Sylvinho lembra tempos de base do Corinthians e admite que atletas vivem menos o clube hoje em dia

2.4 mil visualizações 28 comentários

Por Meu Timão

Sylvinho lembrou da época de jogador e falou sobre os tempos atuais do Corinthians

Sylvinho lembrou da época de jogador e falou sobre os tempos atuais do Corinthians

Rodrigo Coca/Agência Corinthians

O técnico Sylvinho ainda está no começo do seu trabalho no Corinthians, mas conhece o Timão de longa data. Cria das categorias de base alvinegras, ele defendeu o clube do Parque São Jorge por mais de uma década enquanto jogador e agora aproveitou para relembrar esse período.

"Os anos passaram, o clube evoluiu, mas é o mesmo também. Clube midiático, projeta demais, 30 milhões de torcedores. É uma grande empresa, que projeta", comentou o comandante no Seleção SporTV. Em pergunta de Casagrande, seu ex-companheiro na época de jogador, reconheceu que hoje os atletas conhecem menos de Corinthians do que antes.

"Tinha uma aproximação maior. Acredito que aconteça também com os demais porque os CTs isolaram de certa forma, é a evolução dos tempos, o atleta tem uma condição de treino muito melhor, mas perde esse lado social, sim. Era um lado gostoso que nós tínhamos. Sobre a base, não tenho uma identificação maior se eles conhecem o clube, mas são gerações diferentes, tempos diferentes. Ganha-se no trabalho e perde-se nesse lado social", afirmou.

Sylvinho ainda aproveitou para recordar sua trajetória até os tempos atuais. "Para mim, voltar, depois de 12, 13 anos, amador e profissional, voltei como auxiliar com Tite e Mano. E tenho a honra hoje de ser treinador do Corinthians. E o processo do clube também é ótimo, CT, muito bom", avaliou.

De olho em um Campeonato Brasileiro que honre a capacidade do atual elenco, ele deixou claro que tem montado o time de acordo com o que o elenco lhe oferece. Sendo assim, é necessário adaptar o que ele pensa de futebol para o que os atletas podem fazer.

"Por mais ideias e conceitos que a gente tenha de futebol, o local é que vai nortear o trabalho do treinador. Obviamente o Corinthians tem uma identidade e eu nunca pensei em usar o contrário. E, a partir dai, pode ser o 4-3-3, 4-2-3-1, e os atletas estão dispostos a exercer a função dentro de campo. A gente vai conhecendo atletas mais jovens, que não tinha esse conhecimento, trabalhar com o atleta, inclusive poder usá-lo em outra função. São versáteis, podem jogar em mais de uma posição até pela condição não só técnica, quanto física. A ideia é sempre essa, ser Corinthians até o fim", concluiu Sylvinho.

Veja mais em: Sylvinho e Base do Corinthians.

Veja Mais:

  • Corinthians terá quarteto de reforços disponíveis para uma partida pela primeira vez

    Com presença de quarteto, Corinthians divulga lista de relacionados para duelo contra o América-MG

    ver detalhes
  • Marcelo Robalinho, empresário e advogado de Jadson, ao lado do ex-camisa 10 do Corinthians

    Justiça bloqueia valor da dívida do Corinthians com empresário de Jadson; veja os detalhes

    ver detalhes
  • Róger Guedes e Willian em último treino do Corinthians antes de enfrentar o América-MG

    Corinthians encerra preparação para enfrentar o América-MG; veja provável escalação

    ver detalhes
  • Paulinho rescindiu contrato com o clube árabe

    Paulinho rescinde contrato com clube árabe; entenda a situação do jogador

    ver detalhes
  • Última foto de Danilo Avelar divulgada pelo Corinthians, no fim de março; jogador treina todos os dias no CT, como manda a legislação, mas o clube não divulga imagens

    Corinthians tem apenas seis dias para realocar Avelar na Série A; poucos países ainda têm janela

    ver detalhes
  • Jogadoras, comissão e estafe do Corinthians feminino doaram 70 cestas básicas neste sábado

    Jogadoras, comissão e estafe do Corinthians feminino doam cestas básicas para população carente

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x