Corinthians define novas mudanças na base; ex-goleiro retornará ao clube

Corinthians define novas mudanças na base; ex-goleiro retornará ao clube

74 mil visualizações 101 comentários Comunicar erro

Fernando Yamada, ex-goleiro do Corinthians, será gerente geral da base

Fernando Yamada, ex-goleiro do Corinthians, será gerente geral da base

Foto: Reprodução/Facebook

Depois de voltar atrás em relação à promoção de Dyego Coelho, o comando do departamento de formação de atletas do Corinthians deve anunciar novas mudanças nos próximos dias. A principal envolve o cargo de gerente geral da base, que será ocupado pelo ex-goleiro Fernando Yamada, de 38 anos. A informação, dada previamente pelo site Uol, foi confirmada pelo Meu Timão.

Yamada cresceu nas divisões menores do Timão e atuou pela equipe profissional do clube entre 1998 e 2003. No período, participou da conquista do primeiro título mundial alvinegro, em 2000, contra o Vasco da Gama. Ele anunciou a aposentadoria dos campos em 2014, quando foi convidado por Vampeta a compor a diretoria do Osasco Audax como gerente de futebol, função que exerceu por dois anos.

O retorno de Yamada ao Corinthians tem relação direta com a nomeação de Carlos Nujud para a diretoria do departamento. No último dia 23, o Timão confirmou Nujud, conselheiro vitalício e dirigente do clube em parte da era Alberto Dualib, entre 1998 e 2000, no lugar de Fausto Bittar Filho, que pediu demissão ao presidente Roberto de Andrade por não concordar com aproximação do conselheiro Jacinto Antônio Ribeiro, conhecido como Jaça.

Leia mais - 'Caso Alyson' é ponta do iceberg: veja lista de polêmicas do futebol de base do Corinthians

Pouco depois, aliás, Jaça foi designado ao posto de diretor adjunto. Carlos Roberto Auricchio, o “Nenê do posto”, ex-diretor de futebol do Corinthians nos anos 90, também passou a integrar o comando dos times de base da agremiação como assessor.

Profissional de bom trânsito com Andrade e Nujud, Yamada assumirá a função que estava vaga desde abril do ano passado, quando Fábio Barrozo pediu demissão. O ex-goleiro, no entanto, terá de pôr fim à sua relação com a Think Ball, empresa que agencia a carreira de jogadores da qual é executivo. “Ficaria 100% fora. Não dá para misturar as coisas, pois se caracterizaria conflito de interesses”, respondeu Yamada à reportagem. Marcelinho Paulista, de 43 anos, ex-atleta do clube, chegou a ser cogitado para a ocupação.

Versão oficial

“O Departamento de Formação de Atletas está em reestruturação e o nome do Yamada está em pauta na transição. Ele viria para ocupar o cargo do Rodrigo Leitão.”

O que há por vir?

A reestruturação de um dos principais departamentos do Corinthians não para por aí. De acordo com o próprio Nujud, Rodrigo Leitão, coordenador geral das divisões menores alvinegras, deixará o Parque São Jorge. O motivo da saída do profissional, que é favorito para trabalhar ao lado de Edu Gaspar na CBF, não foi revelado.

Velho nome...

Os laços entre Roberto de Andrade e Yamada se estreitaram no início da temporada, pois o ex-goleiro foi um dos responsáveis por negociar Jadson com o Timão. Fernando, vale lembrar, teve o nome estudado para suceder Flávio Adauto na diretoria de futebol profissional.

Veja a atual disposição dos principais cargos da base do Corinthians

Diretor
Carlos Nujud

Diretor Adjunto
Jacinto Antonio Ribeiro

Assessores
Caio Silva Nascimento
Carlos Roberto Auricchio
Gilberto de Oliveira Lopes
Harlei Rodrigues de Andrade
José Henrique Nadur
Luiz Carlos Lopes de Almeida
Sérgio Fernandes do Prado

Coordenador Geral
Rodrigo Azevedo Leitão

Veja mais em: Base do Corinthians, Parque São Jorge e Roberto de Andrade.

Veja Mais:

  • Elenco fez trabalhos com bola na manhã desta segunda-feira

    Com quatro dúvidas, Corinthians faz penúltimo treino antes de retorno do Brasileirão

    ver detalhes
  • Jonathas (ao fundo) e Avelar (de colete azul) durante treino do Corinthians

    Corinthians aguarda documentações de Avelar e Jonathas, mas acredita em tudo 100% até quarta

    ver detalhes
  • Lateral foi titular em quatro partidas da Copa do Mundo

    Fagner reconhece valorização por Copa, mas não descarta saída do Corinthians

    ver detalhes
  • Último centroavante promovido da base, Carlinhos teve poucas oportunidades entre os profissionais

    Não é só Marciel: Corinthians possui ligação com outros cinco jogadores do Oeste, da Série B

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes