Malcom revela conselhos e choro de Tite em sua despedida no Corinthians

Malcom revela conselhos e choro de Tite em sua despedida no Corinthians

Por Meu Timão

5.2 mil visualizações 56 comentários Comunicar erro

Com apenas 18 anos, Malcom tem sido defendido pelo técnico Tite nesta temporada

Com apenas 18 anos, Malcom tem sido defendido pelo técnico Tite nesta temporada

Foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

Titular do time campeão brasileiro em 2015, Malcom atraiu o interesse da Europa no ano seguinte. Com a proposta do Bordeaux na mesa, o garoto de 18 anos teve de decidir rápido se deixaria ou não o Brasil. Para isso, contou com um conselheiro um pouco imparcial. Tite, então treinador do Corinthians, fez de tudo pela permanência do atacante.

"O Tite me disse: 'Foi aqui que você evoluiu e que ganhou a minha confiança e da torcida do Corinthians. Foi aqui que você ganhou título. Você precisa ficar mais um ano ou dois anos para depois explodir na Europa'", contou o jogador à ESPN.

Apesar da tentativa de Adenor de convencê-lo a ficar, Malcom já sabia o que queria. Cercado de expectativa desde as categorias de base, o atacante vivia seu melhor período com a camisa alvinegra e se sentia no momento certo para agarrar a chance, que podia não vir mais.

"Foi então que, nessa conversa, eu disse para o Tite: ‘Professor, é uma oportunidade única na minha vida e vivo meu melhor momento na carreira. Às vezes, a oportunidade não volta. Eu posso ter ido bem agora, mas no ano que vem posso ir mal, não chegar nenhuma proposta e eu acabar esquecido no mercado'", revelou.

Sentimental, Tite não aguentou. Caiu nas lágrimas. Já sabia que perderia o garoto, não só para o time, mas na convivência. Não havia o que falar, a decisão estava tomada pelo jogador.

"Foi aí que o Tite chorou e falou: ‘Você é um garoto por quem eu tenho muito carinho. E tenho muito carinho também por toda a sua família, porque conheço suas origens. Vou torcer muito por você, Malcom. Boa sorte'", lembrou Malcom.

"Aquela conversa, aquilo tudo, me emocionou bastante", completou.

Mesmo longe do Timão, o garoto do terrão segue acompanhando o clube. O atacante compareceu a Arena no último clássico contra o Santos. Em excelente fase e despertando interesse de grandes clubes, Malcom já sonha com reencontro com Tite, agora técnico da Seleção Brasileira.

"É por isso que vou procurar trabalhar mais. Quando eu chegar à Seleção, quero estar preparado. Não é algo que penso para agora, acho que virá naturalmente com meu trabalho. E eu vou trabalhar o dobro nessa temporada para ser lembrado por ele", concluiu.

Veja mais em: Ex-jogadores do Corinthians e Tite.

Veja Mais:

  • Corinthians e Chapecoense voltam a se enfrentar, desta vez pela Copa do Brasil

    TV Globo transmite para dois estados jogo decisivo entre Corinthians e Chapecoense

    ver detalhes
  • Rosenberg e Andrés Sanchez costuram nos bastidores rescisão com a Omni

    Corinthians deve trocar Omni pela IBM na gestão do Fiel Torcedor, diz portal

    ver detalhes
  • Corinthians vai ter programa para definir os melhores preços de ingressos da Arena

    Corinthians fecha parceria com ITA por programa que define preços de ingressos na Arena

    ver detalhes
  • O poder da torcida do Corinthians | #75

    VÍDEO: O poder da torcida do Corinthians | #75

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes