Da opção por Camacho à troca de desenho: como Carille pode armar Corinthians sem Rodriguinho

Da opção por Camacho à troca de desenho: como Carille pode armar Corinthians sem Rodriguinho

Por Meu Timão

136 mil visualizações 281 comentários Comunicar erro

Carille tem dois desfalques para decisão na Arena; um deles já possui suplente definido

Carille tem dois desfalques para decisão na Arena; um deles já possui suplente definido

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

A vitória imponente por 3 a 0 sobre a Ponte Preta em Campinas encaminhou o Corinthians à conquista de seu 28º título do Campeonato Paulista. No entanto, a equipe de Fábio Carille jogará o segundo e decisivo confronto da decisão sem dois atletas titulares, ambos suspensos em virtude do acúmulo de três cartões amarelos: o volante Gabriel e o meia Rodriguinho.

No caso do primeiro, o treinador alvinegro já adiantou que Paulo Roberto é quem assumirá a vaga. O volante contratado do Osasco Audax no início da temporada vem recebendo elogios da comissão técnica, entrou no segundo tempo do duelo no Moisés Lucarelli e terá chance de mostrar serviço na finalíssima.

Em contrapartida, não há definição sobre Rodriguinho. Fábio terá, a partir desta terça-feira, a semana inteira de treinamentos para escolher e preparar o suplente do camisa 26, dono de dois gols e uma assistência na partida de ida ante os campineiros. Abaixo, o Meu Timão mostra as alternativas do comandante corinthiano em relação à ausência do meio-campista.

Entenda os cenários

Substituição por outro armador

Como diz o ditado, “em time que está ganhando não se mexe”. Caso Carille decida seguir tal cartilha, a principal alternativa é optar por outro armador na vaga de Rodriguinho, mantendo o esquema tático e a espinha dorsal da equipe. Neste cenário, Pedrinho e Camacho são candidatos a formar a trinca ofensiva do 4-2-3-1 com Jadson e Ángel Romero.

Entrada de um atacante de velocidade

Com a desvantagem sofrida no jogo de ida, a Ponte Preta terá de se lançar ao campo ofensivo na Arena Corinthians, dando a Carille o poder dos contra-ataques. Diante disso, a entrada de um atacante de velocidade não está descartada. Clayton, Marquinhos Gabriel e até mesmo Pedrinho têm possibilidade de aparecer na finalíssima – caso a alternativa seja promovida pelo técnico corinthiano, contudo, Jadson seria deslocado do setor direito do ataque para o centro, enquanto Romero ocuparia o lugar do camisa 77. O substituto de Rodriguinho, por sua vez, cairia pelo lado esquerdo.

Sai o 4-2-3-1, entra o 4-4-2

Fábio Carille não descarta até implantar outro sistema tático na decisão. A proposta, de sair do atual 4-2-3-1 para o 4-4-2, seria dividir a responsabilidade do ataque alvinegro, hoje concentrada apenas em Jô. Com dois homens de referência, o Timão pode enfrentar os campineiros com uma dupla de ataque composta pelo camisa 7 e por Kazim, a mesma da vitória sobre o Mirassol por 3 a 2 fora de casa, válida pela primeira fase do Paulistão.

Veja mais em: Rodriguinho, Fábio Carille e Campeonato Paulista.

Veja Mais:

  • Fessin anotou o único gol do Corinthians no José Liberatti

    Com goleiro Filipe, Corinthians sai atrás, empata, mas é superado pelo Palmeiras no Paulista Sub-20

    ver detalhes
  • Time comandado por Arthur Elias conquistou nova vitória na temporada de 2018

    Cacau sai do banco, marca golaço e dá vitória ao Corinthians feminino fora de casa

    ver detalhes
  • Corinthians caiu para o Grêmio, na Arena Corinthians

    Corinthians chega a 16 derrotas em 2018; falta uma para igualar pior temporada nesta década

    ver detalhes
  • Romildo Bolzan, presidente do Grêmio, é favor do adiamento das rodadas 23 e 24 do Brasileiro

    Alô Corinthians! Grêmio quer união de rivais por adiamento de rodadas do Brasileirão

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes