Dia de jogo do Corinthians é sempre um dia diferente

Sarah Tonon

Trabalhou na ESPN e já tem duas Copas do Mundo no currículo. Atualmente produtora do Meu Timão que marcou o amor incondicional pelo Corinthians na pele!

ver detalhes

Dia de jogo do Corinthians é sempre um dia diferente

Coluna da Sarah Tonon

Opinião de Sarah Tonon

3.8 mil visualizações 53 comentários Comunicar erro

Dia de jogo do Corinthians é sempre um dia diferente

Dia de jogo do Corinthians é um dia diferente

Foto: Olhar Maloqueiro

Quando a Fiel canta 'A semana inteira fiquei esperando, pra te ver Corinthians, pra te ver jogando' não tem algo que possa ser tão ao pé da letra possível.

Sei que, assim como eu, todos os loucos do bando contam os dias, horas e minutos pra ver o Timão jogar. Mesmo que seja pela TV. Mas quando vamos pra Arena Corinthians, a história é outra.

Parece que seguimos uma rotina diferente mas que, ao mesmo tempo, é a mesma que seguimos sempre. Ao mesmo tempo que é algo especial e novo a cada vez que fazemos, é também uma coisa predestinada para todos os corinthianos fazerem, como se estivesse implantado em nossos corpos. Claro que cada um tem suas superstições e manias, das mais religiosas às mais estranhas.

A rotina de um corinthiano quando tem jogo começa bem antes do tal dia. Na real, começa logo após o apito final do jogo anterior! Acabou o jogo do domingo, já é hora de pensar no próximo. Nesta semana, por exemplo, o jogo não foi na quarta - o sagrado dia da semana de futebol - mas será hoje, quinta-feira. Aí já foge um pouco do normal... Na verdade, só altera um pouco a ordem das coisas. Usamos a quarta à noite pra dar início aos preparativos do dia seguinte: faz a marmita, escolhe o manto que vai vestir por baixo da roupa do trabalho ou que vai guardar na mochila, pega o ingresso ou o Fiel Torcedor, escolhe os amuletos pra levar e já dá aquele salve no louco do bando que vai te acompanhar: "E aí, tudo certo? É amanhã hein! Vai Corinthians!"

Chega a hora de dormir e... a mente não descansa! A ansiedade fica ali te perturbando madrugada à dentro. Despertador toca: É HOJE! Arruma tudo e partiu que hoje o dia vai ser longo e louco! No caminho do trabalho ou da faculdade, sai curtindo tudo o que aparece de Corinthians nas redes sociais. Entra no Meu Timão e em todos os veículos de comunicação pra saber as últimas notícias e como está a expectativa para o jogo de logo mais. Os grupos do Whatsapp não param e o coração já bate num ritmo diferente, parecido com o som das arquibancadas. Às vezes o dia passa rápido mas tem uns que demoram uma eternidade...

Ufa, acabou! Agora é hora da peregrinação rumo Itaquera. Seja lá de onde você for ou por onde você vai, é sempre um caminho especial até lá. De metrô, carro, ônibus, bike, carona, Uber ou trem, quando você chega ali perto já sente a atmosfera. Tem aqueles que chegam cedo e já entram no estádio. Aqueles que ficam na resenha do lado de fora e entram apenas poucos minutos antes do jogo começar. Uns escolhem comer o lanche de pernil, outros ficam no churrasco, aquela breja, algo mais forte ou só na água pra acalmar o coração. Cada um com sua mania, sua companhia e energia. Todos com a mesma paixão.

Quando o juiz apita o início do jogo, uns se benzem, outros rezam, muitos gritam, cantam e se emocionam. Os 90 minutos seguintes são diferentes a cada partida. Emoções, lances, sensações e histórias novas pra contar e viver. Costumo falar que nenhum jogo é igual, menos ou mais importante. Repararam que essa rotina parece de final de campeonato? Mas não é. Acontece em todo e qualquer jogo do Corinthians, independentemente da importância do jogo. Pra nós, todo jogo é final de campeonato.

E quando chega ao fim, seja na vitória ou na derrota, a Fiel já se pergunta: "Quando é o próximo?" e a rotina de dia de jogo começa tudo de novo.

Veja mais em: Torcida do Corinthians, Arena Corinthians e Especiais do Meu Timão.

Coluna da Sarah Tonon

Por Sarah Tonon

Trabalhou na ESPN e já tem duas Copas do Mundo no currículo. Atualmente produtora do Meu Timão que marcou o amor incondicional pelo Corinthians na pele!

O que você achou do post da Sarah Tonon?