhes
  • Avelar segue sendo titular da equipe e atuou contra a Ferroviária neste domingo

    Diretor de futebol atualiza posição do Corinthians sobre contratações de Arana e Avelar

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes