Gustagol marca, Corinthians supera Ceará e confirma vaga na Libertadores de 2020

41 mil visualizações 371 comentários Comunicar erro

Corinthians, de Gustavo, venceu Ceará por 1 a 0 nesta quarta-feira, no Castelão, pelo Brasileirão

Corinthians, de Gustavo, venceu Ceará por 1 a 0 nesta quarta-feira, no Castelão, pelo Brasileirão

Rodrigo Gazzanel /Agência Corinthians

Ceará 0 X 1 Corinthians

Brasileiro 2019
04 de dezembro de 2019, 19:30
Ceará 0 x 1 Corinthians
Castelão

O Corinthians está classificado para a Copa Libertadores de 2020. Na noite desta quarta-feira, a equipe alvinegra venceu o Ceará por 1 a 0, no Castelão, em Fortaleza, pela 37ª rodada do Brasileirão e confirmou vaga para a próxima edição do torneio sul-americano. O gol do Timão foi marcado pelo atacante Gustavo, já na reta final do segundo tempo.

Com o triunfo, os corinthianos chegaram aos 56 pontos e assumiram a sétima colocação da competição nacional. No entanto, com a vitória do São Paulo sobre o Internacional, o time de Dyego Coelho já sabe que precisará disputar as preliminares da Libertadores no ano que vem.

Anota aí, Fiel!

  • O Corinthians volta a campo no próximo domingo, às 16h, para enfrentar o Fluminense, na Arena, em Itaquera, pela última rodada do Campeonato Brasileiro. Na segunda-feira (dia 9/12), cabe destacar, todo elenco corinthiano entra de férias.

Escalação

Em meio a lesões e escolhas técnicas, Dyego Coelho realizou três alterações na equipe titular do Corinthians: com incômodo na panturrilha, Pedrinho deu lugar ao meia Mateus Vital; Ramiro e Boselli, por opção do treinador, entraram nas vagas de Clayson e Gustavo.

Com isso, o Corinthians foi a campo no Castelão com Cássio; Fagner, Manoel, Gil e Carlos Augusto; Gabriel e Júnior Urso; Janderson, Mateus Vital e Ramiro; Boselli.

Titulares contra Ceará

Meu Timão

O Ceará, por sua vez, começou a partida com Diogo Silva; Samuel Xavier, Eduardo Brock, Luiz Otávio e João Lucas; Fabinho, Ricardinho, Leandro Carvalho, Felipe Baxola e Lima; Thiago Galhardo.

O jogo

Primeiro tempo

Diferente do esperado, o primeiro tempo foi bastante morno e com pouca emoção no Castelão. Não à toa, o primeiro lance de perigo da partida aconteceu aos 20 minutos, quando Ricardinho, do Ceará, cobrou falta e obrigou Cássio a fazer uma grande defesa.

Pouco tempo depois, aos 23, Gabriel deu bom lançamento para Janderson, que invadiu a área, fintou o marcador e finalizou para fora, por cima da meta adversária. Boselli, que estava livre no meio da área, reclamou muito com o garoto por não ter cruzado para o meio da área (atitude do argentino, inclusive, irritou o ídolo e ex-jogador Chicão).

Aos 28, Ramiro cobrou falta, Manoel tentou a cabeçada e a bola sobrou para Mateus Vital. O meia-atacante finalizou da entrada da grande área, mas viu o defensor Eduardo Brock salvar o tento em cima da linha. Foi a melhor chance da primeira etapa.

Com exceção de um chute de Leandro Carvalho e uma falta defendida pelo corinthiano Cássio já nos acréscimos, pouca coisa aconteceu até o apito final. Assim, as equipes foram para os vestiários com o empate parcial por 0 a 0 no placar.

Segundo tempo

Mesmo com um desempenho abaixo nos primeiros 45 minutos, o interino Dyego Coelho não promoveu alterações em sua equipe e o Corinthians voltou para a etapa final com a mesma formação que iniciou a partida.

E logo na primeira chegada ao ataque, o Timão quase inaugurou o marcador. Carlos Augusto avançou até a linha de fundo e tocou para trás, onde estava o jovem Janderson. O atacante, então, ajeitou a bola e mandou uma bomba na trave adversária.

Aos sete, o árbitro foi ao VAR analisar um suposto pênalti de Fagner em Leandro Carvalho. E depois de alguns minutos, o juiz anulou toda a ação por toque de mão do atleta do Ceará no início do lance.

O jogo seguiu e o Corinthians teve outra boa chance para balançar as redes. Urso recebeu pela direita, deixou dois marcadores para trás e rolou para Vital, que viu seu chute ser bloqueado antes de ir para o gol.

Com 20 minutos, Coelho promoveu a primeira alteração no time alvinegro: Ralf entrou no lugar de Gabriel, que já havia recebido cartão amarelo e preocupou o treinador.

Em seguida, o Ceará viu Lima ser expulso por falta em Ramiro. Imediatamente, Coelho colocou Clayson na vaga de Urso. No ataque seguinte, então, Fagner cruzou para a grande área e Vital, que estava livre, cabeceou para fora.

Aos 32, enquanto o Timão ameaçava uma pressão, o atacante Gustavo entrou no lugar de Ramiro.

Cinco minutos depois, o Corinthians enfim abriu o placar no Castelão. Clayson cobrou escanteio e o Gustavo, que havia acabado de entrar, subiu mais que os demais jogadores e cabeceou para o fundo das redes.

Com isso, os alvinegros partiram para cima e quase ampliaram a vantagem, mas Gustavo foi interceptado, Boselli mandou no travessão e Fagner parou em boa defesa do goleiro rival.

Fim de papo no Castelão! O Corinthians venceu o Ceará por 1 a 0 e confirmou vaga na Copa Libertadores de 2020.

Veja mais em: Campeonato Brasileiro.

Quem Atuou

Títulares

Reservas

  • Ralf de Souza Teles

    Ralf

    nota média: 5.7

    1074 votos

  • Clayson Henrique da Silva Vieira

    >Cartão amarelo

    Clayson

    nota média: 4.7

    1084 votos

  • Gustavo Henrique da Silva Souza

    >Gol marcardo

    Gustavo

    nota média: 7.7

    1129 votos

Técnico

Árbitro

Comente a notícia: