Brasileirão 2016 - Cruzeiro 3 x 2 Corinthians

Brasileirão 2016 - Cruzeiro 3 x 2 Corinthians

https://www.meutimao.com.br/jogo/11-12-2016/brasileirao_2016/cruzeiro-3-x-2-corinthians

02:00

2016-12-11T17:00:00

Corinthians Corinthians 2 x 3 Cruzeiro Cruzeiro

Brasileirão 2016

Sobre a Partida

Oswaldo de Oliveira não conseguiu classificar o time para a Libertadores

Corinthians decepciona mais uma vez e está fora da Libertadores de 2017

O Corinthians entrou em campo na tarde deste domingo para disputar a última rodada do Campeonato Brasileiro e tentar garantir uma vaga na Copa Libertadores. Derrotado pelo Cruzeiro pelo placar de 3 a 2, a vitória não veio. E nem a classificação.

Após duas semanas de treinamento, o técnico Oswaldo de Oliveira mandou o Corinthians a campo com a seguinte formação: Walter, Fagner (capitão), Vilson, Balbuena e Uendel; Cristian; Ángel Romero, Camacho, Rodriguinho e Marlone; Guilherme.

Antes da bola rolar, um minuto de silêncio foi respeitado no Mineirão em homenagem à Chapecoense. Jogadores e jornalistas se reuniram no círculo central do gramado.

Um para cada lado

O primeiro tempo começou com o Cruzeiro pressionando mais. Antes dos cinco minutos, a equipe mineira já tinha chegado duas vezes ao gol com perigo. Na segunda, aliás, a bola chegou a entrar no gol, mas a arbitragem marcou impedimento de maneira correta.

Minutos depois, porém, foi o Corinthians que abriu o placar. Aos sete minutos, Uendel cobrou escanteio, Rodriguinho desviou e Guilherme tocou para o fundo do gol.

Com o placar favorável para o Timão, o Cruzeiro voltou a ir para cima. Aos 18 minutos, Rafael Sóbis arriscou de fora da área e mandou a bola direto na trave. Um minuto depois, Edimar levou o primeiro cartão amarelo da partida.

Aos 23, Walter não conseguiu evitar o empate. Sóbis dominou a bola, tocou para Robinho, que jogu para Arrascaeta. O uruguaio bateu forte e deixou tudo igual no Mineirão.

Mesmo precisando da vitória, o Corinthians deixou o time mineiro dominar o restante do primeiro tempo. As duas equipes foram para o intervalo com o placar igual.

Adeus, vaga!

Oswaldo de Oliveira não gostou da atuação da equipe nos primeiros 45 minutos e promoveu duas mudanças: o meia Giovanni Augusto entrou no lugar de Romero e Guilherme Arana entrou no lugar de Camacho. Arana, no entanto, foi atuar na lateral e Uendel foi atuar no meio de campo.

Logo no primeiro minuto, Rodriguinho encobre Rafael e marca, mas a arbitragem anula corretamente o gol. Aos nove, a bola entrou e valeu. Fagner tabela com Rodriguinho, recebe e cruza para Marlone, que, sozinho, marca de cabeça o segundo gol do Timão.

A felicidade do Corinthians durou bem pouco. Aos 11 minutos, Robinho levantou na área e Ezequiel, livre, pegou de primeira e empatou o jogo. Minutos depois, aos 13, Robinho, novamente, corta Arana e manda a bola para o fundo do gol marcando um belo gol e ampliando a vantagem mineira.

Aos 30 minutos, Oswaldo fez a última substituição: tirou Uendel e colocou o jovem Léo Jabá. Essa foi apenas a segunda partida do atacante como jogador profissional do Timão. O Corinthians não conseguiu aproveitar os últimos minutos para reverter o placar e a partida terminou com o Cruzeiro apenas segurando o jogo e o resultado.

Como começou a rodada na sétima colocação, o Corinthians precisava da vitória e de uma combinação de resultado para garantir a vaga na Libertadores. A combinação até deu certa - o Botafogo ganhou e o Atlético-PR empatou -, mas o Timão não conseguiu vencer o Cruzeiro e deu adeus a disputa da competição.

Até 2017!

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Comente a partida: Cruzeiro 3 x 2 Corinthians

  • 1000 caracteres restantes