Cássio vê Corinthians bem servido de goleiros e não descarta sair, mas mira recorde

10 mil visualizações 65 comentários

Por Meu Timão

Caíque (foto) e Walter são hoje os reservas de Cássio no Corinthians

Caíque (foto) e Walter são hoje os reservas de Cássio no Corinthians

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Reserva na Seleção Brasileira campeã da Copa América dos últimos meses de junho e julho e por várias outras vezes convocado por Tite, Cássio naturalmente desperta no Corinthians um receio (que seja discreto) de perdê-lo para o mercado do exterior. E o goleiro falou sobre o assunto na entrevista coletiva desta quarta-feira no CT Joaquim Grava.

Questionado se, em meio à reta final da janela de transferências de muitos países do futebol europeu, recebeu alguma sondagem de clubes do exterior, Cássio disse não ter sido avisado por seu empresário sobre qualquer coisa do tipo. O camisa 12 aproveitou para falar que, apesar da idolatria e do tempo de casa, não descarta sair do Corinthians um dia. Por outro lado, também enfatizou o sonho de se tornar o goleiro com mais jogos na história do Timão.

"Que eu saiba não chegou nenhuma proposta ou conversa, falo duas vezes por semana com meu empresário. Jogador de futebol nunca sabe, não adianta falar que não vou sair, depois saio, sou mercenário. Mas estou há oito anos ganhando títulos. Me sinto feliz neste ambiente de trabalho, muito contente, não sei se vou ficar para sempre... Uma das minas metas é bater recordes no Corinthians, óbvio que quero bater o recorde do Ronaldo de número de jogos no Corinthians, minha admiração por ele é enorme, não quero fazer comparações. Não sei de nada, estou muito feliz no Corinthians, quero fazer o melhor a cada dia e não penso como será lá no futuro", discorreu Cássio, com seus 426 jogos pelo clube nas costas; Ronaldo Giovanelli, citado pelo atual goleiro, é o recordista do Timão com 602 partidas.

Leia também:
Carille fecha treino, mas Boselli indica que será reserva contra o Fluminense; veja provável time
Cássio põe Corinthians na briga por tríplice coroa, mas faz ressalva

Em sua oitava temporada pelo Corinthians e com nove títulos na bagagem alvinegra, Cássio foi questionado sobre motivação para seguir em alto nível e concorrência de outros goleiros.

"Só o fato de eu estar no Corinthians já é motivação. Walter é muito competente, Caique também, Filipe vem jogando bem no sub-23. Outros goleiros da base que vêm se destacando. Outro dia treinei com um menino do sub-14, Filipe, pela qualidade e tamanho, quase da minha altura. Corinthians está bem servido de goleiros, não vai precisar contratar por um bom tempo. Tem o Donelli sempre indo para a seleção, Diego também. Corinthians está bem servido", comentou, enfatizando os jovens arqueiros das categorias de base.

Ainda discorrendo sobre motivação e concorrência, mas agora num âmbito geral do elenco corinthiano, Cássio rasgou elogio ao ambiente de trabalho construído pelos próprios jogadores junto com a comissão técnica no dia a dia do Timão. Essa tem sido uma marca registrada da equipe nas últimas temporadas, desde passagens de Mano Menezes e Tite.

"Você no Corinthians desmotivado é difícil. Quantos queriam estar aqui? Já estamos em setembro, não tem que falar coisa negativa de ninguém. Temos um ambiente de trabalho muito bom. É seguir se dedicando, é um perfil de jogadores, mostramos para quem chega como funciona. Quem vai jogar é com Fábio (Carille)", finalizou.

Veja mais em: Cássio, Walter, Caíque França, Filipe, Elenco do Corinthians e Mercado da bola.

Veja Mais:

  • Ramiro está emprestado ao Al Wasl, dos Emirados Árabes Unidos; clube de Dubai terá de pagar US$ 4 milhões para ficar com o meio-campista

    Corinthians deve ter a volta de seis emprestados em junho, mas apenas três têm chance de ficar no CT

    ver detalhes
  • Boca Juniors vai pagar menos por casos de racismo do que Corinthians por infração a artigo que trata de propaganda no banco de reservas

    Conmebol multa Boca por racismo; valor é menor que pena ao Corinthians por propaganda no banco

    ver detalhes
  • Vítor Pereira foi anunciado há exatos três meses pelo Corinthians; seu primeiro jogo, porém, aconteceu dias depois

    Vítor Pereira completa três meses de Corinthians com 52.63% de aproveitamento; relembre trajetória

    ver detalhes
  • Caio Mello não faz mais parte do quadro de funcionários do Corinthians

    Fisioterapeuta deixa o Corinthians após mais de 13 anos

    ver detalhes
  • Abimael, à direita, assinou com o Corinthians por dois anos

    Corinthians acerta contratação de lateral-esquerdo ex-Palmeiras para o Sub-20

    ver detalhes
  • Fagner correu ao redor do gramado nesta segunda-feira, no CT Joaquim Grava

    Fagner inicia transição e elenco do Corinthians faz treino em casa após empate no Majestoso

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x