Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

Por Meu Timão

89 mil visualizações 190 comentários Comunicar erro

Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

Agência Corinthians

Eleito o segundo vice-presidente na atual gestão do Corinthians, Jorge Kalil entregou um pedido em formato de carta neste sábado, solicitando a licença de sua função por 60 dias. Classificado dentro do próprio clube como o principal opositor de Roberto de Andrade, o médico atribui a conduta ao afastamento entre os próprios diretores.

“Se eu não concordo com a maneira como o Roberto administra o clube, ou me afasto ou passo a concordar. E eu preferi me licenciar pelos próximos dois meses", declarou, em entrevista ao Yahoo Esportes!.

Além de não concordar com as ações realizadas recentemente dentro do próprio Corinthians, Kalil ainda mencionou diretamente o nome do mandatário do clube, deixando evidente que, não bastasse as polêmicas fora de campo e com os torcedores, Roberto de Andrade também não promove reuniões na atual chapa.

"Quando eu digo que não concordo, não quer dizer que o Roberto está errado. Mas as condutas e as decisões políticas são diferentes da maneira como eu penso. Por exemplo: sabe quantas reuniões de diretoria foram realizadas no ano? Zero”, acrescentou o segundo vice-presidente do Timão.

Em contrapartida, o principal motivo da escolha de Kalil se deve justamente à pressão feita em cima de seu cargo, entre sócios do clube que aprovam a gestão de Roberto de Andrade. Questionado a respeito do processo de impeachment do presidente, o dirigente reiterou seu posicionamento e negou qualquer apoio.

“Sou contra o impeachment e quero deixar isso bem claro. Não vou conspirar”, completou.

Membro da chapa que também possuía Andrés Sanchez, Kalil começou a se afastar após um conflito com Mané da Carne, ex-conselheiro do clube. A partir de então, o desentendimento apresentou reflexos e Kalil passou a ser visto dentro da própria chapa como uma figura de oposição.

Veja mais em: Diretoria do Corinthians e Impeachment.

Veja Mais:

  • Camisa 10 do Corinthians enlouqueceu a Fiel com vídeo publicado em seu Instagram

    Jadson divulga vídeo hilário de brincadeira com Elias e companheiros de 2015; assista

    ver detalhes
  • Os pilares da equipe de vôlei do Corinthians acreditam que faltou união na temporada

    Dupla do Corinthians cita falta de união e critica planejamento da equipe de vôlei do Corinthians

    ver detalhes
  • Fagner foi convocado pelo técnico Tite

    Fagner é convocado por Tite e desfalca o Corinthians no Paulista

    ver detalhes
  • Gustagol deu as caras no gramado no treino desta segunda no CT do Corinthians

    Gustagol volta a treinar com bola e indica retorno ao Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes