Marlone vai ao Puskás com escudo do Corinthians em terno de grife

Marlone vai ao Puskás com escudo do Corinthians em terno de grife

Por Meu Timão

288 mil visualizações 81 comentários Comunicar erro

Marlone concorre ao prêmio de gol mais bonito de 2016; viagem para a Suíça acontece neste sábado

Marlone concorre ao prêmio de gol mais bonito de 2016; viagem para a Suíça acontece neste sábado

Foto: Daniel Augusto Jr./Ag.Corinthians

O meia Marlone terá um compromisso para lá de especial na próxima segunda-feira. Finalista do Prêmio Puskás, que elege o gol mais bonito da temporada no futebol mundial, o jogador representará o Corinthians na cerimônia organizada pela Fifa, em Zurique, na Suíça. Além do tradicional terno de grife, de acordo com o LANCE!, o camisa 8 usará um bottom do Timão no paletó.

Xodó da torcida alvinegra, Marlone embarca pela primeira vez para o Velho Continente neste sábado, ao lado da esposa, Caroline, e da filha, Antonella. A roupa a ser utilizada pelo atleta na festa foi adquirida no Brasil. Já o símbolo do Corinthians, que está longe de ser apenas um apetrecho na vestimenta do meia, foi providenciado pelo departamento de marketing do clube.

Leia também: Veja como votar em Marlone na final do Prêmio Puskás

O ex-jogador do Sport esteve perto de ser negociado com o Atlético-MG dias antes do Réveillon. A ideia da equipe de Belo Horizonte era pagar 3 milhões de euros (R$ 10,2 milhões) pelo destaque do Timão na última edição do Campeonato Brasileiro, mas as tratativas não avançaram. A referência ao Corinthians durante a premiação do Puskás reitera o desejo do armador em permanecer no Parque São Jorge, onde ganhou o carinho da Fiel.

No primeiro semestre de 2016, por exemplo, Marlone demorou a receber chances de Tite e, para piorar, sofreu grave lesão. O retorno aos gramados ocorreu justamente na goleada contra o Cobresal (CHL), pela última rodada da fase de grupos da Copa Libertadores da América, na qual acertou lindo voleio e acabou indicado ao Puskás. De lá para cá, caiu nas graças da torcida e passou a ser ovacionado até mesmo quando não estava em campo.

Por conta da cerimônia, o camisa 8 não se reapresentará ao Corinthians em 11 de janeiro como os demais jogadores do elenco. A viagem de volta ao Brasil está marcada para a mesma data, uma quarta-feira. A tendência é de que ele retome as atividades normalmente no CT Joaquim Grava no dia seguinte, de preferência com o troféu de gol mais bonito de 2016.

Veja mais em: Marlone.

Veja Mais:

  • Pedrinho é esperança ofensiva do Corinthians na Arena da Baixada

    Fora da Libertadores, Corinthians visita Atlético-PR com novo foco e possível 'reforço'

    ver detalhes
  • Avelar tende a receber nova chance como titular do Corinthians na capital paranaense

    Carlos joga 45 minutos pela Seleção Sub-20, e Corinthians deve ter Avelar contra Atlético-PR

    ver detalhes
  • Carlos Augusto, que está na Seleção Brasileira Sub-20, embarca de Goiânia; Vital e os demais viajam para Curitiba saindo de São Paulo

    Com Carlos Augusto, Corinthians relaciona 23 jogadores para enfrentar o Atlético-PR

    ver detalhes
  • Corinthians caiu nas oitavas de final da Sul-Americana 2017, para o Racing (ARG)

    Menos tenso, Corinthians busca a Sul-Americana 2019; seis motivos mostram importância do torneio

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes