Cruzeiro 0 x 0 Corinthians - Brasileiro 2019

Brasileiro 2019 - Cruzeiro 0 x 0 Corinthians

https://www.meutimao.com.br/jogo/08-06-2019/brasileiro_2019/cruzeiro-0-x-0-corinthians

02:00

2019-06-08T19:00:00

Corinthians Corinthians 0 x 0 Cruzeiro Cruzeiro

Brasileiro 2019

Sobre a Partida

Em noite inspirada de Walter, Corinthians fica no empate sem gols contra o Cruzeiro

Depois de um amargo adeus à Copa do Brasil, na última terça-feira, o Corinthians voltou suas atenções ao Campeonato Brasileiro, neste sábado. Fora de casa, a equipe alvinegra encarou o Cruzeiro, pela oitava rodada da competição.

Em partida de pouco poderio ofensivo, no entanto, os comandados de Fábio Carille não conseguiram afundar os fantasmas da eliminação com uma vitória. Com grande atuação de Walter, o Timão ficou no empate sem gols no Mineirão.

O ponto conquistado em Minas Gerais altera pouco a situação alvinegra. O time agora ocupa a oitava colocação do torneio, com 12 pontos em sete partidas disputadas - tem um jogo a menos que os times que já jogaram nesta rodada.

Próximo jogo - Resta apenas um compromisso para o Corinthians antes da parada para a Copa América. Nesta quarta-feira, às 21h30, a equipe visita o Santos, na Vila Belmiro, pela nona rodada do Brasileirão.

Escalação

O técnico Fábio Carille promoveu três mudanças na equipe que acabou eliminada contra o Flamengo, no meio da semana. Poupado, Love não viajou à Minas Gerais, assim como Manoel, que fica fora por questões contratuais - está emprestado pelo Cruzeiro. Quem fecha o trio de saídas é Cássio, que está com a Seleção.

O Timão, então, começou o embate com Walter; Michel Macedo, Marllon, Henrique e Danilo Avelar; Ralf, Júnior Urso, Jadson, Sornoza e Clayson; Gustavo.

Corinthians foi com três novidades para Minas Gerais

Corinthians foi com três novidades para Minas Gerais

Meu Timão

Do outro lado, Mano Menezes montou o Cruzeiro com Fábio; Lucas Romero, Dedé, Léo e Dodô; Henrique e Ariel Cabral; Robinho, Thiago Neves e Pedro Rocha; Sassá.

Primeiro tempo

Como de costume, o Corinthians começou a partida rodando a bola e estudando demais o adversário. A exemplo do que aconteceu no embate contra o Flamengo, a equipe demonstrou alguns indícios positivos de evolução, trabalhando a bola de forma rápida. Ainda assim, a dificuldade para criar oportunidades permaneceu.

Apesar de ficar mais com a bola, foi o Timão que tomou o primeiro susto. Aos dez minutos, Pedro Rocha pedalou para cima de Michel Macedo e bateu forte para boa defesa de Walter.

Pouco depois do lance, o lateral, que ocupava vaga deixada por Fagner, sentiu uma lesão e deixou o jogo. O zagueiro Bruno Méndez, que também joga na posição, entrou para fazer sua estreia improvisado.

Méndez entrou na lateral para fazer sua estreia pelo Corinthians

Méndez entrou na lateral para fazer sua estreia pelo Corinthians

Reprodução/TV

A entrada do jogador não mudou o panorama da partida, que já tinha o Cruzeiro atacando muito pelo lado direito da zaga alvinegra. Muito bem postada, porém, a defesa do técnico Fábio Carille obrigou os mandantes a finalizar muito de fora da área.

Aos 20 minutos, a primeira e única chance do Timão na etapa inicial. Gustavo, pouco participativo, dividiu cruzamento com a defesa cruzeirense e obrigou Fábio a fazer uma defesa de bastante reflexo.

Depois disso, só deu Cruzeiro, que tentou chutar de longe e assustou Walter em pouquíssimas oportunidades. O arqueiro corinthiano mostrou segurança e não teve dificuldade nas finalizações que foram em direção à sua meta.

Segundo tempo

Mesmo com a pouca criatividade da primeira etapa, Fábio Carille resolveu manter o time alvinegro para o segundo tempo. Com poucos segundos, quem chegou foi o Cruzeiro, em tentativa de bicicleta sem precisão.

O jogo aparentou ficar mais aberto. Na sequência, o Timão fez boa trama e Júnior Urso finalizou fraco. Logo depois, o time da casa chegou por cima com Dedé e Walter fez grande defesa para evitar o gol adversário.

Com Jadson aparentemente mais solto para circular também pela área central, o Corinthians seguiu trabalhando bem a bola no campo de ataque, mas com mais presença na intermediária do cruzeirense.

Aos 17, uma grande chance. Em boa falta batida por Jadson, Danilo Avelar apareceu livre de frente com Fábio para desviar de cabeça. O goleiro, porém, fez grande defesa para evitar o primeiro gol alvinegro.

Três minutos depois, novo capítulo do embate Dedé x Walter, com nova vitória do arqueiro corinthiano, que encaixou bem para afastar novo perigo. Logo depois, Deivid, bateu de chapa e o camisa 27 fez outra grande intervenção. A pressão continuou e o goleiro novamente foi essencial, espalmando para longe.

Depois da sequência de boas defesas de Walter, Carille promoveu sua segunda mudança - e segunda estreia da noite. Everaldo entrou na vaga de Sornoza - com isso, Clayson foi para a direita e Jadson voltou ao meio, sua função de origem.

Aos 27 minutos, Júnior Urso recebeu de Ralf e tentou bater colocado. O chute acabou sendo desviado, mas deu susto em Fábio. No escanteio, Jadson bateu fechado demais, facilitando a vida da defesa cruzeirense.

Com o jogo mais aberto, as equipes se lançaram mais ao ataque e o Cruzeiro quase teve sucesso rapidamente. Aos 33, Dodô bateu firme de esquerda. A bola carimbou a trave esquerda de Walter, que não teria chance de defesa.

Na sequência, Carille usou sua última troca no jogo, lançando Richard no lugar de Júnior Urso, discreto e aparentando cansaço. Aos 38, Gustagol quase marcou de voleio, aproveitando cruzamento de Clayson.

As duas equipes ainda tentaram criar oportunidades, mas sem sucesso, mantendo o marcador intacto no Mineirão.

Ficha técnica de Cruzeiro 0 x 0 Corinthians

Competição: Campeonato Brasileiro
Local: Governador Magalhães Pinto, Belo Horizonte, MG
Data: 08 de junho de 2019 (sábado)
Horário: 19h00 (de Brasília)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique
Assistentes: Silbert Faria Sisquim e Carlos Henrique Alves de Lima Filho
Árbitro de vídeo: Rodrigo Carvalhaes de Miranda
Cartões amarelos: Robinho (Cruzeiro); Marllon (Corinthians)
Público: 16.120 pagantes (público total: 21.370)
Renda: R$ 353.229,50

CRUZEIRO: Fábio; Lucas Romero, Léo, Dede e Dodo; Henrique, Ariel Cabral (Jadson), Thiago Neves e Pedro Rocha (David); Robinho e Sassá (Raniel).
Técnico: Mano Menezes

CORINTHIANS: Walter; Henrique, Marllon, Michel Macedo (Bruno Méndez) e Danilo Avelar; Ralf e Júnior Urso (Richard); Sornoza (Everaldo), Clayson e Jadson; Gustavo.
Técnico: Fábio Carille

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Comente a partida: Cruzeiro 0 x 0 Corinthians