Descaso com o torcedor

Walter Falceta

Walter Falceta Jr. é paulistano, jornalista, neto de Michelle Antonio Falcetta, pintor e músico do Bom Retiro que aderiu ao Time do Povo em 1910. É membro do Núcleo de Estudos do Corinthians (NECO).

ver detalhes

Descaso com o torcedor

Descaso com o torcedor

Setor esvaziado: na bilheteria, ingressos esgotados

Foto: WFJr.

1) Jogo no Pacaembu é nobre festa nostálgica e povo corinthiano merece tratamento cortês e correto. Não foi o que ocorreu nesta estreia da equipe no Campeonato Paulista de 2018.

2) Em ocasiões como esta, ainda mais em período de férias, é normal que o estádio receba torcedores de lugares distantes ou que não têm condições, de tempo ou de dinheiro, para acompanhar religiosamente o time.

3) Nas bilheterias, a informação de que estavam esgotados os ingressos para as áreas acessadas pelo portão principal, amarela e verde. A foto que ilustra este artigo mostra, no entanto, que sobraram muitos lugares nestes setores.

4) Em razão dessa artificial escassez, a opção mais barata era o tobogã, do outro lado do estádio, ou setor laranja, cujos ingressos custavam R$ 70.

5) Como se sabe, as lentas bilheterias não aceitam pagamentos com cartão de débito ou crédito. E uns e outros novatos dançaram com esta restrição. A pergunta é: por que a administradora do sistema só quer trabalhar com dinheiro vivo?

6) A lambança continuou com o bizarro fechamento das duas escadas laterais, à esquerda e à direita do portão principal. É de se indagar qual é a política e a estratégia que leva as forças de segurança a estabelecerem bloqueios desta natureza.

7) Resultado: faltando vinte minutos para o início da partida, o Tales tentava subir à Rua Itápolis pelo barranco. Caiu e rolou. No caminho, derrubou a Márcia, que ele nem conhecia e a quem apresentou genuínas desculpas.

8) Quem vai ao Pacaembu à noite, percebe hoje o magnífico sistema de iluminação de Itaquera. O jogo contra à Ponte Preta parece ter sido disputado na penumbra.

9) Em campo, um Corinthians pouco inspirado e confuso nas conclusões. Fellipe Cardoso, da Macaca, foi expulso aos 42 do primeiro tempo. A equipe campineira se fechou e aproveitou-se da indecisão de Romão e Pedro Henrique para assinalar seu gol solitário.

10) Em cobrança de pênalti, Jadson atrasou a bola para o goleiro Ivan. O turco Kazim, batuta nas relações públicas, precisa aprimorar-se (muito) caso queira tornar-se a referência do ataque. Fraco. As alterações promovidas por Carille, trocando Romero e Clayson por Lucca e Marquinhos Gabriel não surtiram efeito. Decepção para 21.121 torcedores que foram matar a saudade do velho Pacaembu.

11) O time corinthiano tem muito a evoluir. E os gestores corinthianos têm muito a aprender, especialmente no que tange à valorização do corinthiano.

Coluna do Walter Falceta

Por Walter Falceta

Walter Falceta Jr. é paulistano, jornalista, neto de Michelle Antonio Falcetta, pintor e músico do Bom Retiro que aderiu ao Time do Povo em 1910. É membro do Núcleo de Estudos do Corinthians (NECO).

O que você achou do post do Walter Falceta?

  • 1000 caracteres restantes