Jogada ensaiada, confiança crescendo e 'trabalho mais leve': Coelho comenta vitória do Corinthians

16 mil visualizações 122 comentários

Por Meu Timão

Coelho conquistou sua primeira vitória na volta ao comando do Corinthians

Coelho conquistou sua primeira vitória na volta ao comando do Corinthians

Danilo Fernandes / Meu Timão

A quarta-feira termina bem para a Fiel. Com atuação melhor do que as últimas, o Corinthians bateu o Bahia por 3 a 2 na Neo Química Arena e reagiu no Campeonato Brasileiro. Feliz pelo primeiro triunfo na volta ao comando técnico da equipe alvinegra, Dyego Coelho valorizou a evolução da equipe, sobretudo na parte psicológica.

"A gente tem que continuar trabalhando, pegando o que tem de errado, ganhar confiança. Estamos caminhando, estamos em situação de conseguir competir, trazer isso de volta. Vamos trabalhando, hoje é curtir a vitória e agradecer pelo empenho, ainda mais no final, aquela dedicação. É trabalhar e pensar no próximo jogo depois, para ver quem continua e se tem troca ou não", pontuou, em coletiva após o apito final.

"Melhorar é com trabalho. Volto a repetir, com confiança, resgatar a parte defensiva, que já esta melhorando. Ele sabem o que tem que melhor, mas precisa de tempo, não é do dia para noite. Hoje o importante é deixar leve, contente, com a vitória. É curtir um pouco e amanhã trabalhar", completou.

O treinador também vibrou com o primeiro gol da equipe alvinegra, que veio com Otero em jogada de escanteio ensaiada com Fagner. Além de comentar o lance, Coelho descartou qualquer discussão mais ríspida com Mano Menezes no banco de reservas.

"Não tive discussão nenhuma com Mano, nenhuma. Reclamei do tempo com árbitro, mas jamais vou discutir com alguém como Mano, respeito muito ele. A questão do gol foi uma situação que treinamos, deu certo. Tem que ter confiança, eu jogo junto, estou junto. Quero dar confiança, quero que voltem a sorrir, ter alegria. O Corinthians é assim mesmo, mas o importante é a vitória para a torcida hoje. Que faz muita falta. Nunca imaginei uma situação sem eles aqui, e eles fazem muita falta", afirmou.

"A jogada foi treinada ontem, na bola parado ofensiva, e eles fizeram bom no treino. Com a confiança deles deu certo dentro de campo. A entrada do Bruno era realmente para segurar o resultado", completou.

Por fim, o técnico alvinegro ressaltou a importância do triunfo para o ambiente do Timão, que estava turbulento depois dos últimos resultados - no domingo, inclusive, os atletas lidaram com intimidação da Fiel em protesto no aeroporto.

"Ganhar é sempre bom. Eu gosto de agradecer os jogador, estivemos no jogo 90 minutos, continuamos pressionados, vivos dentro do jogo, defendendo, mas vivos. A vitória é importante para trabalhar mais leve amanhã, sorrir um pouco, que eles precisam disso", finalizou.

Veja mais em: Dyego Coelho.

Veja Mais:

  • VÍDEO: Novo lateral-direito| 'Se o Brasileirão fosse uma cadeia alimentar...'

    ver detalhes
  • Caio Campos, superintendente de marketing do clube e gestor da Neo Química Arena, criticou volta do público nos estádios

    Responsável pela Neo Química Arena sobre público reduzido nos estádios: 'Prejuízo será maior'

    ver detalhes
  • Corinthians acerta contratação de atacante Diogo Vitor

    Corinthians contrata atacante que ficou marcado por inúmeras polêmicas em clube rival

    ver detalhes
  • Corinthians Feminino volta a entrar em campo no próximo sábado

    Corinthians assume liderança isolada do Brasileirão Feminino após derrota de rival

    ver detalhes
  • Corinthians começa sua trajetória na Copa do Brasil em outubro

    Corinthians conhece adversário das oitavas de final da Copa do Brasil na próxima quinta-feira

    ver detalhes
  • Timão tem cometido muitos pênaltis no Brasileirão

    Mão na bola faz o Corinthians ter três pênaltis marcados contra si nos últimos quatro jogos

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: